Desinteresse do brasileiro pela Copa é real, mostra pesquisa

19_08_25_708_file

Segundo reportagem do Correio Braziliense, a sensação de revolta e de insatisfação começa a superar uma paixão nacional. Num movimento quase inédito, o brasileiro está deixando o amor pelo futebol de lado para lutar por conquistas sociais. Nas rodas de amigos, a discussão futebolística tem dado espaço aos debates políticos numa clara mudança de comportamento. Pesquisa revelada pelo Ipsos Media CT — área especializada em mídia e tecnologia— reforça o desinteresse de brasileiros na Copa do Mundo: 32% da população do interior de São Paulo, a região com maior índice de abnegação, não querem saber do evento.

O descontentamento com o campeonato no país segue quase que generalizado. Belo Horizonte e Vitória aparecem em seguida, com 31% de desinteressados, cada uma; Curitiba, com 30%, e São Paulo, com 29%. “Com tantas manifestações acontecendo às vésperas da Copa do Mundo, o brasileiro fica desmotivado com o campeonato”, analisou o diretor de contas da Ipsos Media CT, Diego Oliveira. As cidades que demostraram maior interesse no Mundial são Fortaleza e Salvador, com 24%. A capital cearense também foi considerada a cidade que mais acredita na vitória do Brasil nesta Copa com 54%, seguida por Brasília (49%), Salvador (49%) e Goiânia (48%).

Compartilhe aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*