17/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Política

Debate da CNBB esquenta no fim com duelo indireto entre Dilma e Aécio sobre corrupção

Um duelo indireto entre Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB) sobre denúncias de corrupção esquentou um até então insosso debate entre presidenciáveis promovido pela CNBB na terça-feira, que teve um direito de resposta para cada um deles, algo inédito nos debates realizados até aqui nesta campanha. A candidata do PSB, Marina Silva, ficou mais distante da disputa entre os dois rivais, mas aproveitou suas considerações finais para voltar a criticar a polarização PT-PSDB.

Aécio aproveitou uma pergunta do pastor Everaldo (PSC) para atacar a presidente sobre as recentes denúncias de corrupção na Petrobras, o que gerou um pedido de direito de resposta da petista, atendido pela produção do debate. Já o tucano, ao fazer uma pergunta sobre educação para Luciana Genro (PSOL), acabou ouvindo da adversária afirmações duras lembrando denúncias de irregularidades de governos do PSDB. Ele também teve um pedido de direito de resposta aceito.


17/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Política

Tiririca, Celso Russomanno e Paulo Maluf lideram para deputado em São Paulo

tiri

Da Folha – Pesquisa inédita do Ibope indica que os apelos por renovação na política não mudarão o perfil da Câmara dos Deputados nos próximos quatro anos. Em São Paulo, os cinco candidatos que despontam na frente são Tiririca (PR), Celso Russomanno (PRB), Paulo Maluf (PP), Baleia Rossi (PMDB) e Pastor Marco Feliciano (PSC). Os partidos dos três principais candidatos à Presidência, PT, PSB e PSDB, não têm nenhum puxador de votos entre os favoritos no maior colégio eleitoral do país.


17/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Jucurutu, Policial

Jucurutu: Justiça Eleitoral faz reunião com Policiais Militares da 3ª CPM/6º BPM

IMG_20140916_095940506

Na manhã desta terça-feira, 16 de setembro, a Justiça Eleitoral, ora representada pelo Promotor de Justiça, Dr Fausto França e a chefe do Cartório Eleitoral de Jucurutu, Catarina Pires Pinheiro, promoveu uma reunião com o efetivo da Polícia Militar local, que aconteceu no Auditório do Fórum Djalma Marinho, onde foram discutidos assuntos referentes ao pleito eleitoral de 2014.

O Comandante da 3ª CPM/6º BPM, em Jucurutu, Capitão Alex Sandro, também  esteve presente na reunião, compondo a mesa das autoridades e ouviu atentamente, juntamente com a tropa presente, orientações referentes à fiscalização que deverá ser feita durante a campanha e, especialmente, no dia do pleito, quando o risco de compra de votos aumenta consideravelmente, entre outros atos que a Justiça Eleitoral proíbe.

As eleições deste ano, que elegerão presidente e vice-presidente da República, deputados federais, senadores, governadores e vice-governadores, deputados estaduais; o governador e vice-governador do Distrito Federal e os deputados do Distrito Federal, ocorrerão, em primeiro turno, no dia 05 de outubro de 2014. Em caso de segundo turno, a votação ocorrerá no dia 25 do mesmo mês.

A partir do dia 04 de outubro, Jucurutu deverá receber reforço Policial de outras unidades, para que todas as seções estejam com suas urnas devidamente protegidas, sem qualquer risco de violação e todos os eleitores possam votar tranquilamente, sem que nada atrapalhe o bom andamento do Pleito.

Via Blog PM/Jucurutu


16/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Jucurutu

Campanha “Por Uma Disputa Mais Justa”, foi destaque na entrevista com o Promotor, Fausto França na Cidade FM – 104,9

10570423_547102475422513_6790447901452070763_n

Ainda durante entrevista concedida pelo Promotor de Justiça, Dr. Fausto França a Rádio Cidade FM de Jucurutu na manhã desta segunda – feira, 16 de Setembro o destaque para a campanha “Por Uma Disputa Mais Justa”, do Ministério Público Federal (MPF).

A partir de agora a emissora passa a veicular em seus intervalos os spot´s educativos durante todo o período eleitoral para conscientização dos eleitores e coibir ilícitos.

O Ministério Público Eleitoral sempre buscar veicular campanhas educativas e este ano tentamos enfatizar que a eleição é como um jogo e vamos estar na linha de frente fiscalizando e apurando os ilícitos”, declarou o promotor.

Por Edilson Silva – Contatos (84) 9629 7591 – e – mail – edilson104@hotmail.com 


16/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Jucurutu

Promotor Eleitoral da 27º zona, Fausto França, concede entrevista na Cidade FM de Jucurutu/RN

10710588_719481794754981_8338075680668460893_n

O Promotor Eleitoral da 27º zona, Dr. Fausto França esteve nesta terça-feira, 16 de Setembro/2014 concedendo entrevista a Rádio Cidade FM – 104,9 no município de Jucurutu/RN.

O objetivo da entrevista que foi conduzida pelo repórter e blogueiro Edilson Silva foi apresentar a temática da propaganda eleitoral, as estratégias de fiscalização e a tomada de providências legais no caso de constatação de propaganda irregular, nos termos da legislação vigente além de crimes eleitorais.

A democracia como os gregos a definiram é o governo do povo pelo povo e para o povo. As eleições elas são um momento extremamente importante do sistema democrático do país do estado democrático de direito onde a população que naturalmente reclama da qualidade dos serviços públicos no Brasil (educação, saúde, de abastecimento de água, de providencias para convivência com a seca no semiárido) terá a oportunidade de eleger representantes que em seu nome como se fosse procuradores, mandatários irão agir e gerir a maquina pública”, destacou o promotor.

O representante do Ministério Público é um defensor das leis que regem a campanha política e a conduta das pessoas envolvidas nesse processo. Dr. Fausto França é conhecido pela convicção em suas afirmativas e pela intensidade dos discursos, ele não mede palavras para defender o cumprimento da legislação eleitoral.

Por Edilson Silva – Contatos (84) 9629 7591 – e – mail – edilson104@hotmail.com 


16/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições

Ibope quase vendido

IBOPE

.

A família Montenegro está finalizando a operação de venda do Ibope para a WPP, o maior grupo de propaganda e relações públicas do mundo.

As negociações entre Ibope e WPP, que já são sócios em alguns negócios, começaram há quatorze meses.

Pelo acordo, a família Montenegro, que fundou o Ibope em 1942, passa a ser sócia minoritária, mas continua responsável por tocar a empresa. O anúncio da operação está previsto para ocorrer ainda este mês.

Por Lauro Jardim


16/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições

Medo de perder voto afasta violência policial de campanhas

140915141307_police_624x351_getty

Após os protestos de 2013, a ONU cobrou explicações do Brasil sobre o que chamou de uso excessivo da força policial na repressão aos manifestantes. Casos como o do pedreiro Amarildo também levantaram o debate sobre a atuação cotidiana da polícia militar em todo o país.

Mas uma “fuga histórica do debate” e o receio de perder votos de setores conservadores impedem que o tema entre nos programas dos presidenciáveis lideres nas pesquisas, segundo especialistas. A violência policial e também a violência sofrida pelos policiais – até mesmo dentro da corporação – foram apontadas por leitores em uma consulta promovida pelo #salasocial – o projeto da BBC Brasil que usa as redes sociais como fonte de histórias originais.


11/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições

TSE suspende parte da propaganda eleitoral de Dilma no rádio

O ministro Herman Benjamin, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou hoje (10) que a coligação Com a Força do Povo, da candidata Dilma Rousseff (PT), suspenda parte de sua propaganda eleitoral no rádio. O trecho suspenso refere-se ao programa do candidato Aécio Neves (PSDB), da coligação Muda Brasil, como %u201Co programa dos desesperados%u201D.

O ministro considerou o termo inadequado e ressaltou que a Lei das Eleições (9.504/97) impede a veiculação de propaganda eleitoral que possa degradar ou ridicularizar qualquer candidato. As peças foram ao ar no dia 6 de setembro.


11/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições

Maioria dos eleitores tem de 45 a 59 anos

voto-urna-250x208

A maior parte dos eleitores brasileiros que irão às urnas em outubro está na faixa etária de 45 a 59 anos, segundo dados estatísticos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). São 33.790.849 eleitores nessa faixa etária, o que equivale a 23,7% do eleitorado. Esse número é ligeiramente maior que o de eleitores que têm de 25 a 34 anos, que somam 33.268.757 brasileiros, ou 23,3% do total de votantes. A terceira faixa etária mais numerosa é a de eleitores de 35 a 44 anos, que totalizam 28.415.902, ou 19,9% do eleitorado nacional.

Somando-se as três faixas etárias mais numerosas, portanto, verifica-se que o eleitorado compreendido entre 25 e 59 anos representa mais de dois terços do eleitorado brasileiro. Os jovens com 16 e 17 anos, para os quais o voto é facultativo, representam pouco mais de 1% do total de eleitores. Já os idosos acima dos 70 anos, que também têm a opção de voto facultativo, representam cerca de 7,6% do eleitorado.


10/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Jucurutu

Comunicado da Justiça Eleitoral de Jucurutu/RN

eleições-2014

A JUSTIÇA ELEITORAL informa que os eleitores das seções nº 01, 02, 34, 42 e 48 que antes votavam na Associação Cultural e Esportiva de Jucurutu/RN (ACEJ) passarão a votar na ESCOLA ANTÔNIO BATISTA, localizada na Praça da Bandeira, centro, Jucurutu/RN.

Por Edilson Silva – Contatos (84) 9629 7591 – e-mail: edilson104@hotmail.com


10/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Jucurutu

Comunicado da Justiça Eleitoral do município de Jucurutu/RN

be49cc7e-06ca-465c-83b9-f480ee664bf3

A JUSTIÇA ELEITORAL informa aos eleitores das seções nº 39, que antes votavam na Escola Presidente Costa e Silva, localizada no Sítio Pangoá, passarão a votar na Escola Municipal Marechal Rondon, localizada no Sítio Chã dos Felix, Jucurutu/RN.

Por Edilson Silva – Contatos (84) 9629 7591 – e-mail: edilson104@hotmail.com


08/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Jucurutu, Política

Nelter termina o final de semana visitando barragem de Oiticica com Henrique

fgg

Na sexta-feira (05), o deputado estadual Nelter Queiroz acompanhou a Caravana da Mudança, liderada pelo candidato ao governo Henrique Alves (PMDB), ao senado Wilma de Faria (PSB), além do candidato a vice-governador João Maia (PR) e candidatos a deputado estadual e federal. Além de fazer visitas pontuais, Nelter foi a Jardim do Seridó, São Vicente, Santana do Seridó, Equador, Jucurutu, Caicó, Cruzeta, São José do Seridó e Ipueira.

Neste domingo (07), o candidato à reeleição Nelter Queiroz acompanhou Henrique Alves (PMDB) em visita à Barragem de Oiticica, onde o candidato a governador foi ver de perto a obra. A visita rendeu uma gravação para o programa eleitoral de Henrique que vai ao ar em breve. O prefeito de Jucurutu, George Queiroz, também acompanhou a visita.


06/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições

Candidatos não podem ser presos a partir do dia 20 deste mês

A partir do dia 20 deste mês, portanto, quinze dias para as eleições gerais deste ano, de acordo com o Código Eleitoral, nenhum candidato que concorre ao pleito poderá ser preso salvo em caso de flagrante delito.

Já no período entre 30 de setembro e 5 de outubro, a garantia se estenderá aos eleitores. Desde cinco dias antes até 48 horas depois do pleito, nenhum eleitor poderá ser detido nem preso, com exceção dos casos de flagrante delito, sentença criminal condenatória por crime inafiançável ou desrespeito a salvo-conduto.


06/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Jucurutu, Política

Depois de percorrer o Seridó, Nelter lança candidatura em Jucurutu

nelter-candidatura

O deputado estadual Nelter Queiroz (PMDB), percorreu nesta sexta-feira (05), ao lado de Henrique Alves (PMDB), Wilma de Faria (PSB) e a Caravana da Mudança, as cidades de Jardim do Seridó, São Vicente e terminou a noite em Jucurutu, onde era aguardado para o lançamento oficial de sua candidatura à reeleição. O evento aconteceu no Babilônia Clube.

Estiveram presentes os três candidatos a deputado federal que apoiam Nelter em Jucurutu: Rafael Motta (PROS), Felipe Maia (DEM) e Walter Alves (PMDB). Todos defenderam a reeleição de Nelter em seus discursos e a eleição de Henrique Alves a governador e Wilma de Faria (PSB), a senadora da república.

Nelter chegou ao local acompanhado da candidata ao senado, Wilma de Faria (PSB) e os dois foram recebidos de forma calorosa pelo público presente. Logo em seguida chegou o ministro Garibaldi Alves. Os candidatos a câmara federal, Walter Alves e Felipe Maia defenderam suas eleições e as de Henrique, Wilma e Nelter.


06/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Jucurutu, Política

Aliados prestigiaram Nelter Queiroz

nelter-aliados

Prestigiaram o lançamento da candidatura de Nelter Queiroz os prefeitos George Queiroz (Jucurutu), Lardjane Ciriaco (Santana do Matos), Noeide Sabino (Equador), Joci Lins ( São Vicente ) e Gildenor da Fonseca (Triunfo Potiguar). Além dos vice-prefeitos Paula Lopes (Jucurutu), Eurimar (Assú) e Edvaldo Júnior (Santana do Matos) e diversos ex-prefeitos de Jucurutu: Luciano Lopes, Saint-Clair Torres, Júnior Queiroz e o médico Jares Queiroz.

E os vereadores de Jucurutu que apoiam Nelter em sua reeleição: Nego do Detran (PSDB), Paula de Saint-Clair (PDT), Gilson de Boi Selado (PSDB), Jubira Saldanha (PSD), Junior de Dequinha (PR), Juninho Queiroz (PMN), Edivan da Ambulância (PSD), Pedro Figueiredo, Rubinho (PMDB) e Alan de Juarez (PTB), além de outras lideranças locais.


04/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Política

80% dos votos de Aécio irão para Marina no 2º turno, diz vice

O candidato a vice-presidente da República pelo PSB, Beto Albuquerque, acha que 8 em cada 10 eleitores de Aécio Neves devem votar em Marina Silva para presidente num eventual segundo turno. Os outros dois “talvez votariam em Marina”.

Para justificar a possível transferência em massa dos votos tucanos para Marina Silva, o gaúcho diz que isso vai ocorrer “porque são eleitores que querem mudar o país”. E Aécio, também iria de Marina? “É natural. Seria até uma incoerência pensar o contrário. Acho que ninguém pode ficar neutro”.


04/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições, Política

Datafolha mostra que Dilma tem 35% e Marina 34%

presidente-datafolha

A candidata do PSB à Presidência interrompeu a sua ascensão e permaneceu na casa dos 34% enquanto a petista Dilma Rousseff chegou a 35% das intenções de voto, de acordo com a pesquisa Datafolha divulgada há pouco. Dilma tinha 34% na sondagem anterior, dos dias 28 e 29 de agosto, e sua variação, portanto, está dentro da margem de erro da pesquisa, de dois pontos porcentuais para mais ou para menos. Ambas estão em uma situação de empate técnico. Aécio Neves, do PSDB, oscilou de 15% para 14% entre uma sondagem e outra.

Na disputa de um eventual segundo turno entre Dilma Rousseff e Marina Silva, a candidata do PSB venceria por 48% contra 41% da petista, informou o Datafolha, divulgado há pouco pelo site do jornal Folha de São Paulo. Na pesquisa realizada no final de agosto, a diferença era de 10 pontos porcentuais (50% a 40%) entre as duas candidatas.

Se a eleição no segundo turno fosse disputada entre Dilma e Aécio Neves, a atual presidente seria reeleita ao vencer por 49% a 38%. Em um cenário de Marina versus Aécio no segundo turno, a candidata do PSB também venceria o rival, por 56% a 28%. O Datafolha entrevistou 10.054 eleitores em 361 municípios brasileiros entre segunda-feira e hoje. O nível de confiança é de 95%, o que significa que a cada 100 levantamentos em 95 o resultado estaria dentro da margem de erro. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o código BR-00517/2014.


04/09/2014
Por Edilson Silva em Eleições

TSE aprova envio de força federal para municípios do Rio Grande do Norte

Na sessão administrativa desta quarta-feira (3), o Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou o envio de força federal para 36 municípios do Rio Grande do Norte durante a realização das Eleições 2014. A requisição foi relatada pela ministra Luciana Lóssio. O pedido de envio de força federal foi apresentado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), com base em solicitação de juízes eleitorais, para a manutenção da ordem e da segurança pública no dia da eleição nos municípios informados.

Foi aprovado o envio de força federal para os seguintes municípios: Macaíba, Ielmo Marinho, Goianinha, Tibau do Sul, Espírito Santo, São José de Campestre, Monte das Gameleiras, Serra de São Bento, Caicó, Carnaubais, Ipanguaçu, Mossoró, Serra do Mel, Baraúna, Apodi, Felipe Guerra, Itaú, Severiano Melo, Rodolfo Fernandes, Caraúbas, Umarizal, Olho D’Água dos Borges, Luís Gomes, José da Penha, Major Sales, Paraná, Monte Alegre, Lagoa Salgada, São Fernando, Timbaúba dos Batistas, Pendências, Alto dos Rodrigues, Pedro Avelino, Cruzeta, São José do Seridó, Coronel Ezequiel.


30/08/2014
Por Edilson Silva em Eleições

Voto nulo não invalida eleição

Se mais da metade dos eleitores optarem por anular o voto nas eleições, o pleito será invalidado, como muita gente acredita? E uma nova disputa terá que ser organizada num prazo de 40 dias, com novos candidatos? A resposta, em ambos os casos, é não. O boato circula na internet há anos e ganha força durante o período eleitoral. Em uma rápida pesquisa, é fácil encontrar páginas e comunidades nas redes sociais que hasteiam a bandeira do voto nulo, apresentando-o como uma forma de protestar contra “tudo que está aí”. Os defensores dessa prática política argumentam que esse tipo de voto evidenciaria a insatisfação popular com os rumos atuais da política e a falta de identificação com os candidatos.

Protesto ou não, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) tem buscado esclarecer o tema. O entendimento da Justiça Eleitoral para a legislação em vigor é de que o voto anulado por vontade própria ou erro dos eleitores, mesmo se em quantidade superior à metade do eleitorado, não invalida a eleição. “Se a pessoa não vai à urna ou vai e vota nulo, ela não manifesta a sua vontade em relação a nenhum dos candidatos. Se poderia até dizer que ela está fazendo um voto de protesto, mas as regras constitucionais brasileiras dão peso “zero” para esse voto de protesto. Ele não é considerado para o resultado das eleições”, explicou o ministro do TSE Henrique Neves em recente entrevista.


28/08/2014
Por Edilson Silva em Eleições

Ministro suspende inserções da coligação de Dilma Rousseff

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Tarcísio Vieira de Carvalho concedeu três liminares para suspender inserções veiculadas pela Coligação com a Força do Povo, que apoia Dilma Rousseff à reeleição. De acordo com o relator, inserções dos dias 20, 22 e 23 de agosto contêm irregularidades e a veiculação deve ser cessada imediatamente até decisão final nas representações. A coligação que apoia o candidato Aécio Neves – Muda Brasil – recorreu ao TSE contra as inserções sob o argumento de que as mensagens veiculadas visam a confundir o eleitor. As inserções dos dias 22 e 23 são de 15 segundos e a do dia 20 é de 30 segundos.

Entre as irregularidades apontadas pela Coligação Muda Mais está a utilização de recursos de computação gráfica com sobreposição de imagens; utilização de imagens externas; inserção do nome de Dilma em tamanho dez vezes maior do que o do candidato a vice, Michel Temer; uso de efeito especial de som em forma de trilha sonora;cuso da legenda “propaganda eleitoral gratuita” por apenas três segundos; e omissão dos partidos que compõem a coligação.




Facebook


Twitter