Fifa: Chefe da máfia dos ingressos se entrega à Justiça e pode seguir para presídio

raymond

Raymond Whelan, suspeito de liderar a máfia de venda de ingressos ilegais durante a Copa do Mundo, se entregou à Justiça nesta segunda-feira. O diretor da Match Services, empresa parceira da Fifa, está no Rio de janeiro e era considerado foragido desde a última quarta-feira.

A polícia brasileira chegou a recorrer à agência internacional Interpol para ajudar a encontrar o executivo. Whelan responderá pelos crimes de cambismo, lavagem de dinheiro, associação criminosa e sonegação. O diretor da Match, no entanto, alega que é inocente.

Investigações policiais nas últimas semanas apontaram para um esquema de venda ilegal de ingressos para partidas do Mundial, que levaram à prisão, em 1º de julho, de 11 acusados de integrarem uma quadrilha de atuação internacional.

Compartilhe aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*