17/02/2016
Por Edilson Silva em Nordeste

Saneamento é necessário na PB para receber águas do São Francisco

rio-sao-francisco

Durante esta semana, o JPB 2ª Edição exibe uma série de reportagens especiais sobre saneamento básico nos municípios da Paraíba.

O esgotamento sanitário é essencial para os 170 municípios paraibanos que vão receber as águas do Rio São Francisco quando a obra da transposição for concluída. Vão ser beneficiados com a obra cidades da região de Monteiro, no chamado Eixo Leste, e de Cajazeiras, no Eixo Norte. Porém, muitos desses municípios ainda não colocaram o esgoto longe das ruas, rios e açudes.

Durante esta semana, o JPB 2ª Edição exibe uma série de reportagens especiais sobre saneamento básico nos municípios da Paraíba. Nesta terça-feira (16), o destaque foi  para o problema do esgotamento sanitário nas cidades que vão ser beneficiadas pela transposição das águas do Rio São Francisco.


12/02/2016
Por Edilson Silva em Nordeste

Banco do Nordeste abre inscrições para Programa de Patrocínios 2016/2017

235dc9595e500ef12f6a3e416adda005-300x200

Banco do Nordeste inicia hoje o período para inscrição de projetos no Programa de Patrocínios Banco do Nordeste Institucional/Mercadológico 2016/2017. O edital já está disponível no portal www.bnb.gov.br e contempla valor máximo de R$ 100 mil em patrocínio por projeto. As inscrições prosseguem até 24 de março.

Serão selecionadas propostas de cunho institucional ou mercadológico, sendo vedada a inscrição de projetos culturais, tendo em vista que o Banco do Nordeste possui editais específicos para essa área.

Os proponentes devem ser pessoas jurídicas sediadas na área de atuação do Banco, que compreende os nove estados do Nordeste (Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia), o norte de Minas Gerais (incluindo os Vales do Mucuri e do Jequitinhonha) e o norte do Espírito Santo. Os projetos deverão ser desenvolvidos também na área de atuação do Banco.

A divulgação da lista de projetos pré-selecionados está prevista para 29 de abril. Após o resultado, os contemplados têm 20 dias para entregar a documentação determinada no edital. O período para realização dos projetos tem início a partir de 40 dias após a entrega da documentação e término até 30 de abril de 2017.

As dúvidas sobre o Programa de Patrocínios Banco do Nordeste Institucional/Mercadológico 2016/2017 poderão ser encaminhadas para a caixa institucional patrocinio@bnb.gov.br.

 

 


08/01/2016
Por Edilson Silva em Nordeste

Lama de barragem alcança sul da Bahia

12508803_1064641993559202_3606232129404729113_n

A empresa Samarco responsável pela Barragem foi notificada a iniciar a coleta de amostras na região.

A mancha de lama que vinha se espalhando na direção Sul, ao longo do litoral do Espírito Santo, agora está viajando para o Norte, alcançando as proximidades do Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, no sul da Bahia. A Samarco, responsável pela barragem de Fundão, que se rompeu em 5 de novembro, foi notificada a iniciar a coleta de amostras na região.

Embora de forma pouco concentrada, os sedimentos somam uma área de 6.197 km2. A mancha foi detectada durante sobrevoos realizados na segunda e na terça-feira por técnicos do Ibama e do ICMBio.

O “desvio de rota” foi possivelmente ocasionado por um intenso vento sul que se observou na região na última semana. Os testes para confirmar a origem do material devem ficar prontos em 10 dias, mas a presidente do Ibama, Marilene Ramos, afirmou que os técnicos têm “praticamente certeza de que se trata da lama da Samarco”.

Os sedimentos podem impactar a biodiversidade de fitoplâncton, algas e corais de Abrolhos – um dos principais patrimônios ambientais do Brasil. “Ter essa lama no mar é como colocar uma camada de fumaça em cima da Mata Atlântica”, comparou o presidente do ICMBio, Cláudio Maretti.

O órgão informou que o parque não será interditado, pois o monitoramento das águas tem indicado que não há metais pesados ou substâncias tóxicas na água.

Espírito Santo

Três praias de Linhares, na região norte do Espírito Santo, foram interditadas pela prefeitura da cidade, nesta quarta-feira 6. De acordo com o órgão, as praias de Pontal do Ipiranga, Degredo e Barra Seca estão impróprias para banho. Toda região foi afetada pela lama de rejeitos da mineradora Samarco.

Via Diário de Pernambuco


03/12/2015
Por Edilson Silva em Nordeste, Política

Nordeste se levanta contra golpe Cunha/Aécio

images-cms-image-000470196

De forma unânime, os governadores do Nordeste contestaram a tese de impeachment lançada por Eduardo Cunha, réu por corrupção e lavagem de dinheiro, com apoio do tucano Aécio Neves, derrotado nas últimas eleições.

Todos os governadores do Nordeste reagiram nesta quinta-feira 3, por meio de nota, contra a tese de impeachment lançada pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), com apoio do presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG).

Nesta quarta-feira, horas depois de a bancada do PT na Câmara anunciar que votaria contra Cunha no Conselho de Ética, onde o deputado responde por quebra de decoro parlamentar, o presidente da Casa informou que aceitava o pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff, apresentado por juristas e abraçado pela oposição.

Cunha é alvo de inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção e lavagem de dinheiro. O presidente da Câmara é acusado de ter recebido propina no esquema de corrupção da Petrobras investigado pela Operação Lava Jato e de ter contas secretas na Suíça, onde teria guardado dinheiro de propina.

No texto, os governadores Robinson Farias (PSD–RN), Flavio Dino (PCdoB–MA), Ricardo Coutinho (PSB–PB), Camilo Santana (PT–CE), Rui Costa (PT–BA), Paulo Câmara (PSB–PE), Wellington Dias (PT–PI), Jackson Barreto (PMDB–SE) e Renan Filho (PMDB–AL) manifestam repúdio ao que chamam de “absurda tentativa de jogar a Nação em tumultos derivados de um indesejado retrocesso institucional”.

A nota lembra que para haver processo de impeachment, o presidente da República precisa ter cometido crime de responsabilidade, o que não é o caso. “Na verdade, a decisão de abrir o tal processo de impeachment decorreu de propósitos puramente pessoais, em claro e evidente desvio de finalidade”, argumentam.

Os governadores dizem ainda estar “mobilizados para que a serenidade e o bom senso prevaleçam.” Ainda destacaram: “Em vez de golpismos, o Brasil precisa de união, diálogo e de decisões capazes de retomar o crescimento econômico, com distribuição de renda”.

Em entrevista para comentar a nota, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), condenou a postura “chantagista” de Cunha. “É inaceitável que um dirigente de um poder, sem moral para manter-se à frente da Câmara Federal por ser flagrado em desvios, possa estar à frente de um impedimento de uma presidente sem respaldo legal”, afirmou.

Leia a íntegra:

“Diante da decisão do Presidente da Câmara dos Deputados de abrir processo de impeachment contra a Exma Presidenta da República, Dilma Roussef, os Governadores do Nordeste manifestam seu repúdio a essa absurda tentativa de jogar a Nação em tumultos derivados de um indesejado retrocesso institucional. Gerações lutaram para que tivéssemos plena democracia política, com eleições livres e periódicas, que devem ser respeitadas. O processo de impeachment, por sua excepcionalidade, depende da caracterização de crime de responsabilidade tipificado na Constituição, praticado dolosamente pelo Presidente da República. Isso inexiste no atual momento brasileiro. Na verdade, a decisão de abrir o tal processo de impeachment decorreu de propósitos puramente pessoais, em claro e evidente desvio de finalidade. Diante desse panorama, os Governadores do Nordeste anunciam sua posição contrária ao impeachment nos termos apresentados, e estarão mobilizados para que a serenidade e o bom senso prevaleçam. Em vez de golpismos, o Brasil precisa de união, diálogo e de decisões capazes de retomar o crescimento econômico, com distribuição de renda.”


17/11/2015
Por Edilson Silva em Nordeste

Maior reservatório do Nordeste tem seca histórica

sobradinho

Nessa segunda-feira (16), o nível da barragem atingiu 2,5% do volume útil, o mais baixo da história.

Maior reservatório do Nordeste, a Barragem de Sobradinho passa por uma das piores secas da história, que afeta a geração de energia elétrica, o abastecimento dos municípios da região e preocupa agricultores que dependem da água da barragem para a irrigação da produção de frutas.

Nessa segunda-feira (16), o nível da barragem atingiu 2,5% do volume útil, o mais baixo da história. Esse número vem caindo dia a dia. No dia 10 deste mês, por exemplo, estava em 2,9%. O nível mais baixo havia sido registrado em novembro de 2001 (5,46%).

“A barragem de Sobradinho é usada para tudo. A nossa principal preocupação sempre foi fazer com que a água do reservatório atenda às necessidades no maior tempo possível. Mas, hoje, estamos dependendo da chuva”, disse o diretor de Operações da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), José Aílton de Lima.


12/11/2015
Por Edilson Silva em Nordeste, Política

Integração receberá recursos para enfrentar efeitos da seca no Nordeste

Seca_no_Brasil

Integração receberá recursos para enfrentar efeitos da seca no Nordeste.

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira a Medida Provisória 697/15, que libera R$ 950,2 milhões para cinco ministérios: Integração Nacional, Relações Exteriores, Justiça, Transportes, e Defesa. A proposta segue para o Senado.

O Ministério da Integração Nacional receberá R$ 610 milhões para atender a populações vítimas de desastres naturais, como seca no Nordeste e chuvas excessivas e alagamento nas regiões Norte e Sul.


22/10/2015
Por Edilson Silva em Nordeste

Do sucesso à miséria: Ex-vocalista da Banda Líbanos é flagrado pedindo esmola na Bahia

01-06-246x410

Uma História de Sucesso, um talento desperdiçado. As duas frases podem resumir Marquinhos Mattos. Dono de uma voz inconfundível e com sucessos como “palavras”, “o que passou, passou”, “brigas”, “sai solidão”, “renascerá” entre outras ele teve passagem de sucesso pelas Bandas Tropykalia e Líbanos, sua ultima.

Desde ontem o facebook bombou no perfil do fã Adegildo Silva, morador de Sergipe. Um amigo seu passava pela cidade de Catu-BA, quando flagrou Marquinhos em um Bar pedido esmola. Fotografou e envio ao amigo em Sergipe, querendo saber se o mesmo conhecia? Era o vocalista.

Publicação teve mais de 4.926 compartilhamentos. Fãs ficaram tristes

“Galera Vcs não devem reconhecerem essa figura mas é o ex vocalista da banda Líbanos .Colega de trabalho encontrou ele aqui em Catu.BA. Quem poder compartilha ele precisa muito de ajuda…e conhecido como Marguinhos. …. escreveu Adegildo Silva. A postagem teve mais 4.926 compartilhamentos.

O Site Em Foco conseguiu falar por telefone com Ricardo Daris, amigos de Adegildo. Ele disse que o amigo já foi de encontro a Marquinhos Mattos (inclusive já postou uma foto). “Um amigo do Adegildo Silva viu um homem pedindo esmolas … Daí o Marquinhos até perguntou de onde ele era e ele falou que era do Ceará… E o Marquinhos perguntou se ele não estava o conhecendo? Falou que era ex-cantor da Banda Líbanos… esse amigo pediu pra tirar as fotos e mandou pro Adegildo… Com isso eu fiquei muito triste e falei para o Adegildo postar, fazer qualquer coisa pra ver ser repercute e quem sabe alguém possa o ajudar…. Sabemos que ele estava internado no hospital, e mora com a mãe’, escreveu Ricardo.

Adegildo publicou uma foto há uma hora, já com o cantor em Catu-BA. Os fãs criaram uma página no facebook e pedem ajuda a empresários. CLIQUE AQUI Os amigos não são do meio artístico, apenas fãs, mas buscam divulgar a informações e, quem sabe, levar de volta aos palcos a voz que consagrou uma época de forró romântico em duas das maiores bandas daquele momento.
.
Marquinho Mattos é um dos sobreviventes do grave acidente ocorrido em 2004 com a banda Líbanos no município de Pedra Branca. O acidente resultou em sequelas gravíssimas na face e em seu cérebro, nitidamente se percebe que ele ficou um pouco lento, mas ainda é dono de uma bela voz. Assista a uma das primeiras aparições de Maquinhos após o acidente.
.
Fonte: Portal de Notícia CE


21/08/2015
Por Edilson Silva em Nordeste

Projeto São Francisco: Governo Federal conclui Estação de Bombeamento

O Ministério da Integração Nacional concluiu a primeira Estação de Bombeamento (EBI-1) do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, que está em fase de testes. O Governo Federal fará a entrega da estrutura na sexta-feira (21/8), com o acionamento de uma motobomba, estágio em que a água segue por nove quilômetros até o primeiro reservatório do eixo – Tucutú, localizado em Cabrobó (PE).

Durante o evento, o Governo Federal também assinará com os governos dos estados de Pernambuco, Ceará e Paraíba termos de compromisso para implantação, operação e manutenção dos sistemas de abastecimento para levar a água do canal até as comunidades lindeiras.


06/07/2015
Por Edilson Silva em Nordeste, Tempo

Nesta segunda (06), Nordeste do país tem tempo nublado

Nesta segunda-feira (06), a região Nordeste tem tempo nublado a parcialmente nublado com pancadas de chuva. A temperatura mínima da região vai ser de 12 graus e a máxima de 36.

Em Teresina e Aracaju, a temperatura mínima vai ser de 22 graus. Em Fortaleza e Natal, mínima de 22 e em Salvador, temperatura mínima de 21 graus. Em João Pessoa, a temperatura máxima vai ser de 29 graus e em São Luís, máxima de 32 graus. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia.


16/06/2015
Por Edilson Silva em Nordeste

Ministro garante que obras de transposição do São Francisco ficam prontas em 2017

A vinda do ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi (PP), ao Recife na manhã desta segunda-feira (15) foi a sinalização do governo federal para novos investimentos, apesar do momento de crise econômica. No primeiro encontro com o governador Paulo Câmara (PSB), Occhi anunciou R$ 20 milhões para ações emergenciais nas áreas urbanas dos 126 municípios em estado de emergência.

Já na Assembleia Legislativa, o ministro assegurou que as obras da Transposição do São Francisco terminariam até o início de 2017, além de liberar cerca de R$ 100 milhões para obras de macrodrenagem em Paulista, no Grande Recife.

“O eixo norte da transposição já tem 76% concluído e o eixo leste está em 74%. Nos próximos meses, já começaremos a entregar algumas fases da transposição e até o inicio de 2017 a obra será concluída. Sobre o ramal do Agreste, a previsão é de, no mais tardar, entre 60 e 90 dias nós contratarmos esta obra”, adiantou Gilberto Occhi.

Do JC online


10/06/2015
Por Edilson Silva em Nordeste

Nordeste não está livre da crise hídrica, diz meteorologista

seca-TN

O Nordeste e o Sudeste são as duas regiões mais populosas do País, abrigando quase 70% da população brasileira

A crise hídrica no Sudeste e no Nordeste ainda não terminou, e os reservatórios de água das duas regiões, tanto para abastecimento humano como para geração de energia elétrica, poderão entrar em colapso, no próximo ano, caso a estação chuvosa do verão fique abaixo da média histórica. O alerta foi feito nesta terça-feira (9), na Câmara dos Deputados, pelo meteorologista Carlos Nobre, uma das principais referências do País em estudos sobre mudanças climáticas.

Nobre, ex-diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e atualmente presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), participou de audiência pública promovida pela comissão especial que analisa a crise hídrica.

O Nordeste e o Sudeste são as duas regiões mais populosas do País, abrigando quase 70% da população brasileira. Desde 2012, os estados nordestinos convivem com a seca mais severa das últimas décadas. Já os estados do Sudeste passaram a enfrentar o problema a partir de janeiro do ano passado, que atingiu mais severamente a região metropolitana de São Paulo.


12/03/2015
Por Edilson Silva em Nordeste, Política

RUA: População de Cajazeiras diverge sobre Dilma “Se não fosse PT, pobre estava morto”

4dilma

A reportagem da TV Diário do Sertão esteve nas ruas do centro de Cajazeiras nesta sexta-feira (27) indagando a população sobre o Governo do PT e a administração da presidente Dilma Rousseff. Os entrevistados tiveram opiniões diferentes com relação ao assunto.

O agricultor Lindolfo Abreu, por exemplo, fez uma avaliação positiva da gestão PT e disse que, a miséria no país foi reduzida e a educação melhorou, além da agricultura familiar que melhorou muito. Lindolfo disse ainda que a corrupção no país vem desde o período militar. “Impeachment seria um desastre para o país”, disse.

2dilma

Para o agricultor José Batista, a presidente Dilma é “mãe da pobreza” e o Governo do PT é excelente. “Para os ricos ela não é boa, mas o pobre tem carro, tem moto, tem tudo”, disse.

1dilma5

Já o servidor público Tarcísio Cartaxo disse que o Governo do PT está deixando muito a desejar. “Ela prometeu tudo e está deixando a população totalmente desassistida”, disse. Ainda assim, Tarcísio acha que é muito difícil ocorrer um impeachment no país. “A maioria dos congressistas estão na mão dela”, disse.

1dilma

Por outro lado, o servidor Antônio Batista disse que, se não fosse Governo do PT não tinha mais pobre vivo e os ricos quem mandavam em tudo. “Se não fosse Dilma e Lula o pobre podia entregar a mala ao cão pra tomar conta”, disse.

Com relação à corrupção no país, Antônio disse que ladrão tem em todo canto do mundo. “Nos outros Governos era escondido, nesse é descoberto e mandado pra cadeia”, concluiu.

Via Diário do Sertão


02/03/2015
Por Edilson Silva em Nordeste, Tempo

Tempo seco e ensolarado em boa parte do Nordeste brasileiro nesta terça

Terça-feira de tempo seco e ensolarado no centro-norte da Bahia. No litoral da Paraíba, do Rio Grande do Norte, do Ceará, do Piauí e do Maranhão, o dia vai ser de sol e pancadas de chuva, com muita nebulosidade, desde cedo. Em Pernambuco, o céu nublado a parcialmente nublado provoca pancadas de chuva.

Em Alagoas e em Sergipe, pode chover. Nas demais áreas da região Nordeste, a terça-feira vai ser de tempo nublado. A temperatura fica estável, com mínima de 15 e máxima de 36 graus. As informações são do Instituto Nacional de Meteorologia e do Climatempo.


25/02/2015
Por Edilson Silva em Nordeste, Tempo

EMPARN analisa dados sobre chuvas

A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) divulga amanhã o segundo prognóstico para o inverno 2015 no sertão nordestino. Nesta terça-feira, meteorologistas do Nordeste se reúnem em Natal para estudar os parâmetros meteorológicos para o período de março a maio de 2015. O objetivo é projetar se a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) – sistema que permite a formação de chuvas no semiárido – continuará atuando no RN durante o período.

De acordo a EMPARN, as reuniões de especialistas ocorrem anualmente, entre dezembro e abril, para analisar a chegada de chuvas no RN. Na última reunião, em janeiro, o panorama apontava 45% de possibilidade de chuvas “abaixo do normal” este ano.

Gilmar Bistrot, meteorologista chefe da EMPARN, ressalta que a oscilação da temperatura do Oceano Atlântico dificulta a delimitação de um prognóstico para o inverno. “Há uma oscilação muito grande na temperatura do Atlântico, o que não dá estabilidade para formação do sistema. Ele apresenta momentos quentes e frios, causados pelas correntes marítimas. Está meio fora do normal. Estamos melhorando esse monitoramento, que pode indicar uma transição entre um período adverso – Atlântico frio – e a normalidade”, explica.

O oceano Atlântico atinge a temperatura máxima entre março e abril, e é uma das condições para que a Zona de Convergência Intertropical atue no nordeste durante o período. “Só então teremos as condições ideais de chuva prolongada”, aponta Bistrot. Hoje, a ZCIT já atua no RN, com chuvas isoladas ocorrendo no interior do estado. Com as primeiras chuvas, 23 municípios saíram da condição “muito seco” em janeiro para “normal” em fevereiro, segundo monitoramento da Emparn.

Tribuna do Norte


25/02/2015
Por Edilson Silva em Nordeste, Tempo

Chuva cai forte sobre o Nordeste

Chuvas volumosas voltaram a ser registradas em diversas áreas do Nordeste neste início de semana. Pelas medições do Instituto Nacional de Meteorologia choveu 104,6 mm sobre Parnaíba, no litoral do Piauí, entre 20 horas do dia 22 e 20 hora do dia 23 de fevereiro.

No mesmo período, choveu 68,4 mm sobre Jacobina, na Bahia, mas quase toda a chuva caiu na tarde desta segunda-feira. Em Turiaçu, no litoral do Maranhão, foram acumulados 99,5 mm entre 9 horas do domingo e 9 horas desta segunda-feira. Na semana passada, entre os dias 18 e 19, cidade maranhense de Bacabal recebeu quase 144 mm de chuva e sobre Caxias caíra, 133 mm.

Segundo o ClimaTempo, os meses de março e abril marcam o pico do período chuvoso na porção norte do Nordeste e também em parte do Norte do Brasil. Fevereiro deve terminar com chuva abaixo da média, apesar da chuva forte que vem ocorrendo na última semana.


18/01/2015
Por Edilson Silva em Nordeste

Energia pode subir até 25% no Nordeste

A alta na conta de luz em 2015 poderá ser ainda maior do que a estimada nos últimos dias e alcançar entre 50% e 60%, nas regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste, se considerados o aumento extraordinário em fevereiro e os reajustes ordinários às distribuidoras de eletricidade, ao longo do ano. No caso das regiões Norte e Nordeste, o aumento total da conta de luz neste ano ficaria em torno de 25%, em média, também incluindo o aumento extraordinário em fevereiro e os reajustes ordinários.

Os cálculos não consideram um eventual alongamento do prazo de pagamento dos empréstimos de R$ 17,8 bilhões, concedidos no ano passado, por bancos às distribuidoras de energia. A informação foi obtida pela agência Reuters ontem, com uma fonte do governo, que falou sob condição de anonimato. A fonte teve acesso a simulações feitas com base na realidade tarifária de cada região do País e no orçamento da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), que precisará arrecadar cerca de R$ 23 bilhões, neste ano.


13/11/2014
Por Edilson Silva em Brasil, Nordeste, Tempo

Chuvas de mais de 100 milímetros chegam ao Nordeste

20131119_173701-2

As chuvas estão chegando a região Nordeste e nos próximos dias devem “bater à porta” do Rio Grande do Norte conforme as previsões dos meteorologistas. Uma frente fria na altura da Bahia provocou chuva forte em algumas áreas produtoras do Nordeste. Em Bom Jesus da Lapa, cidade que se destaca pela produção de bananas, e em Ilhéus, os volumes ficaram próximos aos 50 milímetros acumulados.

Já no Maranhão, a cidade de Balsas registrou o maior volume em um período de 24 horas: mais de 100 milímetros, o maior acumulado de chuva do ano nesta cidade. Nesta quinta, dia 13, as chuvas prosseguem sobre a Bahia, sul do Maranhão, do Piauí e oeste de Pernambuco. As instabilidades chegam a qualquer hora do dia e acumulam maiores valores no norte baiano.


11/11/2014
Por Edilson Silva em Nordeste, Saúde

Nordeste está sob risco de ebola

A secretaria municipal de Saúde de Caruaru, em Pernambuco, divulgou na manhã de hoje (11), que estaria investigando um caso suspeito de ebola no município. A Policlínica do Vassoural foi isolada após o registro do caso. De acordo com a assessoria de imprensa do órgão, um paciente procurou atendimento na unidade nesta manhã com sintomas da doença e relatou que esteve na África, um dos locais mais atingidos pela epidemia da doença. Pouco depois de passar essa informação, a prefeitura de Caruaru emitiu uma nota retificando-a, afirmando que, provavelmente, o caso é de malária.

“A Secretaria de Saúde de Caruaru já entrou em contato com o Governo do Estado e está sendo encaminhado um exame do paciente brasileiro, procedente da Guiné Equatorial, que não é considerada área de infestação do vírus ebola. A hipótese mais provável é que o paciente está acometido de malária. Será feito um teste, ainda hoje, para definir o diagnóstico. O procedimento está sendo orientado por infectologista especializado da Secretaria Estadual de Saúde. Não há qualquer motivo para pânico. Todas as providências técnicas e preventivas estão sendo tomadas”, diz a nota de entidade.

15454218796_f5d7e363ca_b


10/11/2014
Por Edilson Silva em Nordeste, Tempo

Clima terá um aquecimento de até quatro graus no Nordeste

O engenheiro florestal Eder Zanetti, especialista em mudanças climáticas, fez uma previsão preocupante sobre os efeitos do aquecimento global, no Nordeste. Segundo ele, até o final deste século o clima terá um aquecimento de até quatro graus na região, sendo o semiárido a área mais afetada.

O clima deve ficar até 20% mais seco. Zanetti coordenou parte do estudo feito pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) sobre a emissão de gases do efeito estufa na Grande João Pessoa e disse que o aquecimento poderá reduzir pela metade o tempo que os açudes levam para secar, fazer desaparecer espécies da biodiversidade da Caatinga, comprometer a agricultura familiar e provocar o aumento de doenças infectocontagiosas.


09/11/2014
Por Edilson Silva em Nordeste

Testes com transposição do São Francisco preocupam comunidades

1431224

Impulsionada por um sistema de quatro bombas – cada uma com peso equivalente a cem carros–, as águas do rio São Francisco molharam pela primeira vez os canais de concreto da transposição. Os primeiros testes da transposição, iniciados há um mês, colocaram comunidades em rota de colisão. Enfrentando forte estiagem há quatro anos, moradores veem com ressalvas o desvio das águas, que, durante os testes, não servirá às comunidades.

A captação é feita num dos principais reservatórios do rio São Francisco, o lago de Itaparica, que está com apenas 15% do seu volume útil. Em Petrolândia, sertão pernambucano, o medo é sentimento recorrente. No perímetro irrigado Icó-Mandantes, pequenos agricultores reduziram a plantação e estão perdendo a produção de coco, melancia, cebola e hortaliças. “Estão descobrindo um santo para cobrir outro”, diz José Arivaldo Gomes à Folha de São Paulo. Com o início de um racionamento para irrigação, ele reduziu a área da cebola de quatro para um hectare.




Facebook


Twitter