14/01/2019
Por Edilson Silva em Caicó, Jucurutu

Caminhão de gás natural capota nesta madrugada, na RN 118, saída Caicó/Jucurutu

Por Caicó na Rota da Notícia – Por volta das 4h desta segunda – feira (14) a Polícia Militar foi acionada devido a um capotamento de um veículo tipo caminhão no anel viário na saída Caicó para a cidade de Jucurutu

No local informado, os policiais encontraram o caminhão (M.Benz/Axor 2540 S – 2007/2007 – Branca Caraúbas/RN de placas MYN 9411) capotado à beira da rodovia.

O Copom acionou o policiamento de trânsito, do 3° DPRE, enquanto a guarnição de Rádio Patrulha dirigiu – se até o Sesp onde encontrou o condutor, vítima do acidente, RONALDO ALVES DOS SANTOS, de 40 anos natural de Caraúbas.

Ele relatou ter capotado o veículo ao tentar livrar um buraco na pista quando saia de Caicó depois de ter abastecido o posto de Ruzão na Boa passagem e estar de retornando a Caraúbas/RN.

Disse ter conseguido sair da cabine pelo parabrísas do caminhão, que quebrou usando os pés, e que foi socorrido por uma pessoa que passava em um veiculo, ao passar pelo posto BV I, na Boa Passagem comunicou a um amigo que acionou a polícia.

O mesmo teve escoriações leves, e um corte em sua mão esquerda, foi atendido e ficou em observação em um leito da urgência do hospital tomando soro.


14/01/2019
Por Edilson Silva em Campo Grande, Tempo

Com chuva de 100mm, Açude do Morcego aumenta mais 17 centímetros em Campo Grande

Neste sábado, 12 de Janeiro, a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) registrou 64,7mm (64 milímetros e 7 décimo) de chuva na cidade de Campo Grande/RN.

Já na Comunidade do Morcego, zona rural do município, foi registrado 100 mm de chuva.

Com essa chuva, o famoso Açude do Morcego, principal ponto turístico da cidade, aumentou mais 17 centímetros.

Na chuva de 80 mm no dia 07 de Janeiro, o açude já tinha aumentando 13 centímetros. Totalizando agora 30 centímetros nas últimas chuvas no município.


12/01/2019
Por Edilson Silva em Angicos, Classificados

Oportunidade de emprego para queijeiro

A Queijaria Opção localizada às margens da BR 304 – Km 135 / Sítio Sombra no município de Angicos está com vaga aberta para queijeiro.

Os interessados fazer contato com a empresa no telefone (84) 9 9870 9111

 


12/01/2019
Por Edilson Silva em Educação

IFRN disponibiliza informações para contratação de estagiários e aprendizes

O início do ano marca o período de contratação de estagiários e aprendizes. Nesse cenário, o Instituto Federal do Rio Grande do Norte – IFRN, objetiva atender diferentes áreas e municípios em busca de oferecer um ensino de qualidade reconhecida. Como parte disso, é disponibilizado um processo diferenciado e isento de taxas administrativas, voltado às instituições públicas e privadas.

Às instituições públicas que buscam estagiários, e privadas, que buscam estagiários e jovens aprendizes, o instituto oferece cursos superiores e  Técnicos.

A Pró-reitoria de Extensão do IFRN – PROEX, informa sua disponibilidade para atender, tirar dúvidas e direcionar os interessados. Para isso, é necessário escolher o curso, fazer contato com a PROEX para ajustar o processo de seleção e realizar a contratação.

Interessados em conhecer mais sobre os programas jovem-aprendiz, cursos, documentos utilizados e outras outras informações, devem acessar ou entrar em contato através do:

Telefone da PROEX: (84) 4005-0778 ou (84) 4005-0779


11/01/2019
Por Edilson Silva em Jucurutu, Religião

Abertura da Festa do Padroeiro São Sebastião aconteceu nesta quinta (10) em Jucurutu

A tradicional Festa de São Sebastião – padroeiro da cidade de Jucurutu, teve início na noite desta quinta-feira, 10 de Janeiro de 2019.

O evento religioso foi aberto as 18h30 com procissão saindo da Igreja de Santa Izabel com Estandarte de São Sebastião em direção a Igreja Matriz. Em seguida foi o Hasteamento do Estandarte de São Sebastião e Missa em Ação de Graças pelos 14 anos do Terço dos Homens.

Nesta sexta, 11 a partir das 19h acontecerá a 1ª Noite de Novena na Igreja Matriz.

Já no sábado dia 12, dentro da programação social, após novena será realizado o Jantar de Confraternização de São Sebastião com música ao vivo.

Preço da senha: R$ 10,00 reais.

Os festejos seguem até 20/01 quando acontecerá às 16h30 – Procissão e Missa Solene de Encerramento da Festa.

Confira imagens do Hasteamento do Estandarte de São Sebastião que abriu oficialmente os festejos em honra ao Santo Padroeiro de Jucurutu. A programação religiosa e cultural acontece no período de 10 a 20 de Janeiro de 2019. Após o ato ocorreu uma Missa em Ação de Graças pelos 14 anos do Terço dos Homens.

Publicado por Blog do Edilson Silva em Quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Imagens da Procissão de Abertura da Festa de São Sebastião, Padroeiro do município de JucurutuO povo jucurutuense celebra seu padroeiro, São Sebastião. Com o tema: "Sinodidade: Missão e Vocação" os festejos tiveram início na noite desta quinta, 10 e seguirá até o domingo, 20 de Janeiro de 2019. Veja imagens da procissão que saiu da Igreja de Santa Izabel em direção a Matriz.

Publicado por Blog do Edilson Silva em Quinta-feira, 10 de janeiro de 2019


10/01/2019
Por Edilson Silva em Ceará

Forte chuva derruba árvores, postes e telhados em Santana do Acaraú

G1 – Uma forte chuva causou estragos para os moradores de Santana do Acaraú, no interior do Ceará, na tarde desta quarta-feira (9). A chuva começou por volta das 14h e durou cerca de 40 minutos. Árvores, postes de iluminação pública, placas de postos de combustíveis não resistiram à forte ventania. Numa igreja evangélica a placa da frente também caiu.

Parte da cidade ficou sem iluminação por quase duas horas.

No Bairro Gerardo Arcanjo, mais conhecido como Rio das Garças, uma casa desabou. Não havia ninguém na residência, o dono do imóvel que mora sozinho, Ataíde Oliveira, disse que não tem para onde ir. “Vou ficar tentando ir pra um e outro agora”, lamenta.

G1 – Foi a primeira grande chuva do ano na cidade. Os moradores relataram que a chuva também veio com muitos raios.

A Defesa Civil de Santana deve fazer um levantamento dos estragos na manhã de quinta-feira e fazer um relatório que será encaminhado à prefeitura da cidade.

O Ceará voltou a receber um bom volume de chuvas em pelo menos 64 municípios entre as 7h desta terça (8) e as 7h desta quarta (9), segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

As regiões que mais receberam chuvas foram o Litoral do Pecém, Fortaleza e Jaguaribana. Na capital, no Posto Messejana, foi registrada precipitação de 30 milímetros. No Posto Castelão, 22, 2 milímetros. E no Posto Água Fria, 9,0 milímetros.


10/01/2019
Por Edilson Silva em Jucurutu

Oportunidade de emprego para queijeiro

A Queijaria Opção localizada às margens da BR 304 – Km 135 / Sítio Sombra no município de Angicos está com vaga aberta para queijeiro.

Os interessados fazer contato com a empresa no telefone (84) 9 9870 9111


10/01/2019
Por Edilson Silva em Jucurutu

Prefeitura de Jucurutu emite nota de pesar pelo falecimento do Maestro João Batista Ferreira

O Governo Municipal de Jucurutu lamenta, com profundo pesar, o falecimento do Maestro Batista que muito contribuiu para a cultura local.

Sua primeira atuação em Jucurutu foi em 1957 no qual formou a primeira turma de música aos 20 anos de idade. Ele foi contratado pelo prefeito naquela época quando ainda era Praça da PMRN e veio residir aqui na cidade, onde mais tarde foi designado também Delegado de Jucurutu.

Passado alguns anos, com a mudança de Gestão, entre outros motivos, deixou Jucurutu e foi morar em outra região.

Na década de 70 retornou onde permaneceu durante os anos 80, 90; ficando até 1998. Dedicou-se uns 20 anos a Filarmônica Francisco Batista dos Santos Lula.

Era considerado o Maestro mais antigo do Rio Grande do Norte em atividade e estava no momento na Regência da Banda de Música do município de Luiz Gomes. Também tinha ganhado prêmio da Assembleia Legislativa por ser o mais antigo e atuante do estado.

Atualmente o Maestro tinha 83 anos, estaria completando 84 em Junho de 2019. Os moradores da cidade de Jucurutu expressam neste momento de dor e profunda saudade suas condolências aos familiares e amigos.


10/01/2019
Por Edilson Silva em Jucurutu, Tempo

Chuva de 25 mm banhou Serra de João do Vale em Jucurutu nesta quarta (09)

A previsão de que as chuvas devem continuar no Estado foram confirmadas pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn).

Confira alguns registros pluviométricos registrados na quarta-feira (09), na região do Seridó:

  • Jucurutu – 20 mm
  • Serra do João do Vale (Jucurutu) – 25 mm
  • Santana do Seridó – 15 mm
  • Sítio Várzea Redonda (Caicó) – 10 mm
  • Bairro Recreio (Caicó) – 11 mm
  • São José do Seridó – 20 mm
  • Granja Santa Isabel (Caicó) – 8 mm
  • Bairro Maynard (Caicó) – 15 mm
  • Bairro Barra Nova (Caicó) – 10,5 mm


09/01/2019
Por Edilson Silva em Jucurutu

Nota de Pesar

O Blog Edilson Silva se solidariza com a família do Maestro João Batista Ferreira, pelo seu falecimento. Homenageado pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte era considerado o mais antigo e atuante no Rio Grande do Norte e estava atualmente desenvolvendo suas atividades no município de Luiz Gomes, mas muito contribuiu com a Filarmônica Francisco Batista dos Santos Lula aqui em Jucurutu.

Que Deus em sua infinita bondade o acolha em sua morada eterna e aqui na terra conforte seus parentes e amigos.


09/01/2019
Por Edilson Silva em Eventos, Jucurutu

Pacote – Paixão de Cristo de Nova Jerusalém no Pernambuco

O espetáculo da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, na verdade, teve sua origem nas encenações do Drama do Calvário, realizadas nas ruas da vila de Fazenda Nova, Pernambuco, no período de 1951 a 1962, graças à iniciativa do patriarca da família Mendonça, o comerciante e líder político local Epaminondas Mendonça. Depois de ter lido em uma revista de variedades como os habitantes da cidade de Oberammergau, na Baviera alemã, encenavam a Paixão de Cristo, Mendonça teve a idéia de realizar um evento semelhante durante a Semana Santa a fim de atrair turistas e, assim, movimentar o comércio do lugar. Os primeiros espetáculos da pequena vila contavam com a participação apenas de familiares e amigos dos Mendonça. Com o passar dos anos, as encenações começaram a atrair atores e técnicos de teatro do Recife e a Paixão começou a ganhar fama e notoriedade em todo o estado. Fazenda Nova, vila do município do Brejo da Madre de Deus, onde aconteceram essas primeiras encenações, fica bem próxima ao local onde hoje se situa a cidade teatro de Nova Jerusalém.

A idéia de construir um teatro que fosse como que uma pequena réplica da cidade de Jerusalém para que nela ocorressem as encenações da Paixão foi de Plínio Pacheco que chegou a Fazenda Nova em 1956. Mas o plano só veio a se concretizar em 1968, quando foi realizado o primeiro espetáculo na cidade teatro de Nova Jerusalém. Desde então, já são 45 anos de apresentações ininterruptas dentro das muralhas, atraindo espectadores de todo o Brasil e do mundo. O maior teatro ao ar livre do mundo é uma cidade teatro com 100 mil metros quadrados, o que equivale a um terço da área murada da Jerusalém original, onde Jesus viveu seus últimos dias. É cercada por uma muralha de pedras de quatro metros de altura e com 70 torres de sete metros cada uma. No seu interior, nove palcos-platéias reproduzem cenários naturais, arruados e palácios além do Templo de Jerusalém, constituindo obras monumentais, concebidas por vários arquitetos e cenógrafos nordestinos e pelo gênio do seu fundador Plínio Pacheco.

Idealizador

Gaúcho de Santa Maria, Plínio Pacheco tinha formação em comunicação pela Força Aérea Brasileira (FAB), mas gostava de dizer que era jornalista autodidata. Chegou à Fazenda Nova em 1956, a convite do então diretor e ator Luiz Mendonça, que na época, interpretava o papel de Jesus no espetáculo da Paixão de Cristo. A peça era representada nas ruas da pequena vila, distrito do município de Brejo da Madre de Deus, com a participação de camponeses, de pequenos comerciantes locais e também de alguns atores e técnicos que atuavam nos teatros de Recife.

Plínio conheceu Diva Mendonça, filha mais nova de Epaminondas Mendonça, criador do espetáculo nas ruas da vila. Plínio e Diva casaram-se, e com o tempo, foram se envolvendo cada vez mais com a produção e coordenação da encenação da Paixão de Cristo.

Em 1962, Plínio Pacheco teve uma idéia. Na verdade, um grande sonho, um sonho de pedra. Plínio vislumbrou a construção de uma réplica de Jerusalém em pleno coração do agreste pernambucano. O lugar, assim como a antiga Judéia, possuía muitas rochas, vegetação rasteira, clima semi-árido e o espaço de terra escolhido para se levantar a cidade-teatro era emoldurado por montanhas.

Em 1963, os cenários começaram a ser erguidos num espaço de 100 mil metros quadrados, equivalente a 1/3 da área murada da Jerusalém da época de Jesus. Plínio Pacheco não só idealizou e construiu a obra em pedra e concreto, mas, também, uma obra literária.

Em 1967, escreveu o texto da peça teatral “Jesus” que seria encenado pela primeira vez em 1968 em Nova Jerusalém já com seus palácios e muralhas iniciados. 45 anos depois, a cidade-teatro, que a cada ano ganha novas intervenções para melhorar as condições de encenação do espetáculo e o conforto do público, já recebeu mais de 2,5 milhões de pessoas, vindas dos quatro cantos da terra para assistir ao mega-espetáculo da Paixão de Cristo.

“A vida colocou-me diante da pedra e da figura de granito que é o homem nordestino. Aquele era meu povo, cantando num cenário de sol. Criar a cidade-teatro. Uma cidade de sete portas e setenta torres. Unir fragmentos dispersos da personalidade humana, transformar homens mutilados em seres humanos completos. A força maior levando aos quadrantes da terra a notícia desta epopéia em granito. A construção da Nova Jerusalém. …Erguida com 80% de recursos próprios, é uma sociedade privada, sem fins lucrativos. É claro que reconheço e todos sabem que tenho como princípio, que ninguém constrói nada sozinho. Diante disto, tenho a obrigação moral de tornar pública a gratidão da Nova Jerusalém e da Sociedade Teatral de Fazenda Nova (STFN) a todos que aqui colocaram pedras, reais ou simbólicas. Mas, nós devemos ter a humildade e reconhecer que essas pedras, pertencem ao patrimônio cultural e artístico do País. Nova Jerusalém é patrimônio do povo. E cidadão nenhum tem o direito de reivindicar gratidão do seu País, porque é obrigação, particular e pública, de cada cidadão ampliar e multiplicar o patrimônio que recebeu dos seus antepassados.”

Pacote – Paixão de Cristo em Nova Jerusalém no Pernambuco

Contatos: (84) 9 9629 7591 falar com Edilson Silva


09/01/2019
Por Edilson Silva em Ouro Branco, Tempo

Ouro Branco: Chuva e vento forte derrubam torre e deixam moradores sem internet

Na tarde dessa terça feira, 08 de janeiro, a cidade de Ouro Branco registrou precipitação chuvosa acima dos 35 milímetros, e causou danos em algumas residências. Um provedor de internet teve sua torre derrubada pelas rajadas de ventos fortes, deixando dezenas de moradores desassistidos de comunicação.


09/01/2019
Por Edilson Silva em Jucurutu, Tempo

Chuvas voltam a banhar a região do Seridó. Confira os registros pluviométricos:

Foto: Jucurutu / Créditos – Edilson Silva

As chuvas voltaram banhar a região do Seridó e na terça-feira (08) foram registradas novas precipitações pluviométricas nas seguintes comunidades:

  • Sítio Angicos (Serra Negra do Norte) – 29 mm
  • Jucurutu – 37 mm
  • Sítio Alecrim (Serra Negra do Norte) – 18 mm
  • Sítio Conceição – 20 mm
  • Sítio Extrema (Jardim de Piranhas) – 45 mm
  • Timbaúba dos Batistas – 15 mm
  • Sítio Santa Cruz (Jardim de Piranhas) – 10 mm
  • Bairro Maynard (Caicó) – 6 mm
  • Sítio Frutuoso (Serra Negra do Norte) – 29 mm
  • Sítio Manhoso – 8 mm
  • Sítio Pitombeira – 15 mm
  • Distrito de Laginhas – 17,5 mm
  • São João do Sabugi – 28 mm
  • Barra da Maniçoba – 30 mm
  • Sítio Caieira (São João do Sabugi) – 16 mm
  • São José do Seridó – 12 mm
  • Sítio Várzea Redonda – 11 mm
  • Sítio Ramada (São Fernando) – 54 mm
  • Distrito Palma – 12 mm
  • Riacho do Meio – 17 mm
  • Sítio Batalha – 68 mm
  • Barragem Passagem das Traíras – 12,5 mm
  • Barra Nova – 8 mm
  • Sítio Montanhas – 45 mm
  • Fazenda Feitosa (São João do Sabugi) – 22 mm
  • Sítio Cachos (São João do Sabugi) – 23 mm
  • Sítio Bonito (São Fernando) – 40 mm
  • Sítio Manhoso – 10 mm
  • Barra da Espingarda – 12 mm
  • Fazenda Angicos – 48 mm
  • Sítio Solidão (Caicó) – 12 mm
  • Sítio Jucuri – 32 mm
  • Nova Olinda (Caicó) – 9 mm
  • Sítio Samanaú (Caicó) – 12 mm
  • Fazenda Riachos (Jardim de Piranhas) – 40 mm
  • Bairro Paraíba (Sexto BPM) – 14 mm
  • Terceira Morada (Jardim de Piranhas) – 35 mm
  • Ouro Branco – 20 mm
  • Sítio Caibreira (Caicó) – 10 mm


09/01/2019
Por Edilson Silva em Apodi, Tempo

Prefeitura monta Força-tarefa para minimizar efeitos das chuvas em Apodi

O período chuvoso mal começou e o município de Apodi já montou uma equipe de Força-Tarefa para trabalhar na minimização dos efeitos das chuvas nas zonas urbana e rural. A ideia é dar uma resposta rápida à população em casos de desabamentos, recuperação de ruas e estradas, alagamentos, dentre outros.

A primeira reunião da equipe aconteceu na manhã desta terça-feira (08), na sede da Secretaria Municipal de Agricultura. Coordenada pela Defesa Civil, ela também é composta pelas secretarias de Obras, Urbanismo, Saúde, Assistência Social e Agricultura, além da equipe de engenharia.

“Estamos nos adiantando a um problema que é comum no inverno e que traz muitos prejuízos ao nosso povo”, comentou o prefeito Alan Silveira durante a reunião.

Nos anos anteriores, a equipe de Força-Tarefa conseguiu bons resultados com este trabalho. Em 2017, por exemplo, uma chuva intensa de 300 milímetros destruiu a rodovia que dá acesso ao Complexo Turístico da Barragem de Santa Cruz. Devido aos esforços de todos que compõem a Força-Tarefa, o acesso foi recuperado no mesmo dia.

Também foi a Força-Tarefa a responsável pelo monitoramento do risco de enchentes no Vale do Apodi. Na época, a equipe percorreu toda a região levantando informações e determinando pontos onde os moradores poderiam buscar socorro em caso de inundações.


09/01/2019
Por Edilson Silva em Jucurutu, Tempo

Chuva banhou Jucurutu nesta terça (08) de Janeiro de 2019

O jucurutuense voltou a ser abençoado com boas precipitações neste início de semana. A chuva que caiu no fim de tarde e noite desta terça-feira, 08 de Janeiro de 2019 molhou bem a terra , tanto na cidade como no campo.

Fim de tarde e início de noite de terça, 08 de Janeiro foi de chuva, raios e trovoadas na cidade de Jucurutu no interior do Rio Grande do Norte. Veja nas imagens do blog.

Publicado por Blog do Edilson Silva em Terça-feira, 8 de janeiro de 2019

#Live Jucurutu – RN08 de Janeiro de 2019.

Publicado por Blog do Edilson Silva em Terça-feira, 8 de janeiro de 2019


09/01/2019
Por Edilson Silva em Angicos, Classificados

Oportunidade de emprego para queijeiro

A Queijaria Opção localizada às margens da BR 304 – Km 135 / Sítio Sombra no município de Angicos está com vaga aberta para queijeiro.

Os interessados fazer contato com a empresa no telefone (84) 9 9870 9111


08/01/2019
Por Edilson Silva em RN, Tempo

Meteorologia explica ventania e chuva de granizo no interior do RN

A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) divulgou, nesta terça-feira (8), nota em que explica a ocorrência de ventos fortes e até de chuva de granizo no interior do estado. Os fatos ocorridos entre a sexta-feira, 4, e essa segunda, 7, são considerados incomuns para a região equatorial, na qual o estado está inserido.

Choveu granizo na sexta-feira em Governador Dix-Sept Rosado, no Oeste potiguar. E nessa segunda, ventou forte em Macau, na região Central. Para a Emparn, o que aconteceu foi um caso excepcional e decorrente do fenômeno chamado de Vórtice Ciclônico de ar Superior. Esse sistema meteorológico pode causar chuvas fortes e distúrbios climáticos como ocorrência de granizo e ventanias.

“Quando tem-se a presença de um sistema meteorológico causador de instabilidade, juntamente com aspectos físicos favoráveis, com o caso do relevo, é possível a formação de nuvens do tipo Cumulus Nimbus, que tem forte formação vertical, atingindo mais de 12 km de altura, e que possa  conduzir as gotículas de água no seu interior, através do movimento vertical a atingir o nível de congelamento, provocando assim a formação das pedrinhas de gelo que dependendo do seu peso, venha a precipitar no formato de granizo”, explica a nota


08/01/2019
Por Edilson Silva em Macau

Moinho de Vento: Fortes ventos derrubam patrimônio histórico de Macau

Por volta das 17 horas desta segunda-feira (07) os macauenses foram pegos de surpresas com fortes rajadas de ventos por toda cidade, logo chegou a notícia que  os fortes ventos derrubaram o símbolo da nossa história, conhecido como o moinho de ventos na entrada de Macau.

O moinho havia passado por forte reestruturação no governo de Zé Antonio Menezes no final dos anos 90, onde ocorreu uma nova reestruturação com o prefeito Kerginaldo em 2013.

Já no governo TLemos o moinho se encontrava em deterioração e foi feito uma nova reforma onde se gastou em torno de R$ 30 mil reais entre aluguel de andaimes que recebeu R$: 15.800,00 e a empresa contratada para restauração levou os outros R$: 14.339,48, investimento que não conseguiu suportar a primeira rajada de vento.

História

O Moinho de Vento é um Moinho Halladay, de tecnologia inglesa do século XIX, importado para Macau por volta de 1910. De vários que existiam no antigo aterro das salinas, só restou este, já recuperado duas vezes, em 1975 e em 1995. Blog Toni Martins.

Forte ventania em Macau arranca telhados, arrasta motos e assusta moradores.

Publicado por Blog do Edilson Silva em Segunda-feira, 7 de janeiro de 2019


08/01/2019
Por Edilson Silva em Classificados, Jucurutu

Ofertas do SUPERMERCADO FLORACI – Rede Seridó

Corre que ainda dá tempo de aproveitar nossas ofertas.

Vem pra o SUPERMERCADO FLORACI – Rede Seridó, vem fazer economia!

#redeserido #superofertas #supermercados

#vempraca #anonovo


08/01/2019
Por Edilson Silva em Eventos, Florânia

Festival de Cinema de Florânia, Cine Fest Flores acontece dias 9 e 10 de janeiro

Localizada na região da Serra de Santana, Florânia realiza nos dias 9 e 10 de janeiro o seu primeiro Festival de Cinema, o Cine Fest Flores. A produção do evento está a cargo da Jota Filmes, com suporte do Ponto de Cultura “Baú de Arte e Cultura”.

O Cine Fest Flores irá exibir 10 produções, entre curtas e médias metragens, entre os quais “O Resgate de Valentim na Toca do Cangaço” e o documentário “A Família Giffoni no Seridó Potiguar”.

Todos os filmes foram produzidos na cidade, envolvendo artistas e técnicos do próprio município. As exibições acontecem no pátrio da Igreja Matriz, na quarta (09) a partir das 19 horas, e quinta (10), com início às 20h.




Facebook


Twitter