13/04/2018
Por Edilson Silva em Paraíba, Tempo

Noite de forte chuva em São Bento e outras cidades paraibanas

Na noite desta quinta-feira, 12/04, choveu em vários municípios da  região. Há registros de chuvas em São Mamede, Malta, Patos, Pombal e outros municípios.

Em São Bento caiu um toró, segundo um leitor da Folha Patoense. “Foi chuva grande” disse ele. A foto que ilustra essa matéria foi tirada em São Bento, onde a chuva deu uma diminuídas, mas se vê relâmpagos pra todo lado.

A chuva provocou inundações por toda a cidade. Comenta-se que a chuva pode ter passado dos 150 mm em algumas áreas. As chuvas no sertão Paraibano seguem diretamente, em boa parte, através de vários rios, para o Rio Grande do Norte.


13/04/2018
Por Edilson Silva em RN, Tempo

Defesa Civil alerta sobre risco de construções irregulares no período chuvoso

Com a chuva intensa que caiu em Mossoró esta semana, o trabalho da Defesa Civil se intensifica. Em alguns pontos da cidade as precipitações chegaram a registrar cerca de 90 milímetros, como nos bairros Abolição e Redenção. E foram nessas localidades onde se registraram os maiores problemas.

De acordo com Osnildo Moraes, da Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil, a maioria ocasionados por construções irregulares. No mês de fevereiro, a Defesa Civil já havia alertado sobre o risco de construções em áreas irregulares.


13/04/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu

Comunidade Mutamba recebeu projeto Gestão Itinerante

A prefeitura de Jucurutu realizou nesta quinta-feira (12) mais uma etapa do projeto “Gestão Itinerante”, que tem como objetivo nesta nova fase levar serviços e aproximar a gestão dos cidadãos. O prefeito Valdir Medeiros esteve junto com secretários participando e acompanhando de perto as ações e demandas.

Moradores da comunidade mutamba tiveram acesso a diversos serviços como: Testes de Glicemia, verificação de pressão arterial, atendimento odontológico, atividades esportivas, cadastramento e atualização do programa Bolsa Família, Orientação e reorganização do programa do Leite, orientação e educação nutricional, atividades grupais para crianças, entre outros serviços.

Na oportunidade o prefeito Valdir Medeiros conversou com os moradores da comunidade , onde ouviu de perto os anseios e debateu políticas públicas a fim de proporcionar um diálogo mais claro sobre as ações do município.

“Estamos voltando com o projeto Gestão Itinerante, dessa vez levando até a população das comunidades diversos serviços que o município dispõe, fazendo com que as pessoas sejam atendidas de forma rápida e eficaz, sem falar na oportunidade de conversar direto com os moradores que necessitam serem ouvidos mais de perto”, disse Valdir.


12/04/2018
Por Edilson Silva em Política

Fátima reafirma que nos governos do PT Educação passou a ser tratada como investimento e não mais como gasto

Durante sessão solene da Câmara dos Deputados que homenageou os 10 anos dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs), a senadora Fátima Bezerra lembrou que, durante os governos do PT, de Lula e Dilma Rousseff – houve uma verdadeira revolução no ensino profissional e tecnológico no país. Ela enfatizou que o atual governo quer jogar por terra os avanços na área.

“Luiz Inácio Lula da Silva adotou uma visão de estadista e entendeu que educação deveria ser tratada com uma prioridade real. Em 2003, iniciamos uma gestão quebrando paradigmas. A Educação deixou de ser tratada como gasto e passou a ser entendida como investimento e, assim, o país viveu um momento de grande inclusão educacional”, disse.

Fátima lembrou que, em pouco mais de 13 anos, os governos do PT triplicaram o número de unidades de institutos federais no pais. Até 2002, o país tinha apenas 140 unidades. Hoje, são mais de 600 campi espalhados pelo interior do Brasil. O Rio Grande do Norte passou de duas para 21 novas unidades. “Que orgulho! Eu carrego uma alegria imensa no meu peito – na alma de professora, de menina pobre que fui, assim como o presidente Lula – de ter contribuído para que o Brasil, o Nordeste e o Rio Grande do Norte vivenciassem uma inigualável expansão na educação profissional e tecnológica, nas macros e micros regiões deste país, provendo cidadania para os jovens e adultos”, afirmou emocionada a parlamentar.

“Nessa revolução silenciosa, como sempre afirma o grande presidente Lula, abriu-se o espaço, sempre negado pelas elites, para a inclusão das classes menos favorecidas. Esse modelo plural permitiu o acesso à educação profissional do filho do lavrador, do pedreiro e da emprega doméstica. O filho do pobre, finalmente, conseguiu se formar, mudando o rumo de seus destinos”, completou.

Fátima relembrou uma frase conhecida do antropólogo Darcy Ribeiro, que dizia que só há duas opções nesta vida: resignar-se ou se indignar. “E eu não vou me resignar nunca”. Ela garantiu também que nunca desistirá de lutar pela liberdade do presidente Lula, pela democracia e por uma educação pública inclusiva, gratuita e de qualidade. “Lula entrou para a história como o homem que mais investiu pela educação deste país. Viva os Institutos Federais de Educação de todo o país. Lula Livre, Lula presidente”, concluiu.

A sessão solene foi uma iniciativa da deputada Maria do Rosário (PT-RS) e da senadora Fátima Bezerra (PT-RN), coordenadoras da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Ensino Profissionalizante. O evento também contou com o apoio do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (CONIF).


12/04/2018
Por Edilson Silva em Política

Aécio Neves passa mal e é levado a hospital no DF, diz site

São Paulo – O senador Aécio Neves (PSDB-MG) teve um mal-estar e foi levado ao hospital Santa Lúcia, em Brasília, de acordo com informações do site G1.

O hospital ainda não divulgou o boletim médico, portanto, não se sabem as causas do mal-estar. A assessoria de imprensa de Aécio informou ao G1 que ele foi ao hospital para fazer exames, mas “está bem”.


12/04/2018
Por Edilson Silva em Tempo

Chuvas no Nordeste provoca enchente no Maranhão

A mídia nacional destaca as chuvas acima do normal na região do Maranhão com média de 209 mm. De acordo com a reportagem do G1 de Notícias em dez dias já choveu quase a metade do previsto para o mês inteiro. A média histórica de chuvas no mês de abril é de 476 milímetros, e de acordo com a meteorologia, a previsão é que este número seja ultrapassado.

No município de Tuntum, a 365 km de São Luís ocorreu enchente e de acordo com as primeiras informações, foi causada pelo transbordamento do Riacho Tuntum que cruza a cidade. A água tomou conta rapidamente das ruas e surpreendeu os moradores da região.

Para conseguir passar pelo local, os moradores estão usando canoas ou enfrentando a pé as ruas alagadas. A Defesa Civil do Maranhão está realizando o acompanhamento do caso, mas até o momento não há informações sobre o número de desabrigados no município.

O meteorologista Gunther de Azevedo Resschke explica que a previsão de chuvas para cada mês é realizada com antecedência em conjunto com os centros estaduais de meterologia do Nordeste e o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/INPE). Durante a análise são levados em consideração os campos oceânicos, as condições de vento e atmosfera em determinada região, e após a análise esses padrões são transformados em previsões climáticas de consenso.


12/04/2018
Por Edilson Silva em Assu

Barragem Armando Ribeiro Gonçalves está com 13,8% da sua capacidade total

O nível da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves subiu 29 cm nas últimas 24 horas. De acordo com a medição feita o reservatório acumula 331.194.133.00, o que corresponde a 13,8% da sua capacidade total que é de 2.400.000.000.00 de metros cúbicos de água.

Maior reservatório do Rio Grande do Norte e o segundo do Nordeste, a barragem Armando Ribeiro Gonçalves tem suas comportas localizadas na cidade de Itajá, no Vale do Açu, e capacidade para 2,4 bilhões de metros cúbicos de água. Ela é responsável pelo abastecimento direto de aproximadamente 40 cidades nas regiões Central e Oeste do estado.

No dia 3 de janeiro, a barragem entrou em volume morto. Foi a primeira vez que isso aconteceu desde sua inauguração, em 1983. Com as chuvas que acumuladas este ano, o reservatório voltou a receber água e melhorou a capacidade, mas ainda falta muito para atingir o seu limite máximo.


12/04/2018
Por Edilson Silva em RN

Barragem Passagem das Traíras já acumula um bom volume de água

A Barragem Passagem das Traíras,  acumulou até às o início da manhã desta quinta-feira (12), 3 metros e 30 centímetros de água. O reservatório estava completamente seco, mas as chuvas registradas nas últimas semanas, mudaram completamente a paisagem. Ela tem capacidade de armazenamento de 49.702.394.00  metros
cúbicos.

É importante destacar que a estrutura física da Barragem apresenta problemas na parede que faz o barramento do açude. Com várias trincaduras, o Estado até o momento não realizou o concerto. A construção da barragem foi dada por terminada em 1994, sob a direção do Departamento de Estradas de Rodagem do Rio Grande do Norte, durante o Governo de Vivaldo Costa

A Barragem é uma das mais importantes barragens do Rio Grande do Norte. Faz parte do conjunto de barragens da bacia do rio Piranhas-Açu, tendo barrado o rio Seridó. Situa-se na fronteira dos municípios de São José do Seridó, Jardim do Seridó e Caicó. Ela é o quarto maior reservatório da região do Seridó. Seu nome faz referência a um peixe comum na caatinga, a traíra.


11/04/2018
Por Edilson Silva em Educação

UFRN assina contrato com o Ministério Público do RN para oferta de cursos

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) firmou convênio na tarde desta terça-feira, 10, com o Ministério Público do Estado do RN e com a Fundação Norte-Rio-Grandense de Pesquisa e Cultura (Funpec), para a oferta de oito cursos de extensão através de um ambiente virtual, nos próximos três anos.

As capacitações serão voltadas para os servidores do MPRN, momentos nos quais serão abordados temas afins à área jurídica. Marcus Aurélio de Freitas Barros, promotor do Ministério Público e professor da UFRN, afirmou que a iniciativa é um salto histórico para o setor de gestão de pessoas. “As capacitações com conteúdos à luz da vivência das situações do Ministério, com carga horária de 60 horas, serão mais amplas e profundas, com uma solidez maior, que atravessa até um projeto interno que temos aqui chamado Formar MP”, colocou.

Na mesma perspectiva, a reitora da UFRN, Ângela Maria Paiva Cruz, destacou que a ação coincide com a missão da Universidade de promover o desenvolvimento humano e socioeconômico, não apenas no âmbito da Instituição. “A UFRN tem um conjunto de competências disponíveis para as instituições. E, para nós, essa ação que agora estamos viabilizando é muito importante, pois é um canal freqüente para que o conhecimento produzido aqui possa chegar a cada cidadão do Estado em forma de benefício”.

A assinatura do contrato aconteceu na sede do Ministério Público e contou também com a presença do procurador geral de justiça, Eudo Leite, da secretária de Educação à Distância da UFRN, Carmen Rego, e do vice-diretor da FUNPEC, Gumercindo Fernandes.


11/04/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu

Projeto Cine Sertão estará em Jucurutu a partir de amanhã

A cidade de Jucurutu vai receber esta semana o projeto Cine Sertão, que conta com o apoio de grandes instituições públicas e privadas e tem o objetivo de levar cinema com tecnologia 3D às cidades do sertão potiguar. Estudantes do município com faixa etária entre 6 e 17 anos terão acesso ao cinema e a oficinas sobre Meio Ambiente e Bioma Caatinga.

As exibições do filme Rexy 3D acontecerão no ginásio de esportes do bairro Abraão Lopes, na quinta (12) e sexta-feira (13). Já no sábado (14), será realizada oficina de Meio Ambiente e Bioma Caatinga a partir das 8 horas, no auditório da Escola Wagner Lopes de Medeiros. É importante lembrar que todas as atividades são voltadas exclusivamente para os estudantes.

A Prefeitura de Jucurutu e as Secretarias de Educação e Cultura, Esporte e Turismo são parceiros diretos do projeto.


11/04/2018
Por Edilson Silva em Recife

Em 12 horas, Recife acumula chuva esperada para dez dias em abril

Das 23h da terça (10) até as 11h desta quarta (11), a Prefeitura do Recife registrou um volume de 100 mm de chuva.

O acumulado equivale ao esperado para dez dias. Desde a sexta (6), a capital pernambucana acumulou 322 mm de chuvas, marca que se aproxima dos 326,3 mm esperados para todo o mês de abril.

Durante a manhã, houve transtornos em diversas áreas da capital pernambucana. No bairro do Porto da Madeira, na Zona Norte do Recife, os moradores estão em alerta e vivem com os móveis suspensos, com medo de a água invadir as casas.

“Quando acontece uma chuva dessa, eu fico do lado de fora de casa para acompanhar o nível da água. Por enquanto ainda dá para passar, porque teve dia em que eu já saí com água pela cintura”, conta o aposentado Jonas de Oliveira, morador da região.

Por volta das 4h desta quarta-feira (11), a Agência Pernambucana de Água e Clima (Apac) divulgou um novo alerta de chuvas moderadas a fortes na Região Metropolitana do Recife e na Zona da Mata, válido até o mesmo horário da quinta (12).


11/04/2018
Por Edilson Silva em Política

Mineiro defende Lula e reafirma pré-candidatura de Fátima ao Governo do RN

Em pronunciamento na sessão da terça-feira (10) da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Fernando Mineiro (PT) criticou as “teclas de aluguel” da imprensa potiguar que “se aproveitam dos acontecimentos nacionais para dizer que a senadora Fátima Bezerra [PT] irá desistir da pré-candidatura ao Governo do Estado”.

Para Mineiro, ao contrário desses boatos, os fatos recentes, referindo-se à prisão injusta do ex-presidente Lula, “reforçam nosso projeto em nível local”. Ele enfatizou que as notícias plantadas são “absolutamente falsas”.

“A senadora Fátima, no momento que nós decidirmos de acordo com a nossa tática, vai apresentar seu nome como pré-candidata a governadora do RN. Por mais que os adversários desejem que ela desista, por mais que as teclas de aluguel plantem mentiras em seus blogs e portais, quero reafirmar que ela será nossa candidata ao Governo do Estado”, ressaltou.

Mineiro desafiou os que querem derrota-la a tentar fazer isso “nas urnas, no voto, na política”, mas não com mentiras, “porque não vão poder inventar processos para prendê-la e impedir sua candidatura”.

Ele afirmou que a pré-candidatura de Fátima está sendo construída “a partir do debate com os partidos que querem somar conosco na construção de um projeto para o RN”. Além disso, destacou que Fátima “apoia e tem o apoio de Lula”.

Para Mineiro, o que vai nortear esse projeto “é o enfrentamento a questões como o rombo fiscal, a falta de segurança e a crise hídrica, além de responder às questões da educação, saúde, juventude e mulheres, atendendo às demandas do nosso povo simples da cidade e do campo”.

Mineiro citou o PC do B e o PHS como exemplos de partidos com os quais o PT está dialogando com vistas a formar uma aliança em torno da pré-candidatura da senadora Fátima Bezerra. Além disso, ressaltou que o partido vai apresentar candidatos/as a deputado/a estadual e deputado/federal.

Em seu quarto mandato de deputado estadual, Mineiro é um dos pré-candidatos do PT a Deputado Federal. “Não adianta eleger governador/a e presidente/a sem um Legislativo forte, que não enfraqueça o Executivo”, ponderou.

Perseguição a Lula

Mineiro iniciou seu pronunciamento denunciando que a história brasileira “é marcada pela perseguição àqueles/as que lutam contra a injustiça social”. A afirmação fez referência ao episódio da prisão do ex-presidente Lula, no último sábado (7), em São Bernardo do Campo (SP).

Mineiro afirmou que essa perseguição “é a marca da elite brasileira” e que o ex-presidente, condenado sem provas, “é mais um a enfrentar essa estrutura atrasada”.

“Mas, diferentemente de outros momentos da história, dessa vez temos alguém com profunda ligação com o povo. A elite jamais vai compreender isso, porque não conhece o povo. Lula conhece porque é um do povo”, comentou.

Ele disse que o Supremo Tribunal Federal (STF), esquecendo seu próprio histórico, “tomou a posição de continuar a perseguição” ao ex-presidente ao negar o habeas corpus pedido pela defesa de Lula.

“A Suprema Corte cumpriu o roteiro traçado por um dos golpistas lá atrás, que afirmou que o golpe seria ‘Com o Supremo e com tudo’”, observou, numa referência à famosa frase do senador Romero Jucá (PMDB-RR), em conversa gravada com o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, sobre o “grande acordo nacional” para cassar a presidenta eleita Dilma Rousseff (PT).

Mineiro registrou que o juiz de primeira instância não esperou nem a publicação do acórdão pelo STF para determinar a prisão de Lula.

“Mas os vitoriosos do momento não tiveram como levantar o troféu que desejavam, porque a foto que circulou o mundo não foi a imagem do ex-presidente algemado, mas sim do Lula nos braços do povo em São Bernardo do Campo”, ponderou.

Mineiro destacou que “Lula fez uma profunda transformação social no país”, o que nunca foi aceito pela elite nacional, que ele classificou como “reacionária, ignorante e inimiga da democracia”. “O ódio de classe permeia a história do Brasil”, arrematou.

Ele assegurou que a militância de esquerda, não só petista, “vai enfrentar esse momento de pé”, ressaltando que a razão da perseguição ao ex-presidente Lula é tirá-lo das eleições de 2018.

“Vamos enfrentar o fascismo, o ódio e o preconceito nas ruas, nas redes e onde for preciso. A Direção Nacional do PT se reuniu essa semana para reafirmar que o Lula é o nosso pré-candidato a presidente do Brasil. Vamos fazer a disputa junto com a sociedade”, enfatizou.


11/04/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu

Comunidade Mutamba receberá novo Projeto Gestão Itinerante

Nesta quinta-feira (12), a Prefeitura de Jucurutu retomará o projeto Gestão Itinerante. Desde o ano passado o município vem desenvolvendo o projeto que ouve a população e leva serviços públicos às comunidades.

Nesta primeira edição de 2018, o Gestão Itinerante passou por uma repaginada e será desenvolvido na comunidade da Mutamba, no próximo dia 12 de abril.

Além do Gabinete Civil, estarão presentes as secretarias de Assistência Social, Educação, Saúde, Agricultura, Obras e Esporte.

Serão levadas as seguintes ações:

– Cadastramento e atualização do Programa Bolsa Família;
– Orientação e reorganização do Programa do Leite;
– Visitas domiciliares por assistente social;
– Atividades grupais para crianças e adolescentes;
– Rodas de conversa sobre temas diversos;
– Zumba e atividades laborais;
– Orientação e educação nutricional;
– Atividades lúdicas e pedagógicas;
– Atividades ligadas à área da saúde (enfermeiros e técnicos realizando Teste Rápido de HIV, Sífilis e Hepatite B, atendimentos de Saúde Bucal);
– Atividades ligadas à área da agricultura;
– Atividades esportivas;
– Reformas e reparos em unidades públicas pela Secretaria de Obras;
– Servido de Ouvidoria pelo Gabinete Civil e Secretariado.


11/04/2018
Por Edilson Silva em Economia

IBGE: ricos receberam 36 vezes acima do que ganharam os pobres em 2017

Em 2017, os ricos do país ganharam 36,1 vezes mais do que metade dos mais pobres. Este grupo 1% mais rico da população brasileira, em 2017, teve rendimento médio mensal de R$ 27.213. O valor representa, em média, 36,1 vezes mais do que metade do que receberam os mais pobres – cujo renda mensal foi de R$ 754 naquele ano. Em 2016, o grupo mais rico ganhava 36,3 vezes mais do que a média do rendimento de metade dos mais pobres.

Os dados fazem parte da pesquisa Rendimento de todas as fontes 2017, divulgada hoje (11) pelo  Instituto Brasileiro de Geografia e estatística (IBGE), com base em dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua).

A publicação revela que a massa de rendimento médio mensal real domiciliar per capita, em 2017, foi de R$ 263,1 bilhões. Deste total, os 10% da população com os maiores rendimentos ficavam com 43,3% do total. Os 10% menores rendimentos detinham apenas 0,7% da renda.

Para o coordenador da pesquisa, Cimar Azeredo, os números mostram que a desigualdade ainda é grande no país. “Vamos separar a população inteira, do mais baixo ao mais alto. Se você pega metade dela, verá que a média de rendimento médio dos 50% que ganham menos é de R$ 754, valor mais que 36 vezes menor do que o rendimento da população que ganha os maiores salários, e que chega a R$ 27.213. Os 10% com os maiores rendimentos chegam a deter 43% do total recebido”, afirmou.

Concentração

Na região Sudeste, a concentração de renda foi ainda maior. Nesta região, está a maior parcela da população e reúne rendimento médio mensal real do grupo de 1% mais ricos. No Sudeste, este grupo chegou a ter concentração 33,7 vezes superior ao rendimento médio mensal real de 50% da população com os menores rendimentos – em 2016 era de 36,3 vezes.

A região que apresentou a menor relação foi a Sul (25 vezes, em 2017 e 24,6 vezes em 2016). Em 2016, o número era 36,3 vezes maior.Também foi o Sul que teve a menor desigualdade  com 25 vezes, em 2017 e 24,6 vezes em 2016.

O estudo do IBGE compara o rendimento da população do ponto de vista da distribuição por Grandes Regiões, tipo de rendimento, sexo, cor ou raça, nível de instrução, levando em consideração os indicadores de concentração de renda. Também são avaliados os programas de transferência de renda do governo federal.

Rendimento do trabalho

Os dados do IBGE indicam que, em 2017, as pessoas que tinham rendimento de todos os trabalhos correspondiam a 41,9% da população residente, o equivalente a 86,8 milhões de pessoas, percentual afetado pela crise econômica que afetou o país. Em 2016, o percentual chegava a 42,4% Em 2017, 24,1% dos residentes (50 milhões) possuíam algum rendimento proveniente de outras fontes. Em 2016 este percentual era menor: 49,3 milhões de pessoas tinham rendimento de outras fontes, o equivalente a 24% dos residentes.

O rendimento de outras fontes, mais frequente na população, vinha de aposentadoria ou pensão. Em 2017, 14,1% da população recebia por aposentadoria ou pensão; 2,4%, por pensão alimentícia, doação ou mesada de não morador; 1,9%, por aluguel e arrendamento; enquanto 7,5% recebiam outros rendimentos, como seguro-desemprego, programas de transferência de renda do governo, rendimentos de poupança, valores similares aos de 2016.

Para o coordenador da Pnad Contínua, os números derrubam o mito de que principalmente nas regiões Norte e Nordeste, os programas de transferência renda respondem pela maior parte do rendimento das famílias.

“Isso não é verdade. Quando olhamos o país como um todo, observamos que 73,8% da composição do rendimento da família vem do trabalho, !9,4% de aposentadoria ou pensão e outros rendimentos como aluguel (2,4%), e o restante de pensões, doação de não morador.”

Bolsa Família

Com relação aos programas de transferência de renda do governo federal, a pesquisa constatou que o percentual das famílias brasileiras que recebiam o Bolsa Família caiu 0,6 ponto percentual entre 2016 e 2017, ao passar de 14,3%para 13,7%.

Segundo a pesquisa, o rendimento médio mensal real domiciliar per capita dos domicílios que recebiam o Bolsa Família em 2017 foi de R$ 324, bem inferior ao rendimento médio mensal real domiciliar per capita dos que não recebiam, que era de R$ 1.489.

Os dados indicam que os maiores percentuais de famílias que recebiam algum tipo de benefício dos programas de transferência de renda do governo estavam localizados, no ano passado, nas regiões Norte e Nordeste, com respectivamente 25,8% e 28,4% dos domicílios.

Já o Benefício de Prestação Continuada (BPC) era recebido por 3,3% dos domicílios do país, que tinham rendimento médio real domiciliar per capita de R$ 696 reais. As regiões Norte e Nordeste apresentaram os maiores percentuais (5,6% e 5,2%, respectivamente).

Desigualdade por cor, sexo e instrução

Os números da pesquisa Rendimento de todas as fontes 2017 mostram a continuidade de distorção histórica do mercado de trabalho do país: a desigualdade salarial entre homens e mulheres, cor e raça e por nível de escolaridade.

A pesquisa ratifica a persistência do salário maior para os homens do que para as mulheres. Enquanto o rendimento médio mensal real de todos os trabalhos, no Brasil, foi de R$ 2.178; entre os homens, esta média chegou a R$ 2.410. Já para as mulheres, o rendimento médio mensal registrado foi de R$ 1.868, ou seja: o equivalente a 77,5% do rendimento masculino. Em 2016, essa proporção era ainda menor: 77,2%.

As regiões Nordeste e Norte, apesar de terem os menores valores de rendimento médio mensal real para ambos os sexos dentre todas as demais regiões, apresentaram as maiores proporções de rendimento das mulheres em relação aos homens: Isto é, as maiores taxas de proximidades.

No Nordeste, o salário da mulher equivalia a 84,5% do salário do homem em 2017, enquanto no Norte este percentual era de 87,9%. Em 2016, o salário da mulher equivalia a 88,4% do homem no Nordeste e a 89,2% no Norte.

A Região Sudeste, que registrou a segunda maior média salarial para as mulheres (R$ 2.053) e a maior para os homens (R$ 2.810), foi, paralelamente, a região onde as mulheres registraram a menor proporção do rendimento masculino (73,1% em 2017 ante 71,7% de 2016).

“O Brasil é um país bastante desiguais quando se leva em conta os cortes por sexo, cor e raça, nível de instrução e regiões distintas do país. “Nós somos praticamente cinco país em um só demonstrados pelo retrato de cada uma das cinco regiões”, afirmou o coordenador da pesquisa.

Do ponto de vista da cor e da raça, o IBGE constatou que o rendimento médio mensal real de todos os trabalhos das pessoas brancas era, em 2017, de R$ 2.814, maior que os rendimentos observados para as pessoas pardas (R$ 1.606) e pretas (R$ 1.570).

As mulheres brancas apresentaram rendimentos 29,2% superiores à média nacional de R$.2 178, enquanto as pardas e pretas receberam rendimentos 26,3% e 27,9%, respectivamente, inferiores a essa média.

A mesma distorção foi observada quando a análise é feita sob o ponto de vista do grau de escolaridade, com o nível de instrução se mostrando indicador importante na determinação do rendimento médio mensal real de todos os trabalhos, apresentando uma relação positiva, ou seja: quanto maior o nível de instrução alcançado, maior o rendimento.

“As desigualdades pelos cortes de cor (preta ou parda em relação a Branca) chega a quase à metade. A diferença persiste porque há, no Brasil, como em outras partes do mundo, maior rendimento para aqueles que tem nível superior. Só que a participação de pessoas de cor de nível superior no Brasil é muito baixa”, acrescentou Azeredo.

Segundo o levantamento, as pessoas que não possuíam instrução apresentaram o menor rendimento médio: R$ 842. Por outro lado, o rendimento das pessoas com ensino fundamental completo ou equivalente foi 67,3% maior, chegando a R$ 1.409.

Por fim, aqueles que tinham ensino superior completo registraram rendimento médio aproximadamente 3 vezes maior que o daqueles que tinham somente o ensino médio completo e mais de 6 vezes o daqueles sem instrução.

Edição: Maria Claudia


11/04/2018
Por Edilson Silva em Paraíba

Pelo menos oito açudes sangram no Sertão e Agreste da Paraíba após fortes chuvas

Pelo menos oito açudes estão sangrando na Paraíba, após o nível aumentar com a chegada das chuvas. De acordo com a Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), alguns açudes saíram de um nível com 0% da sua capacidade, para o limite máximo, em apenas uma semana.

O açude Bom Jesus, que fica no município de Carrapateira, ultrapassou a sua capacidade total de águas, chegando a atingir 107,89%. A capacidade total do açude Bom Jesus é de 343,8 mil metros cúbicos, mas chegou, nesta semana, a 370,9 mil metros cúbicos.

Quase na mesma situação também estava o açude São José I, em São José de Piranhas, que saiu de 1% para 103% da capacidade máxima de água. Foram mais de 100 mil metros cúbicos de água transbordando na região.

Já o açude Cachoeira da Vaca, em Cachoeira dos Índios, tinha apenas 8% da sua capacidade total de águas durante o mês de janeiro. Em abril, o açude transbordou pelo menos 20 mil metros cúbicos de água.

Os açudes de Araçagi e Cafundó também sangraram no início do mês de abril e permanecem com o máximo da capacidade de águas. O mesmo aconteceu com os açudes Olho D’Água, Pimenta e Vazante.

O açude Manoel Marcionilo, em Taperoá, transborda desde a última segunda-feira (9), por causa das fortes chuvas na região. O manancial está com mais de 15 milhões de metros cúbicos, o que resolve o abastecimento na região de Taperoá.


11/04/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu

Prefeitura de Jucurutu executa serviços de reparo na estrada da Serra de João Vale

A Prefeitura de Jucurutu por meio das Secretarias de Obras e Serviços Urbanos e Agricultura confirmaram nesta terça-feira (10), o início dos trabalhos de reparo em um trecho da estrada que interliga a Serra de João do Vale ao município de Jucurutu.

O trabalho se faz necessário tendo em vista as últimas precipitações de chuvas que caíram na região e causou danos em algumas partes do trecho, o que vinha obstruindo o fluxo de veículos no local.

Em breve a via estará restaurada, segura e com trânsito livre.


11/04/2018
Por Edilson Silva em Upanema

Pescadores pegam Tambaqui de 45 kg na barragem de Umari, município de Upanema RN

Os pecadores Hugo e Narciso conseguiram fazer um feito inédito e conseguiram pescar um peixe da espécie Tambaqui com 45 kg. O fato se deu na manhã dessa terça-feira (dia 10) dentro da barragem de Umari localizada no município de Upanema/RN.

Outros pescadores de haviam conseguido capturar peixes desta espécie com 35 kg no mesmo reservatório, que tem capacidade para armazenar 300 milhões de metros cúbicos de água.

Em função dos últimos 5 anos de secas, o reservatório (que possui outras espécies nativas como Traíras, Tilápias e Piaus) chegou a ficar com menos de 15% de sua capacidade de armazenamento.

Quando os pescadores chegaram em terra com o peixe vários moradores do assentamento próximo a da cidade foram ver o feito e comprovar que não se tratava apenas de mais uma ‘história de pescador’.

Por Caicó na Rota da Noticia


11/04/2018
Por Edilson Silva em Saúde

Campanha de vacinação contra a gripe tem início dia 23 de abril

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza 2018 será realizada no período de 23 de abril a 1° de junho, sendo 12 de maio o “Dia D” de mobilização nacional. De acordo com a Coordenação Estadual de Imunizações (CEI), a estimativa para esta edição é vacinar mais de 54,4 milhões de pessoas em todo país e 879.430 no Rio Grande do Norte. Tendo como meta vacinar, pelo menos, 90% dos grupos prioritários.

Fazem parte dos grupos elegíveis para a vacinação as crianças na faixa etária de seis meses a menos cinco anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), indivíduos a partir dos 60 anos, trabalhadores da saúde, professores de escolas públicas e privadas, povos indígenas, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.

Segundo Katiucia Roseli, coordenadora de Imunizações, “em 2017, o RN vacinou 85,7% desta população, e para este ano a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) está concentrando esforços, por meio da CEI e das Unidades Regionais de Saúde, para que os municípios vacinem o máximo possível de pessoas pertencentes aos grupos prioritários. A ideia é que assim se possa reduzir as internações, complicações e óbitos causados por influenza”.


11/04/2018
Por Edilson Silva em Currais Novos, Esporte

Seridoense é destaque na Série A2 do Campeonato Paulista

O atacante e Currais-novense Alvinho, foi escolhido na noite da última segunda-feira em São Paulo, o melhor atacante da Série A2 do Campeonato Paulista de Futebol, jogando pelo São Bernardo. O jovem que começou no Potyguar de Currais Novos e foi vice campeão estadual em 2009, vive o seu melhor momento no futebol.

O atacante marcou 10 gols na série A2 do Paulistão, brigando até a última rodada pela artilharia.  Alvinho está na mira de várias equipes do futebol Brasileiro para o Brasileirão 2018.


Página 4 de 565« Primeira...23456...102030...Última »


Facebook


Twitter