Segurança terá ‘Big Brother’ com 200 câmeras durante a Copa em Natal

centro-de-controle3

Um monitoramento de 24 horas por dia com mais de 200 câmeras espalhadas pela cidade. As imagens estarão concentradas em 48 telas de cinquenta polegadas no Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR) montado na Escola do Governo, no Centro Administrativo do Estado, para a Copa do Mundo em Natal. “Nada estará em ponto cego. A ideia é que nenhum detalhe fuja”, afirma o delegado federal Paulo Henrique de Oliveira Rocha, que coordenará o local como representante da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos, que é ligada ao Ministério da Justiça.

O CICCR recebeu investimentos de R$ 80 milhões e já está funcionando, mas terá a a atuação intensificada com a chegada das delegações em Natal, que receberá quatro jogos da Copa do Mundo. O coordenador do CICCR explica que nos dias que demandarem mais cuidados, a estrutura contará com o trabalho de aproximadamente 90 pessoas por turno. “Não me refiro só aos dias de jogos. Na data em que os árbitros chegarem, por exemplo, já teremos esse regime. Isso deve acontecer até a última delegação deixar Natal”, detalha.

No Centro de Comando e Controle estarão representantes de diversos órgãos de segurança como Polícia Federal, Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Rodoviária Federal. As mais de 200 câmeras incluem equipamentos da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) e Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), além de 30 câmeras extras instaladas para a Copa. “As imagens das câmeras dentro da Arena das Dunas também serão repassadas. E ainda teremos acessos a algumas imagens de equipamentos de estabelecimentos privados”, ressalta.

De acordo com Paulo Henrique Oliveira, toda a estrutura que funcionará durante a Copa do Mundo ficará à disposição da cidade após o Mundial.

Centros de Controle Móveis

Enquanto o CICCR monitora as atividades na Escola do Governo, dois Centros Integrados de Comando e Controle Móveis (CICCMs) estarão circulando pela cidade. As carretas também funcionarão como sistemas de monitoramento. Os veículos possuem 12 estações de vigilância e despacho, uma câmera móvel e uma câmera térmica, que pode captar imagens no escuro.

Em dias de jogos na cidade, os dois CICCMs se dividirão nos entornos da Arena das Dunas e da Fan Fest, que acontece na Praia do Forte. As carretas já foram testadas em quatro ocasiões. Durante o Carnatal, em uma corrida de rua, e nos jogos ABC e América, e América e Ceará. Uma Plataforma Móvel de Observação também dará apoio na segurança para a Copa. Ainda nos dias de jogos, Paulo Henrique Oliveira informa que dentro do estádio estarão sete representantes de órgãos de segurança coordenando um centro de controle.

Todas as informações serão redirecionadas para o CICCR da Escola do Governo, assim como as ligações para os números de emergência, como o 190, da Polícia Militar. “Se a ocorrência tiver relação com Copa do Mundo nós recebemos”, acrescenta o delegado federal.

Via G1

Compartilhe aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*