Corrupção: Presidiários recebem Eike com: ‘vou te matar’ e ‘ladrão’

O clima entre os detentos do presídio Ary Franco, em Água Santa, zona Norte do Rio, não era dos melhores durante a chegada do empresário Eike Batista na última segunda.

Ao ser levado para a cela que ocuparia, ouviu ameaças, enquanto passava pelos corredores. Na descrição de um dos presentes, “vou te matar, desgraçado” foi a frase mais amena pronunciada enquanto Eike seguia para o cárcere.

Compartilhe aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*