09/07/2018
Por Edilson Silva em Eventos, Jucurutu

Prefeito Valdir prestigiou encerramento do 2º Circuito Junino de Jucurutu

Ao lado de amigos, secretários e populares, o prefeito de Jucurutu, Valdir Medeiros, participou na noite desta sexta-feira, 06, do encerramento das festividades alusivas a 2ª edição do Circuito Junino, evento realizado pelas Secretarias de Educação e Cultura, Assistência Social e Esporte e Turismo.

Estiveram presentes a diretora da Escola Estadual Antônio Batista, Vanuza Paulo; a gestora da Escola Estadual Newman Queiroz, professora Socorro Soares; o diretor da Escola Municipal Wagner Lopes, Vanilson Paulo; a vereadora Maria Ioneide, o professor de Zumba, Kiko Santos; o Secretário de Educação e Cultura, Aminabe Lira; a Adjunta Lucicléia Tomaz e ainda o Secretário de Esporte e Turismo, Nilsinho Batista

“É uma alegria poder propiciar aos jucurutuenses esse momento que fortalece a cultura local. Um evento que já está consolidado em nosso calendário e já ficou provado que é um sucesso em nossa cidade. Mesmo com poucos recursos que nós temos, podemos fazer algo simples e ao mesmo tempo bonito. Parabenizo todos os envolvidos, pois sabemos da situação difícil que enfrentamos economicamente, mesmo assim expressamos aqui a alegria do nosso povo. A cada edição descobrimos novos talentos na arte, na dança, na música, na poesia entre outros”, pontuou o prefeito.

As apresentações na Arena montada no centro da cidade ficaram com o grupo de Zumba, a quadrilha junina da Escola Estadual Antônio Batista, grupo de teatro da Escola Estadual Newman Queiroz, Sertão Nordestino da Escola Municipal Wagner Lopes, quadrilha junina de Acari e Nação Junina de Jucurutu.

Os artistas e filhos da terra, Ray Cantor, Alex Pereira e Cassinho Diferente encerraram a noite com show popular em praça pública.


08/07/2018
Por Edilson Silva em Política

TRF-4 manda soltar Lula! Presidente deixa PF de Curitiba ainda hoje

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região deferiu uma liminar para que o ex-presidente Lula seja solto ainda na manhã deste domingo (7).

O desembargador Rogério Favreto acabou habeas corpus apresentado na sexta (6) pelos deputados Wadih Damous, Paulo Pimenta e Paulo Teixeira, do PT, pedindo que ele fosse libertado imediatamente pois não haveria fundamento jurídico para a prisão dele.

O plantão do TRF-4 confirma a informação.

Segundo o plantonista Luís Felipe Santo, os parlamentares estão agora na sede da Polícia Federal tentando fazer com que a ordem seja cumprida.


08/07/2018
Por Edilson Silva em Astronomia, Vídeo Blog

Um clarão visto no céu do Rio Grande do Norte intrigou moradores de várias cidades na noite deste sábado, (07)

Um clarão visto no céu do Rio Grande do Norte intrigou moradores de várias cidades na noite deste sábado, (07) por volta das 22h35. Os primeiros relatos sobre o ocorrido começaram a aparecer nas redes sociais.

Moradores das cidades de Mossoró, Areia Branca, Assú, Baraúna, Severiano Melo e até em cidades do Ceará como Icapui afirmaram terem presenciado o clarão. As primeiras informações são de que foi visto primeiramente uma bola de fogo e em seguida o clarão na direção do oceano.

“Vi claramente aqui na praia de São Cristóvão e iluminou todo mar. Me pareceu uma explosão de alguma coisa no espaço.”, relatou o internauta Daniel Fortunato.

Nota do Blog: Se foi algum fenômeno astronômico como uma queda de um meteorito ou uma tentativa de contato extraterrestre, ainda não sabemos. Vamos aguardar uma declaração oficial dos especialistas. De qualquer modo, é melhor não se assustar.

Veja:


08/07/2018
Por Edilson Silva em Mundo

Tailândia: começa operação de resgate de meninos presos em caverna

A operação de resgate dos 12 meninos de 11 a 16 anos e do seu treinador de futebol, presos em uma caverna na Tailândia desde 23 de junho, começou na madrugada deste domingo (8) – horário do Brasil, manhã na Tailândia. A informação é do governador da província de Chiang Rai, Narongsak Osatanakorn.

Uma equipe de resgate formada por 18 mergulhadores, sendo 13 internacionais e cinco tailandeses, entraram na caverna e seguem ao encontro dos meninos. A operação pode durar até 4 dias.

Quatro meninos devem deixar a caverna ainda hoje. Equipes médicas os aguardam do lado de fora.

Chove fraco neste momento, mas nuvens escuras na região preocupam, aponta o G1.

As imediações da caverna começaram a ser evacuadas na noite deste sábado (7) – manhã de domingo (8) na Tailândia – para a operação. O entorno da entrada da caverna e as estradas de acesso à região já se encontram desobstruídos.

O grupo, que está na caverna desde 23 de junho, foi encontrado na última segunda-feira (2). Eles foram se abrigar de uma chuva na caverna quando voltavam de um treino de futebol, mas foram surpreendidos por uma inundação.


08/07/2018
Por Edilson Silva em Caicó

Prefeitura de Caicó inicia obras na zona rural com investimento de R$ 3 milhões

Neste sábado (07), o prefeito de CaicóBatata Araújo, esteve no sítio Bom Jesus, onde acompanhou a chegada de equipamentos para a construção de cisternas em várias comunidades rurais do Município de Caicó.

“A partir da comunidade Bom Jesus, nós vamos iniciar um dos maiores programas de construção de cisternas da história de Caicó. A prefeitura viabilizou um convênio com a FUNASA no valor de quase três milhões de reais. Serão construídas mais de 300 cisternas em 112 sítios do Município e centenas de famílias serão beneficiadas com cisternas, cada uma com capacidade para 16 mil litros de água”, disse o prefeito.

Ele destacou ainda que a empresa vencedora da licitação é de Pernambuco e começou a chegar com o material e, a partir do sítio Bom Jesus, serão espalhadas cisternas por todas as regiões de Caicó e a previsão da obra é de quatro meses. “Nós vamos acompanhar de perto essa obra hídrica, mostrando o trabalho que é feito para a zona rural e que trará mais qualidade de vida para o homem do campo”, afirmou Batata.


06/07/2018
Por Edilson Silva em Eventos, Jucurutu

2ª noite do Circuito Junino reuniu quadrilhas matutas e estilizadas de Jucurutu e região

Com o tema “As voltas que o mundo dá ao nosso São João”, a segunda noite de apresentações dentro do II Circuito Junino do município de Jucurutu aconteceu nesta quinta-feira, 05 de Julho.

Várias escolas da rede municipal de ensino e particular estiveram agitando a Arena Junina montada na praça do centro da cidade.

Em seu 2º dia consecutivo estiveram se apresentando: Concerto Junino da Orquestra Filarmônica Francisco Batista dos Santos Lula, Centro Educacional ao Miguel (CESM), Escola Municipal Santo Alexandre, Infantário Doce Melo, Duelo de Poetas (Donizete e Augusto) e a participação especial da Quadrilha Junina Sociá da cidade de Ielmo Marinho.

O momento foi acompanhado por uma mesa solene composta pelo Pe. Luiz Carlos, Secretário de Educação e Cultura, Aminadabe Lira; Secretária de Saúde, Marjorie Ovídeo; Maria Daluz do Centro Educacional São Miguel, Maricely de Fátima gestora do Infantário Doce Mel, Maria Gomes da Escola Municipal Santo Alexandre, Ana Clara Diniz (Vereadora Mirim), Francisco Donizete (Poeta do Distrito de Boi Selado e pelo Maestro Canindé Senna.

O evento cultural que chega ao fim nesta sexta 06, é uma promoção da Prefeitura Municipal de Jucurutu por meio das Secretarias de Educação e Cultura, Assistência Social, Esporte e Turismo e Gabinete.


06/07/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu, Saúde

Secretaria de Saúde divulga rota do carro fumacê em Jucurutu

Buscando intensificar as ações de combate ao mosquito da dengue, a Prefeitura de Jucurutu por meio da Secretaria de Saúde solicitou a Secretaria de Estado da Saúde Pública a vinda do carro fumacê ao município.

No período de 09 a 24 de julho o veículo percorrerá todas as localidades, aplicando o inseticida. A rota iniciará no dia 09 nas comunidades de Boi Selado, Vila do Velame e Freitas.

Confira cronograma:

09/07 – Boi Selado, Vila do Velame e Freitas

10/07 – Abraão Lopes, Bela Vista e Freitas e Centro

11/07 – Vila Santa Izabel, Novo Rumo e Novo Horizonte

12/07 – Novo Horizonte e Barra de Santana

13/07 – Boi Selado, Vila do Velame e Freitas

14/07 – Freitas, Abraão Lopes, Bela Vista, Centro

15/07 – Santa Izabel, Novo Rumo e Novo Horizonte

16/07 – Novo Horizonte e Barra de Santana

17/07 – Boi Selado, Vila do Velame e Freitas

18/07 – Freitas, Abraão Lopes, Bela Vista e Centro

19/07 – Santa Izabel, Novo Rumo e Novo Horizonte

20/07 – Novo Horizonte e Barra de Santana

21/07 – Boi Selado, Vila do Velame e Freitas

22/07 – Freitas, Abraão Lopes, Bela Vista e Centro

23/07 – Santa Izabel, Novo Rumo e Novo Horizonte

24/07 – Novo Horizonte e Barra de Santana


06/07/2018
Por Edilson Silva em Notas

Gasolina sobe 5% em junho; energia elétrica avança 7,93%, informa IBGE

Os combustíveis pesaram no bolso das famílias em junho. Sob pressão da greve dos caminhoneiros, a gasolina ficou 5,00% mais cara nas bombas, uma contribuição de 0,22 ponto porcentual para a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O etanol subiu 4,22% em junho, um impacto de 0,04 ponto porcentual no IPCA.

O óleo diesel, porém, caiu 5,66% no mês, após negociação do governo com os grevistas. As passagens aéreas também ficaram mais baratas, com recuo de 2,05%.

Já a tarifa de ônibus urbano subiu 0,42% em junho, impulsionada pelo reajuste ocorrido no Rio de Janeiro.

Embora a greve dos caminhoneiros, em maio, tenha pressionado a inflação de junho, foi o aumento na conta de luz que mais pesou no IPCA do mês, informou o IBGE. A energia elétrica subiu 7,93% em junho, praticamente o dobro do aumento de 3,53% registrado em maio, o item de maior impacto individual no IPCA do mês, uma contribuição de 0,29 ponto porcentual para a taxa de inflação de 1,26%.

“A energia elétrica subiu porque houve reajuste e também pela mudança para a bandeira tarifária vermelha”, apontou Fernando Gonçalves, gerente na Coordenação de Índices de Preços do IBGE.

A bandeira tarifária vermelha patamar 2 foi acionada a partir de 1º de junho, adicionando uma cobrança extra na conta de luz de R$ 0,05 a cada kwh consumido. Além disso, houve reajustes nas tarifas de energia de concessionárias de Curitiba, Brasília, Porto Alegre e Belo Horizonte.

Os gastos das famílias com Habitação subiram 2,48% em junho. Também houve pressão do gás encanado, que aumentou 2,37%, e do gás de botijão, com alta de 4,08% e 0,05 ponto porcentual de impacto sobre o IPCA do mês. A taxa de água e esgoto aumentou 1,10%, influenciada por reajustes em Curitiba (5,12%), Salvador (4,09%), São Paulo (3,50%) e Recife (2,78%).


06/07/2018
Por Edilson Silva em Natal

Chuva da manhã desta sexta-feira derruba árvore em Nova Parnamirim

Na manhã desta sexta-feira, 6, uma árvore caiu devido as chuvas no bairro Nova Parnamirim, no município de Parnamirim. Segundo informações, o incidente aconteceu por volta das 9h, na rua Petra Kelly.

Nenhum veículo foi atingido e parte da árvore caiu sobre o telhado de uma residência. Não há registro de feridos.


06/07/2018
Por Edilson Silva em Eventos, Jucurutu

Programação do último dia do II Circuito Junino de Jucurutu é divulgada; veja

A Prefeitura Municipal de Jucurutu por meio da Secretaria de Educação e Cultura divulga detalhes do último dia de programação do II Circuito Junino – Edição 2018.

As festividades na Arena Junina montada na praça da Matriz terão início a partir das 20h desta sexta (06/07).

Confira sequência:

Apresentação do Zumba,
Escola Estadual Antônio Batista,
Escola Estadual Newman Queiroz,
Quadrilha Junina de Acari,
Escola Municipal Wagner Lopes e
Show popular com Alex Pereira, Ray Lucas e Cassinho Diferente.


06/07/2018
Por Edilson Silva em Notas

Mega-Sena acumula; próximo concurso deve pagar mais de R$ 27 milhões

O prêmio da Mega-Sena mais uma vez acumulou. Ninguém acertou as dezenas: 18 – 22 – 29 – 34 – 36 – 47. Elas foram sorteadas pelo Caminhão da Sorte na noite dessa quinta-feira (5), na cidade de Rio Grande, no Rio Grande do Sul.

A quina registrou 80 apostas vencedoras. Cada ganhador receberá R$ 24.597,04. A quadra teve 4.927 apostas premiadas; cabendo a cada acertador levará R$ 570,54.

A estimativa da Caixa é de um prêmio de R$ 27,5 milhões para o próximo concurso da Mega-Sena, marcado para este sábado (7), às 20h.

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) de amanhã, em qualquer loja lotérica credenciada pela Caixa em todo o país. A aposta mínima custa R$ 3,50.


06/07/2018
Por Edilson Silva em Notas

59% das cidades não se previnem contra secas, diz pesquisa

Diferentemente do que se costuma imaginar, os episódios de escassez de chuvas não estão restritos ao Nordeste. Pelo contrário, são bem distribuídos por todo o País. Mesmo assim, a maioria dos municípios brasileiros (59%) não apresenta nenhum instrumento voltado à prevenção de desastres naturais e apenas 14,7% tinham no ano passado um plano específico de contingência e/ou prevenção à seca.

É o que mostram as pesquisas Perfil dos Municípios Brasileiros (Munic) e Perfil dos Estados Brasileiros (Estadic) 2017 divulgadas nesta quinta-feira, 5, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). “Pensando sob o ponto de vista do abastecimento das cidades, o semiárido do Nordeste tem a situação mais crônica. Mas temos diversas outras regiões em que estamos no limite da pressão na relação oferta versus demanda”, diz o superintendente de planejamento de recursos hídricos da Agência Nacional das Águas (ANA), Sérgio Ayrimoraes.

“Várias regiões metropolitanas estão pressionadas, porque cresceram, e os investimentos não vieram para que a oferta de água fosse adequada à demanda”, ressalta o superintendente. Ele aponta ainda conflitos pela água em vários locais, como na área do São Francisco.

Segundo a publicação do IBGE, entre 2013 e 2017 praticamente a metade dos 5.570 municípios brasileiros (48,6%) registrou algum episódio de seca. A maior parte se concentra no Nordeste, mas há municípios enfrentando escassez de chuva em todas as regiões.

“No Sudeste ou no Sul, não temos aquela imagem clássica da seca, do rebanho sem alimento, da plantação seca”, avalia a coordenadora de populações e indicadores sociais do IBGE, Vânia Maria Pacheco. “Mas nessas regiões temos episódios de seca, como os que resultaram, por exemplo, na recente crise hídrica em São Paulo e no Rio.”

Esta é a primeira vez que o IBGE aborda a questão das secas no âmbito das administrações municipais e estaduais. Por isso, não há série histórica a acompanhar. Mas, de uma forma geral, segundo Vânia, os desastres ambientais avaliados nas pesquisas (além da seca, enchente, erosão e deslizamento) estão bem distribuídos pelo país. Embora a seca seja o problema mais comum, 31% dos municípios registraram casos de alagamentos, 27,2% de enxurradas, 19,6% de erosão e 15% de deslizamentos.

Até o mês passado, o governo federal reconhecia situação de emergência pela seca em 184 cidades de Minas, Bahia, Paraíba, Piauí, Ceará, Goiás e Pará. Entre os Estados, pela décima vez consecutiva, o governo do Rio Grande do Norte renovou, em junho, o estado de emergência provocado pela escassez hídrica. Segundo levantamento do Executivo, a cada ano de estiagem os prejuízos à economia giram em torno de R$ 4,3 bilhões. Dos 167 municípios potiguares, 134 estão em situação de emergência, reconhecida pelo governo federal.

No Ceará, o Castanhão, maior açude do Estado, está com apenas 8,07% de sua capacidade. Mas esteve pior em fevereiro, com 2,08%, quando atingiu o volume morto.

São Paulo

A escassez de chuva já é sentida na vida de muitos moradores do interior paulista. Em Santa Cruz das Palmeiras faz uma semana que a água chega às torneiras e é cortada com hora marcada. Na cidade, o racionamento começou no dia 28. “Estamos deixando para fazer as tarefas de casa à noite”, afirma a aposentada Maria Aparecida do Rosário. O motivo é que todos os dias, das 8 às 16 horas, o fornecimento de água é interrompido. “É complicado, atrapalha a vida da gente.”

A falta de água também já começa a ser sentida em municípios vizinhos e o motivo é a redução no índice pluviométrico. Medições do Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura (Cepagri) apontam que a região teve chuvas abaixo da média nos primeiros seis meses deste ano. E a situação pode se complicar ainda mais porque o período de estiagem vai até setembro.


06/07/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu

Prefeitura de Jucurutu terá expediente corrido nesta sexta (06)

Assim como os demais órgãos do estado e união, a Prefeitura Municipal de Jucurutu decretou, que o expediente deverá ser corrido ou facultativo nas repartições públicas nos dias em que a seleção brasileira entrar em campo durante os jogos da copa de 2018.

Neste caso, por o jogo desta sexta, 06 ocorrer no horário das 15hs, as repartições sob responsabilidade do governo municipal estarão funcionando com atendimento ao público das 07 às 13h.

No decreto, o prefeito Valdir Medeiros destacou que os efeitos da lei não se aplicam as atividades essenciais.


06/07/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu

Prefeitura de Jucurutu realiza Pregão Presencial para aquisição de produtos alimentícios

A Prefeitura Municipal de Jucurutu realizou procedimento licitatório na modalidade pregão presencial, tipo menor preço por item, que tem por objetivo o registro de preços para aquisição gradativa de gêneros alimentícios a serem utilizadas para atendimento dos cardápios.

A sessão ocorreu nesta quinta-feira, 05 de Julho na sala de licitações que fica na sede da Prefeitura.


06/07/2018
Por Edilson Silva em Brasil

84% dos consumidores brasileiros ‘vivem no aperto’, diz pesquisa

A pesquisa do IBGE divulgada nesta quinta-feira (5) que traçou um perfil dos municípios brasileiros também investigou políticas públicas para a área de habitação nos municípios. Segundo o IBGE, menos da metade dos municípios brasileiros tinham Plano Municipal de Habitação em 2017. O percentual chegava a 39,7% das 5.570 cidades do país no ano passado.

A criação de Plano Municipal de Habitação é exigência para que municípios tenham acesso aos recursos do Sistema Nacional de Habitação de Interesse social.

Segundo o IBGE, apenas pouco mais de um quarto dos municípios (25,7%) tinha plano de habitação articulado com o Plano Diretor da cidade, que é o instrumento básico de formulação de política de desenvolvimento e expansão urbana.

A pesquisa mostrou ainda que apenas 4% dos municípios brasileiros têm secretaria de Habitação exclusiva. Na maior parte das vezes, ou em 42,1% das cidades, a habitação é subordinada a outra secretaria. Quando consideradas cidades com mais de 500 mil habitantes, o percentual com secretaria exclusiva sobe para 23,8%.

Munic investigou ainda a presença, nas cidades, de conselhos municipais de habitação, que são onde governo e sociedade civil se reúnem para elaborar e discutir políticas públicas do setor. Do total, 59,6% tinham Conselho Municipal de Habitação. Dessas, metade tinham conselhos que fizeram pelo menos uma reunião nos últimos 12 meses. Se considerados todos os municípios brasileiros, apenas 30,2% tiveram reuniões do conselho no último ano.

Sob o ponto de vista do financiamento das políticas de moradia, apenas 40% das cidades brasileiras tinham no ano passado um fundo municipal de habitação, onde recursos do orçamento e outras fontes são alocados com esse propósito. Apenas 23,2% têm os três instrumentos: Plano Municipal de Habitação, Conselho Municipal de Habitação e Fundo Municipal de Habitação.

No top três da lista dos dez estados com maior número de municípios com fundo de habitação estão Mato Grosso do Sul, Santa Catarina e Rio de Janeiro. São Paulo ocupa a 14ª posição, atrás de Pará e Minas Gerais.

Com relação à ocorrência de condições precárias de habitação, a pesquisa identificou que 60,6% das cidades brasileiras tinham pessoas vivendo em loteamentos irregulares ou clandestinos. Em 13% havia terrenos ou prédios invadidos por movimentos de moradia. Quando consideradas grandes cidades, com mais de 500 mil habitantes, loteamentos ilegais estão presentes em 97,6% dos locais, enquanto ocupações por movimentos de moradia estão em 73,8%.

A última vez que a Munic investigou o tema habitação foi em 2011, mas houve ligeira mudança na metodologia de coleta. Há, contudo, alguns aspectos comparáveis.

RECORTE TEMPORAL

Entre as medidas possíveis de fazer uma comparação de 2017 com 2011 estão os instrumentos de gestão para promoção de política habitacional.

Houve queda no período de 14,7 pontos percentuais na proporção de cidades com Fundo Municipal de Habitação. Também caiu, em 9,4 pontos percentuais, a proporção de cidades com famílias com interesse em cadastro em programas habitacionais.

Ações diretas das prefeituras em relação à política habitacional também recuaram no período. Houve quedas na proporção de cidades em que as prefeituras construíram unidades habitacionais (-4,5 pontos percentuais) e que urbanizaram assentamentos (-4,5 pontos percentuais).


06/07/2018
Por Edilson Silva em Cursos

Senac RN abre inscrições para cursos profissionalizantes

Para quem busca ingressar, se atualizar ou voltar ao mercado de trabalho, o Sistema Fecomércio RN, por meio do Senac, oferta no 3° trimestre mais de 2 mil vagas em 58 cursos nas áreas de Segurança, Comunicação e Design, Gastronomia, Informática, Beleza, Gestão e Negócios, Saúde, Turismo, Hospitalidade e Lazer.

As vagas estão distribuídas nos Centros de Educação Profissional em Natal (Alecrim, Barreira Roxa, Centro, Zona Norte e Zona Sul), Assú, Caicó, Macaíba e Mossoró.

Os interessados podem efetuar sua matrícula em qualquer unidade do Senac no Rio Grande do Norte. Ao final das capacitações os concluintes recebem certificado reconhecido em todo território nacional.


05/07/2018
Por Edilson Silva em Classificados, Jucurutu

SUPERMERCADO FLORACI marca um golaço de preços baixos

Jogo de Futebol vai bem com um churrasquinho.

Passa no SUPERMERCADO FLORACI – Rede Seridó e garanta ótimos produtos com preço baixo.

#redeserido #supermercados #laranjinha #encartenovo #precobaixo #selecaodeofertas


05/07/2018
Por Edilson Silva em Educação, Jucurutu

Acompanhe a transmissão ao vivo do II Circuito Junino de Jucurutu

Acompanhe a partir das 19h a transmissão ao vivo do II Circuito Junino de Jucurutu através das mídias oficiais da Gestão Municipal. Cobertura da ASSECOM – Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura de Jucurutu.


05/07/2018
Por Edilson Silva em Martins

Tribunal de Contas adia para agosto encontro regional com gestores no município de Martins

Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) adiou para os dias 01 e 02 de agosto o encontro regional no município de Martins que estava programado para os dias 11 e 12 de julho.

O evento, realizado pela Escola de Contas, é o último de 2018 voltado para orientação de gestores sobre a ordem cronológica de pagamento e vai reunir representantes de mais de 30 cidades da região do Alto Oeste potiguar.

A mudança se deu em função da coincidência de datas com uma sessão plenária aprazada para o mesmo dia da abertura do evento, e foi definida em consonância com os parceiros Femurn e Fecam. As inscrições continuam abertas e podem ser realizadas no site do Tribunal, no link http://www.tce.rn.gov.br/EscolaContas/Inscricoes

Também ficam mantidas as inscrições já realizadas até agora, bem como o local do evento, no auditório do hotel Chalé Lagoa dos Ingás, Rua Trinta e Um de Março, 176 – Camboa, Martins, RN.


05/07/2018
Por Edilson Silva em Natal

Câmara e UFRN planejam especialização em gestão pública para servidores

Os servidores da Câmara Municipal de Natal poderão ser beneficiados com uma parceria entre a Câmara e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), com um curso de especialização em gestão de políticas públicas.

A parceria deverá beneficiar servidores do quadro efetivo, comissionados e até os terceirizados. O curso deverá ser oferecido a 30 servidores, que serão selecionados pela Câmara, segundo a professora do Departamento de Políticas Públicas da UFRN, Maria do Livramento Miranda Clementino.

Ela diz que a especialização tem foco na visão do desenvolvimento municipal. “É um curso de pós-graduação e a universidade certifica os servidores selecionados pela Câmara. Sem dúvidas vai contribuir para a melhoria dos serviços de assessoria dentro da Casa”, explicou a professora.


Página 4 de 590« Primeira...23456...102030...Última »


Facebook


Twitter