18/07/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Jovem Pan Seridó 100,7 FM estreia sua nova programação ao meio dia desta terça

A partir do meio dia, desta terça-feira 18 de julho, a Jovem Pan passará a ser transmitida também na região do Seridó. A parceria entre a Rede Tropical de Comunicação – que detém a Concessão da Rádio Seridó – e a rede liderada pela emissora de São Paulo garantiram a expansão das operações conjuntas para as cidades do Seridó Potiguar e Paraibano.

A programação local da Jovem Pan Seridó 100,7 FM será produzida na região, com ênfase em Jornalismo, entretenimento, ativação e eventos e foco na localidade. Além a programação produzida localmente, o público regional terá acesso à grade nacional da emissora.

A primeira emissora a concluir o processo de migração de AM para FM na região do Seridó potiguar, a Rádio Seridó teve seu novo prefixo divulgado pela Anatel, que será o ZYR 818 – 100,7 FM.

A rede Tropical de Comunicação, que atualmente já possuí parceria com a Rede Record (TV Tropical), CBN e Mix Natal, também contará com a Jovem Pan Seridó 100,7 FM.


21/06/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Instituições seridoenses lançam Carta pela retomada das obras do Eixo Norte da Transposição

CARTA DO SERIDÓ

CARAVANA DAS ÁGUAS PELA RETOMADA DAS OBRAS DO EIXO NORTE DO PROJETO DE INTEGRAÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO (PISF)

“Garantir acesso à água potável para o consumo humano

deveria ser prioridade de qualquer governante”.

Nós, povo Seridoense, nos associamos à CARAVANA DAS ÁGUAS PARA RETOMADA DAS OBRAS DO EIXO NORTE DO PROJETO DE INTEGRAÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO e, aomesmo tempo,reivindicamos sua conclusão em tempo recorde para garantir água potável ao consumo humano. 

O fenômeno físico e natural da seca em nossa região, nos últimos 06 anos,tem provocado efeitos extremamente graves com consequências econômica, social, humana e ambiental,em todos os setores da sociedade. Quase a totalidade das 25 cidades e grande parte das comunidades rurais, em torno de 300 mil pessoas, estão em colapso de abastecimento ou em processo de racionamento no uso da água. Em decorrência dos efeitos da seca,60% do rebanho dos agricultores familiares já morreram ou foramvendidos por falta de alimento e água; a produção de leite caiu em torno de 50%,provocando o fechamento de várias queijeiras e gerando a diminuição dos empregos e renda. Os barreiros e açudes pequenos já secaram e os de maior porte estão com um volume de aproximadamente 15% de sua capacidade total.

Entendemos que o direito a um meio ambiente saudável e o direito à água estão intrinsecamente ligados e são direitos humanos que devem ser garantidos pelo Estado, por meio de políticas econômicas, sociais, hidro ambientais e culturais, tais como conquistados na Constituição Federal de 1988, sendo incompatível tratar esses direitos como favor, negócio ou mercadoria.

Além dos efeitos da seca, a região tem sido afetada pela ausência de políticas públicas em recursos hídricos estruturantes e permanentes, falta de cuidados com o meio ambiente e má gestão dos recursos hídricos.Diante deste descaso, não podemos mais nos calar e aceitar essa situação, pois a vida e o futuro do nosso povo estão ameaçados pela falta de água para seus múltiplos usos.

É dentro deste quadro, de uma histórica desigualdade ambiental, social e econômica, que o PISF deve se colocar com suas estratégias de ação e retomar de imediato a conclusão do eixo norte para atender ao direito humano de acesso à água.

Além da obra estrutural e física,se faz necessária uma visão de desenvolvimento territorial com integração de políticas públicas e em sinergia com as capacidades, oportunidades e potencialidades da região, capazes de promover ações estruturantes que coloquem em marcha a inclusão social e produtiva, com geração e distribuição de renda, superando aimplementação de políticas emergenciais e compensatórias.

Diante dos elementos e do contexto já apresentados acima, nós, povo do Seridó, representados neste ato pela ADESE, sugerimos as seguintes açõespara o governo federal e estadual do RN, e os municípios da região Seridó:

Retomada imediata das obras do eixo norte do PISF e conclusão até dezembro de 2017, com água liberada na calha do rio Piranhas, no estado do RN.

Que o Governo Federal, requisite de imediato os Batalhões de Engenharia de Construção para a retomada das obras do eixo norte do PISF, se num prazo de 15 dias, a partir de hoje, não for superado o impasse jurídico que paralisou a citada obra; 

 Revitalização do Rio Piranhas que se encontra gravemente assoreado, com recuperação de suas matas ciliares,dos rios tributários e suas nascentes; 

Conclusão da obra física e social da barragem de oiticica até dezembro de 2018;

Implantação do sistema adutor do Seridó a partir da barragem de Oiticica\PISF, inclusive com 6,5milhões de reais, já disponibilizados pela Agência Nacional de Águas – ANA, para que a SEMARH realize o estudo de viabilidade;

Implantação, até dezembro de 2017, do consórcio de resíduos sólidos do Seridó e recuperaçãoambiental dolocal onde se encontra o lixão de Caicó, entre os rios Sabugi e Seridó, bem como, todos os demais locais onde se encontram os lixões dos outros municípios;

Que os municípios elaborem e implementem, de imediato, a política de saneamento básico, em conformidade com a Leinº 11.445/07;

Que as águas do projeto de integração do São Francisco eixo norte sejam prioritariamente para o consumo humano e dessedentação animal e, em caso de excedente, que seu uso seja garantido para a produção de alimentos saudáveis de base agroecológica.

Quem tem sede tem pressa! Retomada já do eixo norte do PISF! Água não é mercadoria e nem voto! É direito humano!

ASSINAM: 

Agência de Desenvolvimento do Seridó(Adese)

Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Piancó-Piranhas-Açu(CBH PPA)

Diocese de Caicó

Prefeitura Municipal de Caicó

Grande Loja Maçônica do Estado do Rio Grande do Norte

Serviço de Apoio Aos Projetos Alternativos Comunitários (Seapac)

OCB/SESCOOP – RN

Colégio Diocesano Seridoense – CDS

Fórum do Campo Caicoense

Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentável e Solidário

Colegiado do Território da Cidadania do Seridó

Pastoral da Criança

Pastoral do Idoso

Caritas Diocesana de Caicó

Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN – Campus Caicó/RN

Universidade Estadual do Rio Grande do Norte – UERN – Campus Caicó/RN

IFRN – Campus Caicó

SINDSaúde

SINDServ

Sindicato dos Trabalhadores Rurais, agricultores e agricultoras familiares de Caicó – STTR

Polo sindical do Seridó/FETARN

Faculdade Católica Santa Teresinha

CREA – Regional Caicó

Movimentos mulheres do Seridó

Câmara de vereadores de Caicó

Rotary Club de Caicó

Lions Club de Caicó

Associação dos Criadores do Seridó – Asserc

Associação dos Municípios do Seridó Ocidental

Associação dos Municípios do Seridó Oriental

Grupo de Escoteiros Vale Sobrinho

Secretaria Municipal de Educação Cultural e Esportes – SEMECE

Conselho municipal de Saúde

APAE

Rádio Rural

Rádio Caicó

Rádio Seridó

106 FM

OAB/RN

Associação de Ministros Evangélicos do Seridó – AMES

Movimento dos Atingidos e Atingidas pela Construção da Barragem de Oiticica

SINTE-RN – Regional de Caicó.

Assessoria de Comunicação do Comitê da Bacia Hidrográfica do Piancó/Piranhas/Açu


22/05/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Ana se reúne com Comitês de Bacias e Agências Federais

Nesta terça-feira (23), a Agência Nacional de Águas (ANA) receberá representantes de comitê de bacias e de agências federais para uma reunião de apresentação do 8º Fórum Mundial da Água. O evento é considerado o maior no mundo sobre recursos naturais e dará contribuições ao projeto Legado para Gestão das Águas no Brasil.

Na ocasião, a equipe da ANA que se dedica ao Projeto Legado e vai apresentar as propostas de aperfeiçoamento da Política Nacional de Recursos Hídricos e do Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos (SINGREH) e receberá contribuições dos representantes de comitê de bacias e agencias federias para consolidação ao final do processo, previsto para novembro deste ano.

O Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Piancó-Piranhas-Açu será representado pelo seu presidente, o agrônomo José Procópio Lucena. “Esperamos contribuir com temas que consideramos relevantes para o enfrentamento da crise hídrico e aperfeiçoamento do arcabouço jurídica existente no país sobre recursos hídricos”, disse o presidente.

Procópio se refere a temas como participação social na gestão dos recursos hídricos; reuso de água; gestão hídrica em açudes e rios intermitentes no semiárido brasileiro; papel do sistema de gerenciamento dos recursos hídricos; integração entre políticas públicas de meio ambiente e recursos hídricos, financiamento e fortalecimento dos comitês; cobrança pelo uso da água e pagamentos por serviços ambientais para os que cuidam das nascentes e matas ciliares de nossos rios.


06/05/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Abastecimento será interrompido por 24h em cidades do Seridó

Em virtude da severa estiagem que atinge o nosso Estado, as cidades de Caicó, Jardim de Piranhas, São Fernando e Timbaúba dos Batistas terão uma interrupção no fornecimento de água durante 24 horas neste domingo (07).

A parada terá início às 5h, momento em que a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) interromperá o bombeamento na Adutora Manoel Torres.   O fornecimento de água será retomado na segunda-feira (08), com o bombeamento para todas as cidades atingidas. Com a medida, a Caern espera racionar a água que ainda tem disponível para prolongar o abastecimento. A empresa ressalta que nos próximos dias novas mudanças devem ocorrer no abastecimento da região com a entrada em operação da Adutora Emergencial de Caicó que está sendo testada pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS).


21/03/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Situação da água no semiárido nordestino é tema de debate

A água é um recurso estratégico para o desenvolvimento do Nordeste, especialmente em uma região pobre como o semiárido nordestino. O clima severo e as chuvas irregulares geram eventos extremos que frequentemente resultam em secas e cheias, representando um grave risco para as atividades econômicas, em particular para a agricultura de subsistência.

No Rio Grande do Norte, ações governamentais tem buscado aliviar a situação econômica e social dos moradores em regiões afetadas pela estiagem no estado. Em fevereiro, foram repassados pelo Ministério da Integração Nacional recursos na ordem de R$ 9,4 milhões para contratação de caminhões-pipa que irão ajudar no abastecimento de 65 municípios do interior potiguar.

A partir desse contexto, os desafios para suprimento de água na região semiárida será o tema do primeiro encontro do Ciclo de Debates do Conselho Técnico-Científico do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CTC-CERNE) que será realizado dia 29 de março no mini auditório do Instituto Federal de Educação Tecnológica do Rio Grande do Norte (IFRN) – Campus Central Natal.

O Ciclo de Debates tem como proposta debater os principais problemas do setor de recursos naturais e energia, buscando encontrar soluções que possam ser encaminhadas aos órgãos reguladores e executivos do setor, além de identificar potenciais parcerias entre as instituições participantes do evento.

Representantes de órgãos e instituições como a Empresa de Pesquisa Agropecuária (Emparn), Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH) e Universidade Federal do Rio grande do Norte (UFRN) debaterão sobre o cenário hidrológico e os enfrentamentos que envolvem os recursos hídricos no Nordeste e RN.

O Ciclo terá outras edições ao longo do ano com temas que abordam recursos naturais e energia. A programação completa está disponível no site do CERNE pelo endereço www.cerne.org.br clicando na imagem do Ciclo situado a direita da página inicial. Mais informações pelo telefone (84) 2010-0340. O evento é aberto ao publico e a entrada é gratuita.

CTC-CERNE

O Conselho Técnico Científico do CERNE (CTC-CERNE) é composto por pesquisadores e professores de diversas instituições de pesquisas e universidades do país e visa dinamizar ainda mais as ações do CERNE e dar um suporte técnico-científico nas discussões das estratégias, dos projetos e dos seus programas.


20/03/2017
Por Edilson Silva em Seridó

‘Autogestão e Liderança” são temas do módulo do Recicla Seridó

O projeto Recicla Seridó realizou o seu segundo módulo de capacitações abordando as temáticas “Autogestão e Liderança”. A palestra foi proferida por Milton Dantas, Coordenador Estadual da Pastoral da Criança.

O evento foi realizado no Centro Pastoral Dom Wagner com a presença de catadores de materiais recicláveis de Caicó, Parelhas, Santana do Matos, Acari, São José do Seridó e Carnaúba dos Dantas. Paula Salmana, da Cáritas Diocesana, informou que após a realização do primeiro módulo outros municípios solicitaram participação no projeto.

De acordo com Milton Dantas, o tema discutiu sobretudo a consciência que cada indivíduo tem sobre si mesmo e seu papel diante do grupo. “Essas pessoas que muitas vezes se encontram numa situação de vulnerabilidade social precisam receber essas informações que são fundamentais no processo de autoafirmação”. Destacou.

Segundo o palestrante, a resiliência, que é uma capacidade de superar os obstáculos de forma plena, é uma capacidade que deve ser estimulada para que cada indivíduo possa ser protagonista de sua vida, agindo em consonância com a sua consciência.

Para Ednalva Belo, representante de Parelhas no Recicla Seridó, a capacitação é uma oportunidade de aprendizado, sobretudo para os novos catadores que estão se integrando às associações. “Participo desde 2007 da associação em Parelhas e nessas oficinas sempre temos algo novo para aprender”, afirmou. O Recicla Seridó é uma realização da Cáritas Diocesana com patrocínio da Fundação Banco do Brasil.


13/03/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Municípios que receberão projetos de reuso de água serão visitados nesta segunda e terça-feira

Como mais uma etapa da implantação do Projeto de reuso de água em municípios do Seridó, nesta segunda e terça-feira uma delegação do Comitê da Bacia Hidrográfica do Piancó-Piranhas-Açu, Instituto Nacional do Semiárido,Agência Nacional de Águas, ADESE, dentre outros visitará os municípios contemplados com o projeto.

O objetivo já é trabalhar junto aos prefeitos o instrumento jurídico para viabilizar o projeto com a opção de viabilizar um contrato de gestão. Nesta segunda-feira (13), as visitas serão em Serra Negra do Norte pela manhã, e a tarde em São Fernando. Já na terça (14) pela manhã será visitada a cidade de Jucurutu.

Antes destas visitas acontecerem, os prefeitos Sérgio Fernandes (Serra Negra), Polion Maia (São Fernando) e Valdir Medeiros (Jucurutu) participaram de uma reunião na sede do INSA, em Campina Grande (PB).


14/02/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Água para as cidades do Seridó

O Governo do RN receberá R$ 12.716,681 milhões de reais, oriundos do Ministério da Integração Nacional, para ampliar a Operação Vertente, responsável pelo abastecimento de água potável, por meio de carros-pipa, nos municípios em situação de emergência decorrente do longo período de seca.

A portaria de autorização de empenho e transferência da primeira parcela dos recursos, no valor de R$ 3,2 milhões de reais, foi publicada na última quinta-feira (9) no Diário Oficial da União (DOU). Os recursos fazem parte do apoio federal à recuperação de áreas atingidas por desastres naturais e ao socorro e assistência à população.

Segundo o Coordenador Estadual da Defesa Civil, Elizeu Dantas, com essa liberação a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil, vinculada ao Gabinete Civil do Governo do Estado, iniciará a Operação Vertente II, que prevê o abastecimento de 65 municípios, e o atendimento de aproximadamente 350.400 pessoas afetadas pela seca.

Atualmente, uma média de 150 mil pessoas são atendidas pela Operação Vertente em 13 cidades do Seridó e do Alto Oeste Potiguar, sendo elas: Jardim de Piranhas, Timbaúba dos Batistas, Acari, Carnaúba dos Dantas, Alexandria, Luís Gomes, Antônio Martins, Pilões, João Dias, Tenente Ananias, Paraná e São Miguel.


11/02/2017
Por Edilson Silva em Política, Seridó

Senador José Agripino se afasta do comando da Rede Tropical de Comunicação

Atendendo uma recomendação do Ministério das Comunicações, o senador potiguar José Agripino Maia (DEM) se afastou do comando da Rede Tropical de Comunicação. A informação foi divulgada pela jornalista Eliana Lima.

Recentemente o Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) ajuizou uma ação civil púbica contra a União, TV Tropical, Rádio Libertadora Mossoroense e outras quatro rádios com o objetivo de obter o cancelamento da concessão do serviço de radiodifusão sonora ou de som e imagens. O MPF sustenta que fere a Constituição Federal o fato de o senador José Agripino Maia e o filho dele, deputado federal Felipe Catalão Maia, figurarem como sócios dessas empresas.

Em entrevista ao Portal Agora RN o parlamentar negou ser sócio majoritário da TV Tropical, afiliada da RecordTV (antiga TV Record) no Rio Grande do Norte. Agripino também destacou que não exerce administração sobre a empresa. “Na TV Tropical, sou sócio minoritário. A sócia majoritária é minha mãe, fico com menos de 25%. Não administro nada, sou apenas acionista”, contestou.

Agora RN


11/02/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Igreja Assembleia de Deus quer comprar uma rádio em Caicó e poderá ser a A Voz do Seridó

Não é a primeira vez que o Blog Sidney Silva, recebe a informação sobre a possibilidade de a Igreja Assembléia de Deus, comprar a Rádio A Voz do Seridó, em Caicó. Esta semana, uma fonte confirmou que houve reunião entre representantes da referida Igreja para tratar sobre o assunto aqui mesmo na cidade.

No estado, o auto comando da Assembleia, estaria com interesse em adquirir uma emissora em Caicó, já que tem uma em Natal, uma em Mossoró e uma terceira. Com a compra da rádio local, formariam uma rede com abrangência estadual.

O informante do Blog também disse que já houve uma conversa preliminar entre os dirigentes da Igreja e representantes da Rádio Seridó, e, que se não for viabilizada compra da mesma, o dono da Rádio Caicó AM, receberá proposta.

Fonte: Sidney Silva


03/02/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Técnicos da Caern começam recuperação de barramento rompido no Rio Piranhas

Os técnicos da Caern começaram nesta sexta-feira (03), a fazer a recuperação do barramento que se rompeu no local de captação da adutora Manoel Torres no Rio Piranhas.

O problema surgiu quando o barramento que é feito com sacos de areia se rompeu com a força das águas oriundas do estado vizinho da Paraíba.


26/01/2017
Por Edilson Silva em Seridó

Elizaldo Alves será um dos destaques do Prêmio SERIDÓ S/A SERRA DE SANTANA

Sábado, dia 28, às 20h, a Revista SERIDÓ S/A – cinco anos em circulação em Natal e SERIDÓ Oriental – realiza em Lagoa Nova o Prêmio SERIDÓ S/A 2017 Serra de Santana, Homenageando 16 empresários da região e um artista da terra, Elizaldo Alves.

O evento acontecerá nos Chalés dos Cajueiros e constará com a presença de autoridades do mundo empresarial e político.

Na programação, uma palestra da Dra. ADRYANA SOUZA, Vice Presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Norte, com o Tema “Quem Tem Medo de 2017″.

Em seguida, a entrega do Prêmio SERIDÓ S/A, encerrando-se a solenidade com um coquetel de congraçamento.

Empresas Homenageadas (ordem alfabética)

1. SALÃO BEAUTY in FOCUS OK 2
(Cerro Corá)

2.CENTRO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL
SHALOM (Lagoa Nova)

3. CFC ASSUNÇÃO
(Lagoa Nova)

4. COMERCIAL SOLAR
(Lagoa Nova)

5. DROGARIA SAÚDE
(Lagoa Nova)

6. ESPAÇO SAÚDE
(Tenente Laurentino)

7. CHALÉS DOS CAJUEIROS

8. IDEHAC
(Lagoa Nova)

9. SUPERMERCADO CERROCORAENSE
(Certo Corá)

10. ODONTO MEDIC DR. NARCISIO PETRÔNIO
(Cerro Corá)

11.ORALDENT
(Lagoa Nova)

12.POSTOS BOA VISTA
(Tenente Laurentino)

13.RESTAURANTE E PIZZARIA GALVÃO
(Lagoa Nova)

14. TEOCAR
(Lagoa Nova)

15. TOP Rios OK
(Top Rios)

16. HOMENAGEM ESPECIAL AO DESTAQUE DA MÚSICA ELIZALDO ALVES
(São Vicente).


06/12/2016
Por Edilson Silva em Seridó

Jornalista potiguar comemora sucesso do seu segundo romance

12063529_10204279756948902_5252534128791396709_n

O jornalista, roteirista e diretor de cinema Edson Soares lançou recentemente o seu segundo romance “Confissões do Sefardita Errante” pela Perse Editora de São Paulo e comercialização pela Amazon em forma impresso e e-book. As vendas estão impressionando o escritor potiguar que nasceu em Serra Negra do Norte, na região Seridó do Rio Grande do Norte, onde desenvolveu a ação do seu livro.

Místico, encantador, seco e violento, assim é essa região do semiárido do Brasil, assim também pode ser descrito o protagonista Zacarias Zebulão, um descendente de judeus marranos que engendrou sua fama e fortuna à custa de assassinatos, roubos, saques e todo tipo de crueldades.  A trama é inspirada na história universalmente conhecida do rei Davi, mas o que o autor propõe uma recriação literária do fato bíblico, uma paródia moderna, com um contexto novo dos episódios. O cenário da história bíblica é transportado para o sertão potiguar, uma região cheia de misticismo, folclore e violência.

“É uma sátira provocante da política e da sociedade brasileira; um romance sombriamente cômico e ferino, transbordando de personagens que, embora rocambolescos, acabam por revelar um lado humano desconcertante. Um retrato cruel e divertido do Brasil do século 20. Uma carga extra de muito erotismo, drama e violência”, explicou o autor.


06/12/2016
Por Edilson Silva em Religião, Seridó

Projeto Recicla Seridó será lançado nesta quarta-feira, em Caicó

reciclagem-rrr-1200-696x411

A Cáritas Diocesana de Caicó lança nesta quarta-feira (07) o projeto Recicla Seridó que tem como finalidade criar uma rede de articulação de catadores de materiais recicláveis da região. O evento será realizado no auditório do Centro Pastoral Dom Wagner, a partir das 10 horas.

O Recicla Seridó visa o fortalecimento dos empreendimentos econômicos solidários existentes, possibilitando o aumento da geração de renda e melhoria da qualidade de vida. Além de Caicó, o projeto contemplará as organizações de catadores de Parelhas, Santana do Matos, Currais Novos e Acari, entre fevereiro e setembro de 2017.

Dentre os objetivos do Recicla Seridó, destacam-se: a qualificação dos catadores de materiais recicláveis sobre temas como associativismo, cooperativismo, autogestão, liderança, entre outros; a sensibilização da sociedade através de campanha educativa integrada sobre coleta de materiais recicláveis, buscando parcerias com os setores público e privado; bem com sua expansão através de monitoramento e avaliação sistemática das organizações de catadores.


22/11/2016
Por Edilson Silva em Seridó

Governo tenta regularizar abastecimento de cidades do Seridó

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) informa que o abastecimento das cidades de Caicó, Jardim de Piranhas e São Fernando está temporariamente suspenso em função da baixa do rio Piancó/Piranhas/Açu. Para minimizar os efeitos da crise hídrica, o Governo do Estado está envidando esforços para restabelecer o abastecimento.

Uma das alternativas para o abastecimento do Seridó era a construção da adutora de emergencial de Caicó. Mas articulações políticas promovidas pelo prefeito de Caicó, Roberto Germano e o ex-deputado Henrique Alves, junto ao ministro do PMDB Helder Barbalho fizeram com que o Ministério da Integração Nacional retirasse a obra da Caern e passasse para o Departamento Nacional de Obras de Combate as Secas (DNOCS).  Desde maio o  projeto da adutora emergencial estava pronto, aguardando apenas o repasse da Defesa Civil Nacional para ser realizado. Com a mudança na gestão, o equipamento que iria contribuir para abastecer 100 mil potiguares voltou para a estaca zero.

Diante do colapso, uma das alternativas buscadas para amenizar o problema é a perfuração de poços. A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (SEMARH), já realizou mais trinta perfurações. Destes, conseguiu condições de exploração em 14 poços. Destes, sete  poços já foram testados e outros sete terão vazão ainda nesta semana, como alternativa para a recuperação de parte do abastecimento.

O Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn) também tem atuado permanentemente junto aos órgãos federais na tentativa de coibir o uso indevido da água.


15/11/2016
Por Edilson Silva em Seridó

Programa leva 54 mil tecnologias sociais a famílias do semiárido

cisterna sao francisco

Entre janeiro e setembro de 2016, mais de 54 mil tecnologias sociais de acesso à água foram entregues para famílias do semiárido brasileiro. Com os reservatórios, os beneficiados passam a ter acesso à água de qualidade para beber, cozinhar e para a produção de alimentos e criação de animais.

No total, o Programa Cisternas, do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), já entregou 836 mil cisternas para consumo humano (1ª água) e quase 133 mil tecnologias (2ª água) para produção de alimentos. A capacidade de armazenamento de cada cisterna para consumo humano é 16 mil litros de água. Cada unidade atende a uma família de cinco pessoas num período de estiagem de até oito meses.


11/11/2016
Por Edilson Silva em Seridó

Feira do Empreendedor mobiliza classe produtiva do estado

feira_caico

“O caminho dos negócios é trilhado por empreendedores e sonhadores. E desses heróis, a história do Seridó é cheia. Povo e clima, habitantes e geografia. Tudo se mescla, em uma argamassa para forjar vencedores”. Essa é a opinião do presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae no Rio Grande do Norte, José Álvares Vieira, que participou da abertura da Feira do Empreendedor do Seridó que prossegue até o próximo sábado (12), na Ilha de Sant´Ana em Caicó.

Segundo ele, o Seridó é uma terra de empreendedores. E uma feira desse naipe, realizada na região, possui todos os elementos para ser um grande sucesso. “A identidade do povo com a sua região também se revela na força criativa e empreendedora. E aqui lanço um desafio, para todos vocês, seridoenses de nascimento e de coração, que cada um encontre nessa feira uma forma de levar adiante o cenário empreendedor”, destacou José Álvares Vieira.

Para o superintendente do Sebrae, José Ferreira de Melo Neto, a Feira do Empreendedor do Seridó acontece num momento difícil, com uma seca que se alastra há cinco anos, além de uma grave crise econômica, política e moral enfrentada no país.

A Feira do Empreendedor do Seridó acontece no período de 9 a 12 de novembro, na Ilha de Sant´Ana em Caicó. O objetivo do evento é gerar oportunidades, inspirar e estimular empreendedores a tirar as ideias do papel e montar um negócio. A feira vai apresentar modelos e ideias de negócios para quem já é empresário e também aqueles que pretendem abrir uma empresa, além de disponibilizar informações técnicas e capacitações em diversas áreas.


27/10/2016
Por Edilson Silva em Seridó

Rio Piranhas recebe placas indicando proibição de banho

73ffe367-a2dd-4090-9899-5e64bdf4f76a-696x480

Após uma reunião que aconteceu na semana passada em Jardim de Piranhas entre o CBH, Caern e prefeitos de Jardim de Piranhas, Timbaúba dos Batistas e São Fernando algumas medidas no intuito de prevenir a água na captação da Caern onde é distribuído para varias cidades pela adutora Manoel Torres foram tomadas, entre elas a proibição de tomar banho no rio, na tarde desta quarta feira (26) foram colocadas algumas placas indicando que é proibido o banho naquela localidade.


26/10/2016
Por Edilson Silva em Seridó

Adutora Serra de Santana é religada para atender seis cidades do Seridó

Adutora (1)

A Adutora Serra de Santana, na região Seridó do Estado, foi religada nesta terça-feira (25), retomando o abastecimento das cidades de Florânia, São Vicente, Tenente Laurentino, Bodó, Cerro Corá e Lagoa Nova. O sistema estava parado desde o último dia 16, para que equipes da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) realizassem os serviços para realocar o ponto de captação de água na Barragem Armando Ribeiro Gonçalves.

A situação de seca e consequente rapidez no processo de evaporação da água havia inviabilizado o funcionamento do antigo ponto de captação na barragem. A solução encontrada pela Caern foi prolongar a tubulação de 400 mm em mais 1,5 Km que, ligada aos dutos existentes, chegariam a 5 quilômetros de extensão até a captação flutuante localizada na comunidade Riacho dos Cavalos, em Jucurutu. Com o trabalho concluído, a adutora foi religada.

De acordo com a gerente da Regional Seridó, Rosy Gurgel, a vazão de 600 metros cúbicos que será alcançada nessa nova etapa vai permitir que o volume de água seja suficiente para abastecer essas cidades até o final de dezembro. Depois disso, a companhia vai parar novamente o serviço para que seja adotada outra alternativa capaz de atender à população.


06/10/2016
Por Edilson Silva em Seridó

MPF/RN atua para acabar com os lixões na região do Seridó

lixo_area_de_protecao_ambiental

O Ministério Público Federal (MPF) em Caicó (RN) ajuizou ação civil pública buscando solucionar o problema dos lixões existentes em 25 municípios potiguares, sendo 23 da região do Seridó. Esses espaços de descarte de resíduos a céu aberto estão instalados em locais inadequados, levando diversos riscos à população, e alguns até mesmo em áreas de preservação que compõem a bacia do Rio Piranhas-Açu. Os danos ambientais podem ser graves e irreversíveis, pois os lixões funcionam em “condições absurdamente periclitantes”.

A ação do MPF, de autoria do procurador da República Bruno Lamenha, ressalta que a Política Nacional de Resíduos Sólidos, instituída em 2010, previa o fim dos “lixões” e a instalação de aterros sanitários regularizados em todos os municípios do país até agosto de 2014. Além disso, desde 2009 o MPF e o MP Estadual vinham firmando termos de ajustamento de conduta (TACs) com Ibama, Idema e 12 municípios da região: Acari, Caicó, Cruzeta, Florânia, Jardim de Piranhas, Jardim do Seridó, Ouro Branco, Parelhas, São João do Sabugi, São José do Seridó, Serra Negra do Norte e Timbaúba dos Batistas.

O Plano Estadual de Resíduos Sólidos, que divide o estado em cinco áreas e prevê a construção de um espaço de descarte para cada região, criou cinco consórcios que ficariam responsáveis por esses aterros. No Seridó, o consórcio foi instalado em 2009, reunindo os 25 municípios réus na ação, mas teve suas atividades praticamente paralisadas após as eleições de 2012.

O aterro previsto seria construído em Caicó, atendendo às demais cidades através de seis estações de transbordo, localizadas em Cerro Corá, Currais Novos, Jardim do Seridó, Jucurutu, São João do Sabugi e Florânia. A obra não saiu do papel e todos os prazos contidos nos TACs se esgotaram. O MPF executou judicialmente os acordos e mesmo com a Justiça aplicando parte das multas previstas em razão do descumprimento, os lixões irregulares continuam sendo o destino dos resíduos.

São réus na ação do MPF, além do Consórcio Regional de Resíduos Sólidos do Seridó, a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), o Governo do Estado, os 12 municípios que assinaram TACs e ainda Bodó, Carnaúba dos Dantas, Cerro Corá, Currais Novos, Equador, Ipueira, Jucurutu. Lagoa Nova, Santana do Matos, Santana do Seridó, São Fernando, São Vicente e Tenente Laurentino Cruz. Estes, mesmo sem terem assinado acordos, vêm desrespeitando a legislação ambiental.

Dinheiro devolvido – O MPF alerta para o risco de uma verba de R$ 22 milhões ter de ser devolvida à União. Ela foi destinada à construção do “Sistema de Aterros Sanitários Coletivos referentes ao Seridó e à região do Alto Oeste” e os recursos foram viabilizados por meio de convênio entre Funasa e Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh/RN), porém a vigência se encerra no próximo dia 13 de dezembro deste ano e os valores só serão liberados com a aprovação técnica dos projetos de engenharia e da regularização dos terrenos, ainda pendentes.


Página 1 de 3123


Facebook


Twitter