Saúde

Em Brasília Aloísio Brandão parabeniza Farmácia do Trabalhador de Jucurutu/RN

Sem dúvida alguma vivemos hoje em um mundo interligado através da Rede Mundial de Computadores. E as mídias sociais continuam sendo a preferência do brasileiro e internautas em todo o planeta.

De Brasília o leitor parabeniza a empresa FARMÁCIA DO TRABALHADOR DE JUCURUTU/RN pela excelência nos serviços prestados aos jucurutuenses e visitantes. Aloísio Brandão destacou na time line da instituição o grande trabalho desenvolvido pelo profissional Dr. Marcos Vinicius atual proprietário da farmácia.

A empresa foi inaugurada no dia 23 de Fevereiro/2014 e funciona na Rua Major Lula nº 121 – Centro – Jucurutu e naquela ocasião contou com a presença do Dr. Tarcísio Palhano do Conselho Federal de Farmácia (Brasília – DF)

Confira:

imagem

Por Edilson Silva 

Compartilhe aqui:

Jucurutu: Quimioterapia foi o tema em pauta no Consulte o Seu Farmacêutico desta semana

10169208_287247358108613_4182312001880328400_n

E durante o quadro Consulte o Seu Farmacêutico que foi ao ar pela Cidade FM – 104,9 na última quarta – feira (16/04) o assunto foi Quimioterapia.

O momento que é comandado pelo repórter Edilson Silva e que conta com a participação do farmacêutico e bioquímico, Dr. Marcos Vinicius (proprietário da Farmácia do Trabalhador de Jucurutu/RN) destacou os princípios básicos da quimioterapia.

Esta semana contamos com a participação via telefone do Dr. Jenny Ladson, farmacêutico graduado pela UFRN – Universidade Federal do Estado do Rio Grande do Norte, especialista em manipulação de quimioterápico e responsável pelo setor de quimioterapia da Liga de Caicó/RN.

A quimioterapia, uma das mais importantes armas de que dispomos no tratamento contra o câncer, surgiu durante a Segunda Guerra Mundial, nos Estados Unidos, quando as pessoas que trabalhavam em pesquisas com o gás mostarda (substância utilizada na guerra química) começaram a apresentar alterações nos glóbulos brancos, vermelhos e plaquetas e anemia. Isso chamou a atenção dos pesquisadores que passaram a estudar o assunto, porque há doenças em cancerologia, como muitas leucemias e alguns linfomas, que evoluem com aumento dos glóbulos brancos (leucócitos) e queda dos vermelhos (hemácias).

Acompanhe o Consulte o Seu Farmacêutico todas as quartas – feiras durante o programa apresentado por este blogueiro na emissora local.

Por Edilson Silva 

Compartilhe aqui:

Prefeitura de Jucurutu constrói nova UBS – Unidade Básica de Saúde no Bairro Freitas

10153293_286787088154640_7236186279500304340_n

Em janeiro desse ano a Prefeitura de Jucurutu, por meio da Secretaria de Obras deu início à construção de mais uma Unidade Básica de Saúde (UBS) no município, a UBS do bairro Freitas já está quase “de pé”, isso por que várias paredes e colunas já estão sendo erguidas (imagem 02), a construção acontece entre a creche pró-infância e o ginásio de esportes do bairro.

A construção está sendo feita pela GM CONSTRUÇÕES E SERVIÇOS LTDA Assu-RN e foi orçada em R$ 477.318,32, recursos 100% provenientes da Administração do Prefeito George Queiroz. Em matéria anterior, havia sido destacada a escolha do local a ser construída a UBS.

Com informações da Assessoria de Comunicação da PMJ – Prefeitura Municipal de Jucurutu/RN.

Compartilhe aqui:

Secretaria Municipal de Saúde vai realizar Campanha Nacional de Vacinação contra gripe (influenza) 2014

10250205_286786154821400_4228348312163116992_n

A campanha nacional de vacinação deste ano será realizada de 22 de abril a 9 de maio, sendo 26 o dia de mobilização nacional. A novidade deste ano é a ampliação da faixa etária para crianças de seis meses a menores de cinco anos. No ano passado o público infantil foi de seis meses a menores de dois anos.

O público alvo da campanha no município de Jucurutu é de 4.895 de pessoas e a meta da Secretaria de Saúde é vacinar 80% dessa população, considerada em risco para complicações por gripe. Além das crianças de seis meses a menores de cinco anos, integram este grupo trabalhadores da saúde, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto) e idosos (a partir dos 60 anos). Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis ou com outras condições clínicas especiais também devem se vacinar.

Esse ano o Ministério da Saúde destinou cerca de Cinco mil doses para Jucurutu. Na última segunda-feira (14), foi promovida uma reunião na Secretaria de Saúde para organizar a mobilização do dia “D” (26) e dos demais dias da campanha. A reunião foi comandada pela coordenadora da atenção básica do município, Raquel Nóbrega. Em breve será divulgada a toda a programação da campanha para o município.

Com informações da Assessoria de Comunicação da PMJ – Prefeitura Municipal de Jucurutu/RN.

Compartilhe aqui:

Secretaria de Saúde vai realizar Palestra sobre “Cuidados com a Voz”

10246399_286712724828743_5250884099726507656_n

E quem esteve participando do nosso programa de rádio nesta quarta – feira (16/04) foi Drª. Emanuela Alves, fonoaudióloga.

Na ocasião ela lembrou que no dia 16 de Abril é comemorado o Dia Mundial da Voz. E diversos profissionais têm a voz como ferramenta de trabalho como professores, locutores, cantores, políticos, agentes de saúde, operadores de telemarketing, etc.

Em sua fala destacou que problemas como a rouquidão ou episódios de afonia (perda total da voz) podem ocorrer na ausência de cuidados devidos. A voz é produzida pela vibração das pragas vocais cuja estão localizadas na laringe.

A fonoaudióloga lembrou que essas pregas, vibram pelo impulso do ar que vem dos pulmões e, chegando à cavidade oral, se transforma em palavras. Fatores como esforço, jornada de trabalho extensa e até alguns alimentos, podem favorecer o aparecimento de problemas vocais.

Drª. Emanuela Alves finalizou sua participação informando que foi pensando nisso que a Prefeitura de Jucurutu/RN através da Secretária de Saúde Pública estará promovendo uma atividade alusiva a esta data. A ação acontecerá no dia 23/04 a partir das 18h e 30 min. na Câmara de Vereadores. Participe deste momento venha receber informações e ser amigo da voz.

Por Edilson Silva

 

Compartilhe aqui:

Aedes transgênico é liberado para combate à dengue

Aedes-transgênico

A Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio) aprovou na semana passada pedido de liberação comercial de mosquitos transgênicos contra a dengue, desenvolvidos por uma empresa britânica, chamada Oxitec. Os mosquitos são geneticamente modificados para serem estéreis, de modo que, ao copularem com as fêmeas de Aedes aegypti na natureza, eles acabam por interromper a reprodução da espécie. Testes realizados desde 2011 em dois bairros de Juazeiro, na Bahia, reduziram em até 90% o número de insetos transmissores da dengue nessas localidades.

A decisão da CTNBio, por 16 votos a 1, atesta que os mosquitos transgênicos são seguros, tanto para a saúde humana quanto para o meio ambiente, autorizando a empresa a buscar o registro comercial para colocá-los no mercado – o que poderá levar um tempo indeterminado para acontecer.

A Oxitec já tem uma fábrica pronta para entrar em operação em Campinas, com capacidade para produzir 2 milhões de mosquitos transgênicos por semana, além de uma parceria com a empresa brasileira Moscamed, com sede em Juazeiro, que produziu os mosquitos para os testes de campo na Bahia.

Compartilhe aqui:

Vacinação contra gripe começa dia 22 de abril e 49,6 milhões de pessoas podem tomar a vacina

Template_PPT_Gripe_25.4x19.05cm

O Ministério da Saúde vai realizar a campanha de vacinação contra a gripe deste ano, que acontecerá de 22 de abril a 9 de maio. O objetivo é imunizar pelo menos 80% do público-alvo da campanha, que alcança 49,6 milhões de pessoas. Neste ano, a faixa etária das crianças que podem tomar a vacina foi ampliada para entre seis meses e menores de cinco anos. No ano passado, o limite de idade era de dois anos.

Também devem tomar a vacina nos postos de saúde pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, mulheres que acabaram de dar à luz (até 45 dias após o parto), presos e funcionários do sistema prisional. As pessoas portadoras de doenças crônicas não-transmissíveis ou com outras condições clínicas especiais também devem se vacinar.

Segundo o Ministério da Saúde, serão distribuídas 53,5 milhões de doses da vacina, que protege contra três subtipos do vírus da gripe (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B). Em todo o país, serão 65 mil postos de vacinação, além de veículos terrestres, marítimos e fluviais que ajudarão a levar a vacina em locais onde não há posto de saúde.

A criação de anticorpos contra a doença ocorre entre duas e três semanas após a aplicação da dose e por isso a campanha de vacinação é marcada para antes do inverno, quando acontece a maior circulação da gripe.

O ministério também afirmou que estudos apontam que a vacinação pode reduzir entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza.

A campanha de vacinação será veiculada na TV, rádio, mídia impressa, internet e em outdoors e painéis. O custo total da campanha é de R$ 14 milhões.

Compartilhe aqui:

Fórum em Defesa da Saúde Pública emite nota sobre situação da dengue

aedes

O Fórum em Defesa da Saúde Pública do RN, integrado por diversas instituições, como Ministério Público Estadual, Ministério Público de Contas, OAB, CREMERN, CRO, COREN, CMS, CES, ANOREH, dentre outros, chama a atenção da sociedade norte-rio-grandense para os riscos que podem decorrer da dengue. Segundo apresentado pelos técnicos dos Programas Municipal (de Natal) e Estadual de Controle da Dengue, presentes na referida reunião, só este ano já foram registrados mais de 2.200 casos de dengue no RN, com cinco óbitos notificados.

Na ocasião, foi informado que, apesar do número de casos confirmados ter diminuído em relação ao mesmo período do ano passado, o índice de letalidade da doença aumentou de 5,28% (cinco vírgula vinte e oito por cento) para 23,31% (vinte e três vírgula trinta e um por cento) do ano de 2012 para 2013, o que sugere o avanço rápido da doença para níveis mais graves e demora dos usuários na procura pelos serviços de saúde.

Compartilhe aqui:

Jucurutu, Florânia e São Vicente participam de Formação em Saúde Mental (crack, álcool e outras drogas)

10246818_284123461754336_4503549193400765740_n

Após seleção do Ministério da Saúde/Fiocruz, a Enfermeira Narjeane Figueredo e a Fonoaudióloga Dra. Emanuela Alves iniciaram a primeira turma da Formação em Saúde Mental (crack, álcool e outras drogas) para agentes comunitários de saúde e auxiliares/técnicos de enfermagem na cidade de Jucurutu.

A primeira turma conta com a participação de alunos de Jucurutu e Florânia, cujos terão cinco encontros totalizando 40h/aula certificados pelo MS-Fiocruz. O objetivo é capacitar à rede assistencial par abordagem desta temática na Atenção Básica. Estão previstas mais duas turmas que contará com a presença de alunos ainda de Jucurutu, Florânia e Santana do Matos. São parceiros nesse processo de trabalho a SMS e SME da cidade de Jucurutu.

10151776_284124321754250_22110432521149941_n

O projeto que envolve  a instituição Fiocruz e o Ministério da Saúde vai oferecer em 2014, cursos de formação para a totalidade dos agentes comunitários de saúde distribuídos por todos os estados e regiões do país.

Segundo as instrutoras o “Caminhos do Cuidado” se configura na ‘Formação de agentes comunitários de saúde, auxiliares e técnicos de enfermagem da saúde da família – saúde mental ênfase em crack, álcool e outras drogas’ visando melhorar a atenção ao usuário e seus familiares, por meio da formação e qualificação dos profissionais da Rede de Atenção Básica à Saúde.

Por Edilson Silva

Compartilhe aqui:

Consulte o Seu Farmacêutico desta quarta (09/04) fala sobre digestão

NEW98743-fx

E o Consulte o seu farmacêutico desta quarta-feira, 09 de Abril destacou em sua pauta o assunto digestão de alimentos pelo nosso organismo. Durante apresentação do quadro que conta com a participação do Dr. Marcos Vinicius os ouvintes tiraram suas duvidas sobre o tema em destaque. O Farmacêutico lembrou que mudança nos hábitos alimentares é fundamental para uma boa digestão.

O Bioquímico destacou ainda que a famosa frase “somos o que comemos” deveria ser substituída por “somos o que conseguimos digerir”. Segundo Dr. Marcos nosso poder de digestão é o que transforma alimentos em combustível para nosso corpo. É também a digestão que nos livra das toxinas (ou nos enche delas!).

Ele falou que claro que a qualidade dos alimentos é um fator importante para saúde da digestão e explica que “alimentos orgânicos, frescos e bem mastigados serão vitalizados e tornam-se alcalinos. Pelo contrário alimentos processados, não frescos e industrializados tornam-se ácidos. O sangue ácido irrita e inflama os tecidos e órgãos do corpo, produzindo doenças”.

Acompanhe o Consulte o Seu Farmacêutico todas as quartas feiras às 9h da manhã durante o programa de rádio do Blogueiro Edilson Silva na Cidade FM de Jucurutu/RN.

Por Edilson Silva 

Compartilhe aqui:

RN registra queda de 65% de casos notificados de dengue

dengue_606x455

O Rio Grande do Norte apresentou 2.303 casos notificados como suspeitos de dengue entre o início deste ano até o último dia 05 de abril, o que aponta uma queda de 65,56% em comparação ao mesmo período de 2013, quando foram registradas 6.687 notificações da doença.

Os números foram divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), através do Programa Estadual de Controle da Dengue, nesta terça-feira (08). Os dados são referentes à Semana Epidemiológica nº 14. Quatorze municípios potiguares apresentam alta incidência da doença, quatro estão com média, 59 com baixa e 90 com incidência silenciosa.

Os cinco municípios que apresentam as maiores notificações de casos suspeitos são: Parelhas (567), Natal (294), Rafael Fernandes, (279), Pau dos Ferros (179) e Riacho de Santana (138). A técnica responsável pelo Programa Estadual de Controle da Dengue, Sílvia Dinara Alves, chama a atenção para a nova classificação da doença, definida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e adotada no Brasil a partir deste ano.

Compartilhe aqui:

Jucurutu: Fonoaudiologia no Dia Mundial do Combate ao Câncer

1881

E no Dia Mundial do Combate ao Câncer o blog do Edilson Silva traz uma matéria especial alusiva a data que é comemorada nesta terça – feira, 08 de Abril em todo o planeta.

De acordo com Drª Emanuela Alves, o INCA diz que câncer é o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado (maligno) de células que invadem os tecidos e órgãos, podendo espalhar-se (metástase) para outras regiões do corpo. Os diferentes tipos de câncer correspondem aos vários tipos de células do corpo.

Segundo ela a fonoaudiologia também atua nesta área, no diagnóstico complementar, reabilitação e orientação aos pacientes com alteração nos aspectos da fala, respiração, mastigação, deglutição, voz e linguagem. São atendidos, na grande maioria das vezes, pacientes portadores de câncer de cabeça e pescoço, seguidos pelos pacientes portadores de tumor cerebral, pediatria e demais disciplinas.

Drª. Emanuella ainda destaca que o tratamento envolve orientações pré e pós-operatória a pacientes e familiares quanto aos aspectos fonoaudiológicos que poderão estar alterados pós-cirurgia, e possibilidades de reabilitação; atendimento em leito através da avaliação e indicando terapia ou orientação (paliativo ou clínico); atendimento ambulatorial com orientação ou reabilitação; reabilitação laringectomizados com o objetivo de troca de informação entre os pacientes, profissionais e família, melhora da auto-estima, melhora do convívio social entre outras; e atendimento em conjunto com a odontologia: confecção de prótese obturadora e rebaixadora de palato.

Ela afirma que as causas de câncer são variadas, podendo ser externas ou internas ao organismo, estando ambas inter-relacionadas. As causas externas relacionam-se ao meio ambiente e aos hábitos ou costumes próprios de um ambiente social e cultural. As causas internas são, na maioria das vezes, geneticamente pré-determinadas, estão ligadas à capacidade do organismo de se defender das agressões externas. Esses fatores causais podem interagir de várias formas, aumentando a probabilidade de transformações malignas nas células normais.

A melhor forma de se prevenir contra está doença é através da realização de exames periódicos bem como a submissão a programas de promoção de saúde e qualidade de vida. Procure o posto de saúde do seu bairro e cuide da sua saúde.

Compartilhe aqui:

Jucurutu: No Dia Mundial do mal de Parkinson, Drª. Emanuela Alves alerta para os sintomas

Doenca-de-Parkinson-Paramedico

E nesta sexta – feira, 04 de Abril/2014, DIA MUNDIAL DO MAL DE PARKISON o Blog do Edilson Silva conversou com a Drª. EMANUELA ALVES, membro integrante da Sociedade Brasileira de Doenças Neurológicas e Doutoranda em Neurociências pela UFRN – Universidade Federal do Estado do Rio Grande do Norte.

De acordo com ela a doença de Parkison é uma das patologias de afecção do sistema nervoso central de maior ocorrência, dando-se em homens acima de 50 anos de forma progressiva e degenerativa.

Os sintomas mais característicos da doença são rigidez muscular, alterações posturais e de equilíbrio. De acordo com ela o trabalhado de reabilitação desses pacientes ocorre com intervenção multiprofissional dos serviços de neurologia, fisioterapia e fonoaudiologia.

Ela ainda destaca que na fonoaudiologia as atenções volta-se para fatores que compõe um quadro denominado disartrofonia, onde há o envolvimento de alterações da fala, respiração, ressonância, voz e até de deglutição. A Fonoaudióloga explica que há ainda registro de alterações auditivas relacionadas aos quadros de Parkinson.

A fonoaudiologia é uma ciência que integra os serviços de atenção especializada e esta apta à reabilitação de diversas doenças.

Procure o posto de saúde do seu bairro e informe – se sobre os sintomas e tratamentos.

Por Edilson Silva

 

Compartilhe aqui:

Assembleia aprova leis que melhoram salário dos servidores da Saúde‏

Os deputados aprovaram à unanimidade as mensagens 93 e 94 do governo do RN promovendo revisão na Lei 333 do plano de cargos e carreiras dos servidores da saúde, criada em 2006. Os deputados deram prioridade e celeridade à tramitação da mensagem na Casa, aprovada em plenário em menos de uma semana após ter sido protocolada.

A mensagem 93 diz respeito à reformulação das tabelas de vencimentos dos servidores com níveis fundamental, médio e superior e a mensagem 94 reajusta vencimentos dos médicos e dentistas com especialidade em cirurgia traumatologia buco-maxilo-facial.

Na primeira mensagem, para servidores de nível fundamental, médio e superior, o percentual de aumento salarial será de 3% entre os níveis do PCCR, que vão do 1 ao 16.

Com relação ao reajuste de vencimentos dos médicos e dentistas, a matéria estabelece reajustes progressivos a partir de maio próximo, indo até maio e até os seguintes percentuais e datas para reajuste: 5%a partir do dia 1.º de maio de 2014;  10% (dez por cento), a partir do dia 1.º de maio de 2015; 10% (dez por cento), a partir do dia 1.º de maio de 2016; 10% (dez por cento), a partir do dia 1.º de maio de 2017 e 10% (dez por cento), a partir do dia 1.º de maio de 2018.

Compartilhe aqui:

Caicó é a primeira cidade a receber o Sesc Circuito Saúde do ano

Circuito Saúde 2013. Foto_Moraes Neto

Promover a melhoria na qualidade de vida e saúde dos comerciários e comunidade. Seguindo este conceito, o projeto Sesc Circuito Saúde começa a edição 2014, na segunda-feira (07 de abril), em Caicó.

Durante toda a manhã (08h às 12h), os profissionais de educação em saúde, odontologia e nutrição do Sesc, realizam serviços gratuitos de aferição de pressão, teste de glicemia, orientações em saúde, orientações sobre escovação e higiene bucal.

O Sesc Circuito Saúde é mais uma ação de promoção a saúde realizada pelo Sistema Fecomércio, através do Sesc. Acontece há quatro anos, e conta com parcerias das Secretarias Municipais e Estaduais de Saúde, e empresas privadas. Depois de Caicó (07/04), o projeto segue para Mossoró (10/04), Macaíba (15/04) e Santa Cruz (23/04).

Serviço:

O quê? Sesc Circuito Saúde

Quando e Onde?

Caicó: (07/04) – Sesc Caicó;

Mossoró (10/04) – Comunidade do Fio (projeto Sesc Cidadão);

Macaíba (15/04) – Praça Holanda Paz;

Santa Cruz (23/04) – Praça Presidente Vargas.

Programação gratuita

 

 

Compartilhe aqui:

“Cuidado com os filhos” foi o tema do Consulte o Seu Farmacêutico desta quarta, 02 de Abril

10168178_281484688684880_575068151_n

Após o grande sucesso do tema da semana passada o “CONSULTE O SEU FARMACÊUTICO” voltou ao ar nesta quarta – feira, 02 de Abril/2014.

O quadro é apresentado durante o programa do blogueiro Edilson Silva na Rádio Cidade FM – 104,9. E hoje abordamos em nossa pauta a questão do cuidado, educação e atenção dos pais para com os filhos adolescentes.

Na ocasião Dr. Marcos Vinicius lembrou que é na adolescência onde tudo acontece em nossa vida. O Bioquímico disse ficar surpreso quando um jovem seja do sexo masculino ou feminino nesta fase procura o ambulatório da Farmácia do Trabalhador sem a companhia dos pais ou responsáveis.

O farmacêutico ainda chamou atenção para a necessidade da presença da figura materna no lar para acompanhar mais de perto o que acontece com os seus filhos nesta fase da vida.

Ele ainda destacou que a adolescência é um período complicado para pais e filhos. As relações ficam mais difíceis, as preocupações aumentam e é preciso administrar com calma essa fase cheia de experiências novas para os jovens.

Por Edilson Silva

Compartilhe aqui:

Projeto de revisão do Plano de Cargos, Carreiras e Salários será votado nesta quinta-feira

Foi anunciado para esta quinta-feira (03) a votação do Projeto de Lei (PL) de revisão do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) dos servidores da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). O texto do PL garante a implantação da tabela de correção do internível dos servidores, com o percentual de aumento salarial de 3% entre os níveis do PCCR, que vão do 1 ao 16. A correção implicará em um aumento de aproximadamente R$ 6,5 milhões/mês na folha de pagamento da Secretaria.

De acordo com informações do Governo, a finalização do projeto foi feita mediante um estudo criterioso das condições financeiras do Estado, pautado nas possibilidades reais de cumprimento e na obediência à Lei de Responsabilidade Fiscal, desconsiderando critérios políticos e focando apenas em critérios puramente técnicos. Representantes da Coordenadoria de Recursos Humanos da Sesap atuaram em parceria com a Consultoria Geral do Estado no intuito de agilizar os trâmites para envio do Projeto de Lei.

Compartilhe aqui:

Jucurutu: Dra. Emanuela Alves fala sobre o Dia Mundial da Conscientização do Autismo

IMG-20140402-WA0001

E na Reportagem Especial desta semana o Blog do Edilson Silva no Dia da Conscientização do Autismo entrou em contato com a Drª. Emanuela Alves, fonoaudióloga que fala aqui em nossa página sobre a patologia em destaque.

Confira:

Hoje, dia 02 de abril, comemora-se no mundo todo o Dia da Conscientização do Autismo, uma patologia que tem apresentado alta incidência e, que muitas vezes, têm sido “diagnosticada” de forma inconsistente. O diagnóstico acontece de forma conjunta entre fonoaudiologia, neurologia e psiquiatria.

Segundo Drª. Emanuela Alves o autismo é fundamentalmente uma forma particular de se situar no mundo e, portanto, de se construir uma realidade para si mesmo. Associado ou não a causas orgânicas, o autismo é reconhecível pelos sintomas que impedem ou dificultam seriamente o processo de entrada na linguagem para uma criança, a comunicação e o laço social. As estereotipias, as ecolalias, a ausência de linguagem, os solilóquios, a auto agressividade, a insensibilidade à dor ou a falta de sensação de perigo, são alguns dos sintomas que mostram o isolamento da criança ou do adulto em relação ao mundo que o rodeia e sua tendência a bastar-se a si mesmo.

De acordo com a fonoaudióloga aqui em Jucurutu, o casal Fernando e Edinalva, pais de Eloísa vem buscando o serviço de saúde da cidade para reabilitação da menor, sendo considerados pioneiros na reivindicação de ferramentas que possam melhorar a inserção social da mesma, favorecendo melhoria de qualidade de vida e de aprendizagem.

Por Edilson Silva

Compartilhe aqui:

Estado amplia leitos de UTI no Walfredo Gurgel

blogger-image-1806913679

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) comunica que a partir desta terça-feira (1), a Sesap coloca em funcionamento 10 novos leitos de UTI no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel.

Estes 10 novos leitos serão somados aos 39 já existentes no HMWG, o que o coloca em uma condição completamente diferenciada de outros hospitais quando observada a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS) de que 10% dos leitos de um hospital do porte do Walfredo Gurgel sejam de terapia intensiva.

A Secretaria esclarece que em função da necessidade de otimização de pessoal em uma situação de absoluta insuficiência de recursos humanos, se fez necessário o remanejamento de profissionais de Saúde do estado (6 médicos, 4 enfermeiros e 1 assistente técnico em Saúde), que atuavam no Hospital Central Coronel Pedro Germano, de gestão da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Sesed), para o Hospital Walfredo Gurgel, da rede estadual da Sesap.

Além dos 4 leitos que foram transferidos do Hospital da PM para o Walfredo Gurgel, outros seis novos leitos de UTI estão sendo implantados, não havendo razoabilidade em manter uma equipe que pode ofertar cuidado a 10 pacientes, cuidado somente de quatro.

Compartilhe aqui:

Ministério da Saúde assegura que vacina contra HPV não traz riscos

{3DEBB4CD-08EB-E40A-E8B2-DED645CDDCE2}

Após seis ocorrências de reações à vacina contra o HPV, o Ministério da Saúde enfatiza para a população de que a imunização é segura. “É uma vacina que tem quase dez anos de uso no mundo inteiro. É uma vacina nova aqui no Brasil, mas há 50 países no mundo que utilizam, quase 175 milhões de doses da vacina aplicadas”, pontuou o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa. A vacinação segue normalmente em todo o país.

Até sexta-feira,(28) cerca de 2,3 milhões de meninas foram vacinadas contra o HPV, doença que pode ocasionar câncer de colo de útero. A meta é que até o final de 2014 sejam vacinadas 4,2 milhões de meninas entre 11 e 13 anos de idade.

Fonte: Ministério da Saúde

Compartilhe aqui: