11/12/2019
Por Edilson Silva em Mundo

Marie Fredriksson, vocalista do Roxette, morre aos 61 anos

A sueca Marie Fredriksson, vocalista da dupla Roxette, morreu nesta segunda-feira (9) aos 61 anos, informou seu empresário. Em nota divulgada nesta terça-feira, ele disse que ela enfrentou “17 anos de uma longa batalha contra o câncer”.

Per Gessle, integrante do Roxette, lamentou a morte de Marie em uma mensagem publicada nas redes sociais. “Não tanto tempo atrás, passávamos dias e noites em meu pequeno apartamento compartilhando sonhos impossíveis. Estou honrado de ter compartilhado seu talento e generosidade. As coisas nunca mais serão as mesmas.”

Marie nasceu em 30 de maio de 1958, na Suécia, e iniciou sua carreira quando se tornou amiga de seu então futuro companheiro de banda no Roxette, Per Gessle.

Em 1984, ela começou sua carreira solo e, dois anos depois, uniu-se a Per para a formação do grupo.

O Roxette lançou hits como “Listen to your heart”, “It must have been love”, “Joyride”, “Dressed for success”, “How do you do!”, “Sleeping in my car”, “Dangerous” e “Fading like a flower”.

Em 2002, Marie foi diagnosticada com um severo câncer no cérebro e passou por um longo tratamento. Em 2009, a cantora fez uma volta gradual aos palcos, seguindo com seus compromissos musicais e encontros com fãs até 2016, quando os médicos lhe pediram para interromper a turnê e se dedicar aos cuidados com a saúde.

Marie era casada com Mikael Bolyos e tinha dois filhos, Josefin e Oscar. Segundo o comunicado, a família pediu respeito neste momento de dor. O funeral da cantora será reservado apenas a familiares próximos.


01/10/2019
Por Edilson Silva em Mundo

Iceberg gigantesco se desprende na Antártida

Um iceberg de 1.580 quilômetros quadrados, área maior que a da cidade de São Paulo (1.521 quilômetros quadrados), se desprendeu da plataforma de gelo Amery, uma das maiores da Antártida. O fenômeno já era esperado por pesquisadores.

O novo iceberg, chamado D28, se desprendeu totalmente da plataforma no último dia 25 de setembro. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (30/09) pelo Twitter do programa de observação da Terra da União Europeia em parceria com a Agência Espacial Europeia, Copernicus.

O tweet mostra duas imagens capturadas e processadas pelo satélite Sentinel 1. Na primeira, de 20 de setembro, é possível ver uma rachadura em Amery. Na segunda, registrada de cinco dias depois, o iceberg já está completamente separado da plataforma de gelo.

O último grande desprendimento de um iceberg gigantesco na Antártida ocorreu no início da década de 1960, segundo a Nasa, quando um bloco de 9.800 quilômetros quadrados se rompeu.

Especialistas disseram que o desprendimento não tem relação com as mudanças climáticas. “Há muito com o que se preocupar na Antártida, mas não há motivo de alarme não esse caso particular”, afirmou Helen Fricker, do Instituto de Oceanografia Scripps à emissora britânica BBC.

CN/efe/dw

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas.


30/09/2019
Por Edilson Silva em Mundo

Adolescente morre enquanto dormia após celular explodir no travesseiro

Uma menina de 14 anos morreu enquanto dormia após o celular dela explodir no travesseiro. Segundo a polícia local, Alua Asetkyzy Abzalbek, de Bastobe, Cazaquistão, deixou o telefone conectado ao carregador, colocou o fone de ouvido e deixou o aparelho ao lado do travesseiro. Pela manhã, a garota foi encontrada morta com vários ferimentos no rosto.

Os pais de Alua ainda chamaram o serviço de emergência, mas os paramédicos não puderam fazer nada. Segundo a imprensa local, especialistas analisaram o smartphone constataram que ele explodiu após um superaquecimento. Não foi revelada a marca do telefone nem mesmo se o carregador era original.

Uma menina de 14 anos morreu enquanto dormia após o celular dela explodir no travesseiro. Segundo a polícia local, Alua Asetkyzy Abzalbek, de Bastobe, Cazaquistão, deixou o telefone conectado ao carregador, colocou o fone de ouvido e deixou o aparelho ao lado do travesseiro. Pela manhã, a garota foi encontrada morta com vários ferimentos no rosto.

Os pais de Alua ainda chamaram o serviço de emergência, mas os paramédicos não puderam fazer nada. Segundo a imprensa local, especialistas analisaram o smartphone constataram que ele explodiu após um superaquecimento. Não foi revelada a marca do telefone nem mesmo se o carregador era original.


25/08/2019
Por Edilson Silva em Brasil, Mundo

Imagens aéreas da CNN mostram a maior floresta tropical do mundo em chamas

Imagens aéreas mostram a maior floresta tropical do mundo em chamas. A Amazônia brasileira é conhecida como “os pulmões do planeta” por produzir cerca de 20% do oxigênio do mundo. Este inferno ameaça o ecossistema da floresta tropical e também afeta todo o globo.

Veja nas imagens da Rede de TV CNN dos Estados Unidos.

Aerial footage shows Brazil's Amazon rainforest in flames

Aerial footage shows the world's largest rainforest in flames. Brazil's Amazon is known as "the planet's lungs" for producing about 20 percent of the world's oxygen. This inferno threatens the rainforest ecosystem and also affects the entire globe. https://cnn.it/2MCgFuq

Publicado por CNN em Domingo, 25 de agosto de 2019


06/08/2019
Por Edilson Silva em Mundo

Policiais a cavalo conduzem homem negro amarrado e a pé e são criticados nos EUA

G1 – A imagem de dois policiais brancos a cavalo conduzindo um homem negro a pé, algemado e preso por uma corda, gerou polêmica em Galveston, no Texas. O chefe da polícia local divulgou nesta terça-feira (6) um pedido oficial de desculpas, no qual disse que a ação foi “um erro de julgamento” dos oficiais.

Uma foto da cena circula nas redes sociais desde a prisão de Donald Neely, de 43 anos, no sábado, por invasão de propriedade privada. Muitas pessoas comparam a imagem à época da escravidão e criticam os policiais pela maneira humilhante como eles levaram Neely por oito quarteirões, até a central de polícia. Elas também questionam se o mesmo teria sido feito caso o suspeito fosse um homem branco.

No comunicado divulgado nesta terça, o chefe de polícia Vernon Hale afirma que os oficiais deveriam ter aguardado no local da prisão a chegada de uma viatura que pudesse conduzir Neely.

Ele diz que “essa é uma técnica treinada e a melhor prática em alguns cenários”, citando como exemplo o controle de multidões. Mas admite que os policiais envolvidos, identificados apenas como P. Brosch e A. Smith. “demonstraram julgamento fraco nesta situação e poderiam ter esperado por uma viatura no local da prisão”.

Ainda de acordo com Hale, o departamento mudou “imediatamente” sua política para que a prática não seja mais adotada.


15/04/2019
Por Edilson Silva em Mundo, Religião

Incêndio atinge Catedral de Notre-Dame, em Paris

Um incêndio na catedral de Notre-Dame, em Paris, foi confirmado nesta segunda (15) pelo corpo de bombeiros, segundo a agência de notícias Reuters. O fogo foi relatado primeiro por usuários em redes sociais. Não ficou imediatamente claro o que causou o incêndio. A televisão France 2 relatou que a polícia estava tratando o incidente como um acidente.Foi possível ver fumaça saindo do topo da catedral medieval, enquanto as chamas saíam das duas torres dos sinos, afirmou uma testemunha da Reuters.

Uma grande operação dos bombeiros está tentando controlar as chamas, que afetam sobretudo a torre central da catedral, que é visitada por milhares de pessoas todos os dias.

A polícia isolou a área e está retirando os muitos turistas que estavam dentro da catedral, de acordo com a EFE.

A catedral, que remonta ao século 12, é famosa por aparecer no romance clássico de Victor Hugo, “O Corcunda de Notre-Dame”.A igreja está localizada na Île de la Cité (uma pequena ilha no centro de Paris, rodeada pelas águas do rio Sena).


08/03/2019
Por Edilson Silva em Mundo

Como Surgiu o Dia Internacional da Mulher – História

O Dia da Mulher tem origem nas manifestações de grupos femininos russos, que lutavam por melhores condições de vida e trabalho. Também tinham uma postura contra a entrada da Rússia czarista na Primeira Guerra Mundial. Essas manifestações marcaram o início da Revolução de 1917. Porém, a ideia de reservar um dia da mulher já havia aparecido desde os primeiros anos do século XX, nos Estados Unidos e na Europa, em meio às lutas de mulheres por melhores condições de vida e trabalho, bem como pelo direito de voto.

Se você ainda não entendeu como surgiu o Dia Internacional da Mulher – história, então saiba que a data na verdade é uma grande homenagem a um fato que aconteceu nos Estados Unidos.

A origem do Dia Internacional da Mulher

A proposta do Dia Internacional da Mulher foi iniciada na virada do século XX, durante o processo de industrialização e expansão econômica, que levou a grandes protestos sobre as condições de trabalho. As mulheres empregadas em fábricas de vestuário têxtil foram protagonistas de um desses protestos em 08 de março de 1857 em Nova Iorque. O protesto requeria melhores condições de trabalho e salários mais altos.

Porém o que levou mesmo a essa data ser comemorada mundialmente foi a tese do incêndio provocado na fábrica da Triangle Shirtwaist, que também ocorreu em Nova Iorque, em 25 de março de 1911. Foram registradas 146 mortes. Segundo relatos, cerca de 129 trabalhadoras foram trancadas e queimadas vivas. O incêndio da fábrica Triangle é, até hoje, o pior da história de Nova Iorque.

Depois desse episódio, muitos outros protestos foram feitos, e um que se destacou foi o de 1908, onde 15.000 mulheres marcharam sobre a cidade de Nova Iorque exigindo a redução da carga horária, melhores salários e o direito de voto. Sendo assim, o primeiro Dia Internacional da Mulher seguiu-se em 28 de fevereiro de 1909 nos Estados Unidos após uma declaração do Partido Socialista da América. Em 1910 ocorreu a primeira conferência internacional sobre a mulher em Copenhague, dirigida pela Internacional Socialista, e assim, o Dia Internacional da Mulher foi estabelecido.

No Ocidente, o Dia Internacional da Mulher foi comemorado no começo do século, até a década de 1920. Na antiga União Soviética, durante o stalinismo, a data tornou-se elemento de propaganda partidária. Nos países ocidentais, a comemoração caiu no esquecimento por um longo período e foi somente recuperada pelo movimento feminista, já na década de 1960. Na atualidade, a celebração do Dia Internacional da Mulher perdeu parcialmente o seu sentido original, adquirindo um caráter festivo e comercial. Em 1975, foi designado pela ONU como o Ano Internacional da Mulher e, em dezembro de 1977, o Dia Internacional da Mulher foi adotado pelas Nações Unidas, para lembrar as conquistas sociais, políticas e econômicas do público feminino.


01/03/2019
Por Edilson Silva em Mundo

Terremoto de 7,3 graus na escala Richter atinge o Peru

Um terremoto foi registrado no Nordeste do Peru, na região turística de Arequipa, por volta das 5h50 de hoje (1º). Os tremores foram sentidos em várias áreas.

O Centro Nacional de Sismologia informou que o terremoto foi de magnitude de 7,3 graus na escala Richter e de 7 graus no epicentro, a 223 quilômetros de Arequipa.

O Serviço Hidrográfico e Oceanográfico da Marinha (SHOA) do Chile informou que  não há alerta de tsunami para as costas chilenas, mas houve uma advertência preventiva.

* Com informações da TVN, emissora pública de televisão do Chile


11/02/2019
Por Edilson Silva em Mundo

Governo japonês vai reduzir uso de plástico em órgãos públicos

O governo japonês decidiu cortar o uso de produtos de plásticos em cafeterias e lojas em cerca de 200 órgãos e instituições ligadas ao governo, como universidades, a partir do ano fiscal de 2019, que tem início em abril.

A decisão tem como objetivo reduzir a quantidade de dejetos de plástico nos oceanos. Ela foi tomada quando as diretrizes para a assinatura de contratos entre o governo e operadoras de cafeterias e lojas estavam sendo revisadas.

Será pedido às operadoras de cafeterias que evitem o uso de talheres e recipientes descartáveis de plástico. A exceção é para serviços a portadores de deficiências.

Os donos de lojas de conveniência e demais varejistas serão orientados a deixar de fornecer sacolas plásticas, além de canudos e colheres de plástico.

O governo afirma que só irá assinar contratos com entidades capazes de atender aos novos padrões.

O ministro do Meio Ambiente, Yoshiaki Harada, afirmou que as novas diretrizes serão rigorosamente aplicadas. Ele disse acreditar que a campanha do governo incentive autoridades provinciais, municipais e diversos setores industriais a adotar a medida.

*Com informações da NHK (emissora pública de televisão do Japão)


31/12/2018
Por Edilson Silva em Mundo

Ano Novo já chegou à Nova Zelândia, Austrália e ao Reino de Tonga

O Ano Novo já chegou à Nova Zelândia e ao Reino de Tonga, na Polinésia. O ano de 2019 foi recebido com muita festa, fogos de artíficio e desejos de sonhos e projetos realizados. A imprensa neozelandesa destacou imagens das celebrações. Porém, no Reino de Tonga a preocupação é com a possibilidade de um vendaval atingir a região.

O Ano Novo também chegou à Austrália. Sidney, uma das cidades mais populosas do país, fez uma verdadeira festa com fogos de artíficos, shows e muita comemoração.

No Reino de Tonga houve alerta de ventos intensos oriundos de Fiji, com ameaça de ciclone tropical. Um aviso de tempestade e fortes ondas também está em vigor.

Na Nova Zelândia, houve espetáculos de música em várias cidades. O jornal Nova Zelândia Herald, um dos principais do país, destaca a presença de caravanas de turistas estrangeiros, inclusive brasileiros. Com informações da Agência Brasil.


23/12/2018
Por Edilson Silva em Mundo

Número de mortos por tsunami na Indonésia sobe para 222

Jacarta, Indonésia -O balanço de vítimas fatais do tsunami provocado por uma erupção vulcânica na Indonésia subiu a 222, com mais de 800 pessoas feridas, anunciaram as autoridades neste domingo.

“Morreram 222 pessoas, 843 estão feridas e 28 desaparecidas”, afirmou o porta-voz da Agência Nacional de Desastres, Sutopo Purwo Nugroho.  O balanço anterior era de 168 mortos.


04/08/2018
Por Edilson Silva em Mundo

Calor extremo da Europa derrete o pico mais alto da Suécia

A montanha Kebnekaise perdeu quatro metros de neve entre 2 de julho e 31 de julho, e não é mais o ponto mais alto do país.

Isso significa uma média de 14 centímetros de neve derretida todos os dias na geleira em julho, já que a Suécia registrou temperaturas altas recordes, provocando dezenas de incêndios florestais em todo o país, até mesmo no Círculo Polar Ártico.

“Eu nunca vi tanta neve derretida no pico do Sul, como fiz neste verão”, disse Gunhild Ninis Rosqvist, professor de geografia da Universidade de Estocolmo, em um comunicado.

Rosqvist, que também é chefe da estação de pesquisa de Tarfala, perto da montanha, mede o pico sul há muitos anos como parte da pesquisa sobre mudanças climáticas.

Kebnekaise é um popular destino turístico localizado no extremo norte da Suécia, tem dois picos principais – um sul coberto por uma geleira e um norte livre de gelo.

Em sua última medição, o pico sul de Kebnekaise atingiu 2.097 metros acima do nível do mar, apenas 20 centímetros acima dos 2.096,8 metros da ponta norte.

A geleira do Sul, cuja altura é medida desde 1880, está derretendo um metro a cada ano nas últimas duas décadas, disse a Universidade de Estocolmo.


26/07/2018
Por Edilson Silva em Mundo

A partir de 1º de agosto a Humanidade entra em déficit ambiental com o planeta Terra

Reportagem de Sérgio Matsuura no Globo informa que, no próximo dia 1º, a Humanidade entrará em déficit com o planeta, alerta a ONG Global Footprint Network. Cinco meses antes de o ano terminar, teremos consumido todo o orçamento anual de recursos naturais. A data, batizada como Dia de Sobrecarga da Terra, marca o momento em que o consumo de recursos — alimentos, água, fibras, madeira, terra e emissões de carbono — supera o volume que o planeta é capaz de renovar. Neste ano, a data chegou mais cedo que em qualquer outro desde que o planeta entrou em sobrecarga, na década de 1970.

“Nós estamos usando recursos futuros da Terra para operar no presente e cavando cada vez mais fundo o déficit ecológico” afirmou Mathis Wackernagel, diretor executivo da Global Footprint Network. “É hora de acabar com esse esquema e alavancar nossa inventividade para criar um futuro próspero, livre dos combustíveis fósseis e da destruição planetária”, diz a publicação.

O cálculo considera a chamada “pegada ecológica”, que mede a quantidade em área de terra e água necessária para sustentar uma população humana — em termos de recursos renováveis consumidos e absorção dos rejeitos — em relação à capacidade da biosfera de se regenerar. E essa conta não fecha. Para a manutenção da população global, com os níveis atuais de consumo, seria necessário o equivalente a 1,7 Terra, complementa o jornal O Globo.


08/07/2018
Por Edilson Silva em Mundo

Tailândia: começa operação de resgate de meninos presos em caverna

A operação de resgate dos 12 meninos de 11 a 16 anos e do seu treinador de futebol, presos em uma caverna na Tailândia desde 23 de junho, começou na madrugada deste domingo (8) – horário do Brasil, manhã na Tailândia. A informação é do governador da província de Chiang Rai, Narongsak Osatanakorn.

Uma equipe de resgate formada por 18 mergulhadores, sendo 13 internacionais e cinco tailandeses, entraram na caverna e seguem ao encontro dos meninos. A operação pode durar até 4 dias.

Quatro meninos devem deixar a caverna ainda hoje. Equipes médicas os aguardam do lado de fora.

Chove fraco neste momento, mas nuvens escuras na região preocupam, aponta o G1.

As imediações da caverna começaram a ser evacuadas na noite deste sábado (7) – manhã de domingo (8) na Tailândia – para a operação. O entorno da entrada da caverna e as estradas de acesso à região já se encontram desobstruídos.

O grupo, que está na caverna desde 23 de junho, foi encontrado na última segunda-feira (2). Eles foram se abrigar de uma chuva na caverna quando voltavam de um treino de futebol, mas foram surpreendidos por uma inundação.


23/04/2018
Por Edilson Silva em Mundo

Numerólogo garante que planeta Nibiru esmagará a Terra nesta segunda-feira

IG – Em setembro do ano passado, a internet foi à loucura após o numerólogo britânico David Meade afirmar que o mundo acabaria no dia 23 daquele mês, com o misterioso planeta Nibiru esmagando a Terra e seus habitantes. A profecia não se concretizou, sendo remarcada para o dia 15 de novembro. Após as falhas na previsão, o pesquisador realizou novos estudos e garante: o apocalipse ocorrerá nesta segunda-feira (23).

Baseado em interpretações do antigo testamento e na teoria da conspiração sobre o suposto Planeta X – também conhecido como Nibiru –, o numerólogo acredita que o fim do mundo será marcado por uma série de “pragas”, que vão de tsunamis e terremotos a ataques catastróficos.

“Estudei vários meses seguidos, e tudo aponta que o apocalipse ocorrerá em abril deste ano. Para muitos teóricos da conspiração, isso significa o fim dos tempos e o retorno de Jesus Cristo”, afirmou ao jornal Metro .

Previsões envolvendo Nibiru

Entretanto, para outros teóricos, como o estudioso cristão, Mathieu Jean-Marc Joseph Rodrigue, o ‘Planeta Nove’ poderá se chocar com a Terra em outra data. Ele acredita que o dia do juízo final se dará não em 23 de abril, mas sim no dia 24 de junho, conforme está registrado em uma passagem do livro do Apocalipse: “uma boca foi lhe dada [a Besta], que falará  blasfêmia, e agirá em quarenta e dois meses”.

Baseado em interpretações do antigo testamento e na teoria da conspiração sobre o suposto Planeta X – também conhecido como Nibiru –, o numerólogo acredita que o fim do mundo será marcado por uma série de “pragas”, que vão de tsunamis e terremotos a ataques catastróficos.

“Estudei vários meses seguidos, e tudo aponta que o apocalipse ocorrerá em abril deste ano. Para muitos teóricos da conspiração, isso significa o fim dos tempos e o retorno de Jesus Cristo”, afirmou ao jornal Metro.

Previsões envolvendo Nibiru

Entretanto, para outros teóricos, como o estudioso cristão, Mathieu Jean-Marc Joseph Rodrigue, o ‘Planeta Nove’ poderá se chocar com a Terra em outra data. Ele acredita que o dia do juízo final se dará não em 23 de abril, mas sim no dia 24 de junho, conforme está registrado em uma passagem do livro do Apocalipse: “uma boca foi lhe dada [a Besta], que falará  blasfêmia, e agirá em quarenta e dois meses”.

A fim de comprovar sua previsão, o teórico realizou alguns cálculos, que combinaram os números da Besta, 42 e 666, resultando no ano de 2018.  Ele explicou que, apesar dos estudos realizados, não consegue explicar como obteve tal resultado, além de não saber o que poderá acontecer com os seres humanos neste dia.

‘O Planeta Nove’

Mencionado pela primeira vez em 1976, no livro “O Décimo Segundo Planeta”, de Zecharia Sitchin, o ‘Planeta Nove’ é reconhecido, por teóricos da conspiração, como a “casa de alienígenas do passado”, chamados Annunaki, os criadores da raça humana.

Porém, a Agência Espacial Norte-Americana (Nasa) relatou muitas vezes que a existência de Niburi é falsa, não passando de um boato virtual sem embasamento científico.


14/03/2018
Por Edilson Silva em Mundo

Stephen Hawking, físico britânico, morre aos 76 anos

Morreu nesta quarta-feira (14), em sua casa, o físico e pesquisador britânico Stephen William Hawking, aos 76 anos. A morte foi comunicada por sua família à imprensa inglesa.

“Estamos profundamente tristes pela morte do nosso pai hoje”, disseram seus filhos Lucy, Robert e Tim. “Era um grande cientista e um homem extraordinário, cujo trabalho e legado viverão por muitos anos”, afirmaram em um comunicado. A causa da morte não foi divulgada.

Hawking nasceu em 8 de janeiro de 1942, exatamente 300 anos após a morte de Galileu, e morreu no mesmo dia do nascimento de Albert Einstein (14 de março de 1879).

O físico se tornou um dos cientistas mais conhecidos do mundo ao abordar temas como a natureza da gravidade e a origem do universo. No final da década de 1960, ganhou fama com sua teoria da singularidade do espaço-tempo, aplicando a lógica dos buracos negros a todo o universo. Ele detalharia o tema ao público em geral no livro “Uma breve história do tempo”, best-seller lançado em 1988. Em 2014, sua história de vida foi contada no filme “A teoria de tudo”, vencedor de um Oscar.

G1


08/03/2018
Por Edilson Silva em Mundo

A origem operária do 8 de Março, o Dia Internacional da Mulher

Para muitos, o 8 de Março é apenas um dia para dar flores e fazer homenagens às mulheres. Mas diferentemente de diversas outras datas comemorativas, esta não foi criada pelo comércio.

Oficializado pela Organização das Nações Unidas em 1975, o chamado Dia Internacional da Mulher era celebrado muito tempo antes, desde o início do século 20. E se hoje a data é lembrada como um pedido de igualdade de gênero e com protestos ao redor do mundo, no passado nasceu principalmente de uma raiz trabalhista.

Foram as mulheres das fábricas nos Estados Unidos e em alguns países da Europa que começaram uma campanha dentro do movimento socialista para reivindicar seus direitos – as condições de trabalho delas eram ainda piores do que as dos homens à época.

A origem da data escolhida para celebrar as mulheres tem algumas explicações históricas. No Brasil, é muito comum relacioná-la ao incêndio ocorrido em 25 de março de 1911 na Companhia de Blusas Triangle, quando 146 trabalhadores morreram, sendo 125 mulheres e 21 homens (a maioria judeus).

No entanto, há registros anteriores a essa data que trazem referências à reivindicação de mulheres para que houvesse um momento dedicado às suas causas dentro do movimento de trabalhadores.

As origens

Se fosse possível fazer uma linha do tempo dos primeiros “dias das mulheres” que surgiram no mundo, ela começaria possivelmente com a grande passeata das mulheres em 26 de fevereiro de 1909, em Nova York.

Naquele dia, cerca de 15 mil mulheres marcharam nas ruas da cidade por melhores condições de trabalho – na época, as jornadas para elas poderiam chegar a 16h por dia, seis dias por semana e, não raro, incluíam também os domingos. Ali teria sido celebrado pela primeira vez o “Dia Nacional da Mulher”.

Enquanto isso, na Europa também crescia o movimento nas fábricas. Em agosto de 1910, a alemã Clara Zetkin propôs em reunião da Segunda Conferência Internacional das Mulheres Socialistas a criação de uma jornada de manifestações.

“Não era uma questão de data específica. Ela fez declarações na Internacional Socialista com uma proposta para que houvesse um momento do movimento sindical e socialista dedicado à questão das mulheres”, explicou à BBC Brasil a socióloga Eva Blay, uma das pioneiras nos estudos sobre os direitos das mulheres no país.

“A situação da mulher era muito diferente e pior do que a dos homens nas questões trabalhistas daquela época”, disse ela, que é coordenadora da USP Mulheres.

A proposta de Zetkin, segundo os registros que se têm hoje, propunha uma jornada anual de manifestações das mulheres pela igualdade de direitos, sem exatamente determinar uma data. O primeiro dia oficial da mulher seria celebrado, então, em 19 de março de 1911.

Em 1917, houve um marco ainda mais forte daquele que viria a ser o 8 de Março. Naquele dia, um grupo de operárias saiu às ruas para se manifestar contra a fome e a Primeira Guerra Mundial, movimento que seria o pontapé inicial da Revolução Russa.

O protesto aconteceu em 23 de fevereiro pelo antigo calendário russo – 8 de março no calendário gregoriano, que os soviéticos adotariam em 1918 e é utilizado pela maioria dos países do mundo hoje.

Após a revolução bolchevique, a data foi oficializada entre os soviéticos como celebração da “mulher heroica e trabalhadora”.

Oficialização

O chamado “Dia Internacional da Mulher” só foi oficializado em 1975, ano que a ONU intitulou de “Ano Internacional da Mulher” para lembrar suas conquistas políticas e sociais.

“Esse dia tem uma importância histórica porque levantou um problema que não foi resolvido até hoje. A desigualdade de gênero permanece até hoje. As condições de trabalho ainda são piores para as mulheres”, pontuou Eva Blay.

“Já faz mais de cem anos que isso foi levantado e é bom a gente continuar reclamando, porque os problemas persistem. Historicamente, isso é fundamental.”

No mundo inteiro, a data ainda é comemorada, mas ao longo do tempo ganhou um aspecto “comercial” em muitos lugares.

O dia 8 de março é considerado feriado nacional em vários países, como a própria Rússia, onde as vendas nas floriculturas se multiplicam nos dias que antecedem a data, já que homens costumam presentear as mulheres com flores na ocasião.

Na China, as mulheres chegam a ter metade do dia de folga no 8 de Março, conforme é recomentado pelo governo – mas nem todas as empresas seguem essa prática.

Já nos Estados Unidos, o mês de março é um mês histórico de marchas das mulheres.

No Brasil, a data também é “comemorada” com protestos em todas as principais cidades do país, com reivindicações sobre igualdade salarial e protestos contra o aborto e a violência contra a mulher.

“Certamente o 8 de Março é um dia de luta, dia para lembrarmos que ainda há muitos problemas a serem resolvidos, como os da violência contra a mulher, do feminicídio, do aborto, e da própria diferença salarial”, observou Blay.

Segundo ela, mesmo passadas décadas de protestos das mulheres e de celebração do 8 de Março, a evolução ainda foi muito pequena.

“Acho que o que evoluiu é que hoje a gente consegue falar sobre os problemas. Antes, se escondia isso. Tudo ficava entre quatro paredes. Antes, esses problemas eram mais aceitos, hoje não.”


17/01/2018
Por Edilson Silva em Mundo, Tempo

Aulas são suspensas após temperaturas chegarem a – 67º C em região da Rússia

Nem os termômetros aguentaram a queda nas temperaturas na remota região russa de Yakutia, que atingiu – 67º C em algumas áreas nesta terça (16).

Nessa região, a cerca de 5.300 km de Moscou e onde vivem 1 milhão de pessoas, os estudantes costumam ir à escola mesmo quando a temperatura chega a – 40º C. Mas nesta terça as aulas foram canceladas e a polícia mandou os pais deixarem seus filhos em casa.

Na vila de Oymyakon, um dos lugares habitados mais frios do planeta, a TV estatal russa mostrou mercúrio vazando de um termômetro que só consegue medir temperaturas até os 50 graus negativos. Em 2013, Oymyakon registrou um recorde histórico de – 71º C.

No final de semana, dois homens morreram congelados quando tentaram caminhar até uma fazenda depois que o carro deles quebrou. Outros três homens que estavam com eles sobreviveram porque estavam usando roupas mais quentes, segundo policiais.

Mas a assessoria de imprensa do governo de Yakutia disse nesta terça que todas as casas e estabelecimentos da região tem aquecimento central em funcionamento e acesso a geradores de energia para casos de emergência.

Os moradores do local estão acostumados com o frio e a onda desta semana sequer dominou as manchetes desta terça.

Na vila de Oymyakon, um dos lugares habitados mais frios do planeta, a TV estatal russa mostrou mercúrio vazando de um termômetro que só consegue medir temperaturas até os 50 graus negativos. Em 2013, Oymyakon registrou um recorde histórico de – 71º C.

No final de semana, dois homens morreram congelados quando tentaram caminhar até uma fazenda depois que o carro deles quebrou. Outros três homens que estavam com eles sobreviveram porque estavam usando roupas mais quentes, segundo policiais.

Mas a assessoria de imprensa do governo de Yakutia disse nesta terça que todas as casas e estabelecimentos da região tem aquecimento central em funcionamento e acesso a geradores de energia para casos de emergência.

Os moradores do local estão acostumados com o frio e a onda desta semana sequer dominou as manchetes desta terça.


31/12/2017
Por Edilson Silva em Mundo

Moradores de Kiribati e Samoa são os primeiros a celebrar o início de 2018

Os cidadãos das nações insulanas de Kiribati e Samoa, situadas no Pacífico sul, foram os primeiros do mundo a saudar a chegada de 2018.

Estes arquipélagos, cuja população combinada supera 300.000 habitantes, escutaram as 12 badaladas à meia-noite local (8h de Brasília) e iniciariam assim o dia 1º de janeiro.

Os próximos a saudar o Ano Novo serão os moradores da ilha neozelandesa de Chatham, situada 680 quilômetros ao sudeste das ilhas principais desse país.

Mais adiante, os demais habitantes da Nova Zelândia e a população de Fiji e Tonga celebrarão o novo ano.

A expectativa é que cerca de 30.000 pessoas assistam ao espetáculo de laser e fogos de artificio na Sky Tower, um edifício de 328 metros de altura e uma das construções mais emblemáticas de Auckland, cidade situada no norte da Nova Zelândia, segundo a emissora “Radio New Zealand”.

Por sua vez, o Ano Novo chegará na maior parte do território australiano às 11h de Brasília.

O ator australiano Hugh Jackman colaborou no design do espetáculo pirotécnico que iluminará o réveillon na Baía de Sydney, onde as autoridades preveem a presença de 1,6 milhão de pessoas.

A polícia pretende bloquear com carros e caminhões algumas ruas de Sydney para evitar ataques terroristas com veículos, como os ocorridos nos últimos anos em países como Espanha, Estados Unidos, França, Reino Unido e Suécia.


09/12/2017
Por Edilson Silva em Mundo

Fraudadores usam nome e logo da ONU para pedir dinheiro e dados pessoais

A ONU está preocupada com o fato de que correspondências fraudulentas usando seu nome estão circulando através de websites, e-mails, mensagens de fax e ligações telefônicas, além de contatos em redes sociais e sites de relacionamento.

Como o número de denúncias sobre estes casos está aumentando em todo o mundo, a ONU alerta o público a respeito de esquemas ilícitos para solicitar dinheiro e, em muitos casos, dados pessoais, usando ilegalmente o nome e o emblema da Organização.




Facebook


Twitter