Corrupção: José Agripino (DEM) e Garibaldi Alves Filho (PMDB) votaram pelo retorno de Aécio Neves

Dois dos três senadores do Rio Grande do Norte votaram pelo retorno de Aécio Neves (PSDB-MG) ao Senado. Os potiguares Garibaldi Alves Filho (PMDB) e José Agripino Mais (DEM) ajudaram a derrubar nesta terça-feira, 17, a decisão da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) que havia determinado o afastamento do senador mineiro do mandato. A senadora Fátima Bezerra (PT), votou contra Aécio.

O placar final foi 44 votos a 26. Com isso, Aécio poderá retomar as atividades parlamentares. Para retomar o mandato, o tucano precisava de, pelo menos, 41 votos.

Os líderes do PMDB, PSDB, PP, PR, PRB, PROS e PTC orientaram os senadores das respectivas bancadas a votar “não”, ou seja, contra o afastamento e a favor de Aécio.

PT, PSB, Pode, PDT, PSC e Rede orientaram voto a favor da decisão da Turma do Supremo.

DEM e PSD liberaram os senadores a votar como quisessem.

Compartilhe aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*