23/06/2020
Por Edilson Silva em Brasil, Política

STF vê ‘real possibilidade’ de atuação de associação criminosa em atos antidemocráticos

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou que os indícios reunidos pela Procuradoria Geral da República confirmam a real possibilidade de existência de uma associação criminosa que estaria atuando em atos antidemocráticos.

A afirmação consta na decisão do ministro, à qual a TV Globo teve acesso, autorizando as buscas realizadas pela Polícia Federal e as quebras de sigilos que atingiram parlamentares, empresários e blogueiros bolsonaristas. Segundo Moraes, os indícios apresentados pela Procuradoria-Geral da República confirmam a “real possibilidade de existência de uma associação criminosa” na organização dos atos.

Para o Ministério Público Federal, “pode haver abusos e crimes que precisam ser apurados a partir do esclarecimento do modo de funcionamento estruturado e economicamente rentável de uma escala de organização e agrupamento com pretensões aparentes de execução de ações contra a ordem constitucional e o Estado Democrático e provocação das Forças Armadas ao descumprimento de sua missão constitucional”.

Moraes afirmou ainda que garantias individuais não podem servir de pretexto para eventuais atos criminosos.

“Torna-se imprescindível o deferimento das diligências, inclusive com afastamento excepcional de garantias individuais que não podem ser utilizados como um verdadeiro escudo protetivo da prática de atividades ilícitas, tampouco como argumento para afastamento ou diminuição da responsabilidade civil ou penal por atos criminosos, sob pena de desrespeito a um verdadeiro Estado de Direito”, escreveu.

A Procuradoria dividiu essa suposta organização em quatro núcleos: “organizadores e movimentos”; “influenciadores digitais e hashtags”; “monetização”; e “conexão com parlamentares”. De acordo com o vice-procurador-geral da República, Humberto Jacques de Medeiros, “as chamadas redes sociais não são apenas espaço de liberdade de expressão”.

Segundo ele, “os usuários das redes sociais com muitos seguidores podem auferir renda das próprias plataformas a partir do volume de tráfego que geram, a quantidade de seguidores que arrebanham, o universo de pessoas que alcançam com suas mensagens, a sua capacidade de influenciar seus seguidores”.

Medeiros afirmou que “só há como inferir que os envolvidos não praticaram condutas lesivas ao livre exercício das casas legislativas [ Senado e Câmara] e deste próprio Tribunal [ STF] por meio de providências cautelares, entre outras diligências a serem implementadas pela autoridade policial”.

A PGR disse ainda que, “como se pode verificar, no ecossistema de redes sociais e propagação de ideias de mobilização social e realização de manifestações ostensivas nas ruas, há participação de parlamentares tanto na expressão e formulação de mensagens, quanto na sua propagação e visibilidade, quanto na sua propagação e visibilidade, quanto no convívio e financiamento de profissionais na área”.

“Na parte visível de toda essa organização há militantes, há políticos, há organização, há recursos financeiros. Há também direitos. Todavia, potencialmente pode haver abusos e crimes que precisam ser apurados a partir do esclarecimento do modo de funcionamento estruturado e economicamente rentável de uma escalada de organização e agrupamento com pretensões aparentes de execução de ações contra a ordem constitucional e o Estado Democrático e provocação das Forças Armadas ao descumprimento de sua missão constitucional”, afirmou o vice-PGR.

Veja matéria completa AQUI.


23/06/2020
Por Edilson Silva em Saúde

Fiocruz retoma projeto com mosquitos que combatem a dengue

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) retomou nesta segunda-feira (22) a liberação de mosquitos Aedes aegypti contaminados com a bactéria Wolbachia, que tem capacidade de impedir a transmissão de doenças como dengue, zika, chikungunya e febre amarela urbana. O programa foi interrompido há três meses, por causa da pandemia de covid-19.

A retomada da liberação começa pelos bairros de Ramos, Olaria e Bonsucesso, na zona norte do Rio de Janeiro. Segundo o líder do Método Wolbachia no Brasil, Luciano Moreira, essas doenças, chamadas de arboviroses, não deixaram de circular no país durante a pandemia e, por isso, é importante retomar o projeto.

“Durante o período de suspensão das atividades de campo, nossas equipes mantiveram as ações para manutenção da colônia de Aedes aegypti com Wolbachia, respeitando as orientações de segurança e higiene das autoridades de saúde. Além disso, estamos trabalhando em inovações para assegurar que a liberação de mosquitos com Wolbachia, bem como seu monitoramento, possam ser realizados com segurança, diante deste cenário de pandemia”, disse o pesquisador da Fiocruz.

A liberação dos mosquitos será feita durante 16 semanas, mas o monitoramento da população de mosquitos infectadso com a bactéria permanece suspensa, já que exige a interação dos técnicos da pesquisa com os moradores e comerciantes voluntários que instalaram as armadilhas em suas residências ou lojas.

Método Wolbachia

O Método Wolbachia começou no Rio de Janeiro em 2015, com a liberação dos mosquitos contaminados em Tubiacanga, na Ilha do Governador, na zona norte da capital, e em Jurujuba, em Niterói, na região metropolitana. Em menos de dois anos, os pesquisadores constataram que a população de Aedes aegypti com Wolbachia nos locais estava em 90%. Em 2018, o projeto foi ampliado para 14 bairros da zona norte. com

Segundo a Fiocruz, a Wolbachia é um microrganismo intracelular presente em 60% dos insetos da natureza, mas não no mosquito Aedes aegypti. “Quando presente nesses mosquitos, ela impede que os vírus da dengue, zika, chikungunya e febre amarela se desenvolvam dentro do mosquito, contribuindo para a redução destas doenças. Uma vez que os mosquitos com Wolbachia são liberados no ambiente, eles se reproduzem com mosquitos de campo e ajudam a criar uma nova geração de mosquitos com Wolbachia.”

O trabalho da Fiocruz integra a iniciativa internacional World Mosquito Program (WMP), que opera atualmente em 12 países. Além do Brasil, fazem parte do projeto Austrália, Colômbia, México, Indonésia, Sri Lanka, Índia, Vietnã, Kiribati, Fiji, Vanuatu e Nova Caledônia.

Agência Brasil


23/06/2020
Por Edilson Silva em Jucurutu, RN, Saúde

Taxa média de isolamento social em Jucurutu caiu para 36,47%

A IV Ursap divulgou na tarde desta segunda-feira (22), novos dados sobre a Taxa de Isolamento Social, nas cidades da região Seridó do Rio Grande do Norte.

De acordo com as informações, Timbaúba dos Batistas, é a cidade com a taxa mais alta. Lá, 42,37% estão cumprindo o isolamento, mas, isso ainda é muito a baixo do que é apontado por especialistas como sendo o ideal, que é de no mínimo 70%.

A taxa média de isolamento social em Jucurutu caiu para 36,47%.

Na região inteira, com seus 26 municípios, a taxa média de isolamento nesta segunda-feira, dia 22, era de 34,12%.

A população da cidade de Caicó, de acordo com os dados, também está longe de atingir o que é recomendado. Somente, 33,59%, estão cumprindo algum tipo de distanciamento.


23/06/2020
Por Edilson Silva em Assu

Barragem Armando Ribeiro Gonçalves atinge 65,95% da sua capacidade

A barragem Armando Ribeiro Gonçalves, localizada no rio Piranhas-Assu, continua recebendo aporte hídrico mesmo com o fim da quadra chuvosa no interior do Rio Grande do Norte.

O reservatório acumula 1.565.139.675 m³, o que corresponde a 65, 95% da sua capacidade total que é 2.373.066.510 m³, conforme apresentou o Relatório do Volume dos Principais Reservatórios Estaduais – monitorados pelo Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio do Instituto de Gestão das Águas do RN (Igarn) – divulgado nesta segunda-feira (22). Antes, o volume da represa era de 1.562.430.780, correspondentes a 65,84%.

As reservas hídricas superficiais totais do Estado somam 2.485.327.772 m³, que representam em termos percentuais, 56,78% do total de água que os 47 reservatórios monitorados pelo Igarn conseguem acumular juntos. Em comparativo com o último relatório, divulgado no dia 16 de junho, o acumulado do estado estava em 2.485.347.559 m³, que correspondiam aos mesmos 56,78% do total das reservas do RN.

Segundo maior reservatório estadual, Santa Cruz do Apodi acumula 213.695.150 m³, percentualmente, 35,63% da sua capacidade total que é de 599.712.000 m³. Na última semana o manancial estava com 214.912.240 m³, que correspondiam a 35,84% do seu volume máximo.

O reservatório Umari, localizado em Upanema, acumula 270.791.197 m³, percentualmente, 92,48% da sua capacidade total que é de 292.813.650 m³. No relatório do dia 16 de junho a barragem estava com 271.092.875 m³, que correspondiam a 92,58% do seu volume máximo.

No entanto, outros reservatórios de menor porte ainda recebem aporte hídrico. O açude de Lucrécia acumula 10.075.763 m³, que correspondem a 40,7% da sua capacidade total que é de 24.754.574 m³. No monitoramento da semana passada o manancial estava com 9.860.558 m³, percentualmente, 39,83% da sua capacidade total.

O açude de Pilões também recebeu águas. Acumula 3.542.588 m³, correspondentes a 60,02% da sua capacidade total, 5.901.875 m³. Na última semana o reservatório estava com 3.482.825 m³, percentualmente, 59,01% do seu volume total.

O reservatório Jesus, Maria, José, localizado em Tenente Ananias, acumula 3.540.096 m³, percentualmente, 36,76% da sua capacidade total, 9.639.152 m³. No último levantamento divulgado, o manancial estava com 3.526.959 m³, que correspondiam a 36,59% do seu volume total.

Na bacia hidrográfica do Rio Ceará-Mirim, o reservatório de Poço Branco acumula 30.654.350 m³, percentualmente, 22,54% da sua capacidade total que é de 136.000.000 m³. Na última semana, o manancial estava com 30.064.777 m³, que correspondiam a 22,11% do seu volume máximo.

O reservatório Marechal Dutra, também conhecido como Gargalheiras, teve pequena redução de volume e acumula 15.059.422 m³, que correspondem a 33,9% da sua capacidade, que é de 44.421.480. Na última semana o manancial estava com 15.318.190 m³, percentualmente, 34,48% do seu volume total.

Atualmente estão com 100% dos seus volumes os seguintes mananciais: Apanha Peixe, em Caraúbas; Mendubim, em Assu e Beldroega, em Paraú.

Os mananciais que já sangraram e continuam com volumes próximos da sua capacidade total são: Santana, em Rafael Fernandes, com 98,33%; Passagem, em Rodolfo Fernandes, com 99,44%; Riacho da Cruz II, em Riacho da Cruz, com 97,4%; Morcego, em Campo Grande, com 99,37%; Santo Antônio de Caraúbas, localizado em Caraúbas, com 99,5%; Encanto, em Encanto, com 96,25%; Pataxó, em Ipanguaçu com 97,89% e Dourado, em Currais Novos, com 96,33%.

Dos 47 reservatórios monitorados pelo Igarn, apenas 2 estão com níveis inferiores a 10% da sua capacidade, sendo, portanto, considerados em nível de alerta. São eles: Passagem das Traíras, que está em reforma e não pode acumular grande volume hídrico, com 1,42% do seu volume máximo e Esguicho, em Ouro Branco, que chegou a receber pequena recarga e acumula 2,96% da sua capacidade. Percentualmente o número representa 4,25% dos reservatórios monitorados.

Já os mananciais completamente secos também são 2, Inharé, localizado em Santa Cruz; e Trairi, localizado em Tangará. Em termos percentuais o número representa 4,25% dos reservatórios monitorados.

SITUAÇÃO DAS LAGOAS

A Lagoa de Extremoz, responsável pelo abastecimento de parte da zona norte da capital, está atualmente com 100% da sua capacidade que é de 11.019.525 m³.

A Lagoa do Bonfim, localizada em Nísia Floresta, recebeu aporte hídrico das últimas chuvas está com 45.199.779 m³, correspondentes a 53,64% da sua capacidade total de acumulação que é de 84.268.200 m³. Na última semana a lagoa acumulava 44.710.314 m³, correspondentes a 53,06% do seu volume máximo.

A Lagoa do Boqueirão, localizada em Touros, também está com o seu volume máximo que é de 11.074.800 m³.


22/06/2020
Por Edilson Silva em RN

MPRN, MPF/RN e MPT/RN recomendam que Governo e Prefeituras se abstenham de flexibilizar isolamento

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), o Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) e o Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte (MPT/RN) emitiram uma recomendação conjunta para que o Governo do Estado e s Prefeituras municipais se abstenham de adotar quaisquer medidas tendentes a flexibilizar o isolamento social da Covid-19. O documento foi assinado nesta segunda-feira (22) e leva em consideração o Boletim Epidemiológico de 20 de junho passado, que revela uma taxa de ocupação total de 97 % dos leitos de UTI públicas e 86% de UTI privadas.

Na recomendação, o Ministério Público diz que o Governo do Estado deve garantir que a retomada das atividades econômicas não essenciais ocorra apenas quando verificadas as condicionantes epidemiológicas e de percentual de taxa de ocupação de leitos clínicos e de UTI Covid. Já as Prefeituras devem se abster de praticar quaisquer atos, inclusive edição de normas, que possam flexibilizar medidas restritivas estabelecidas pelo Governo Estadual.

O MPRN, o MPF/RN e o MPT/RN fixaram prazo de 24 horas para a comunicação sobre o acatamento dos termos da recomendação, informando as providências adotadas, com o encaminhamento de decretos municipais ou outros atos eventualmente editados.

O Ministério Público reforça no documento a absoluta necessidade de adoção de medidas preventivas a fim de minimizar os efeitos da pandemia do novo coronavírus, as quais indicam o isolamento social como a medida mais adequada à prevenção do seu alastramento.

O MPRN, o MPF/RN e o MPT/RN destacam, também, que “a publicidade quanto ao início da fase de reabertura inevitavelmente lança sob a população a ideia de que o pico da doença já está em vias de ser ultrapassado, o que não é verdadeiro, pois há evidências científicas, produzidas no âmbito do Comitê Científico de Combate ao Coronavírus – C4NE, no sentido de que diversas cidades do RN, como Natal, Parnamirim, Ceará Mirim, Areia Branca e Caiçara do Rio dos Ventos, por exemplo, continuam com elevado número de casos, o que agrega ainda mais preocupação, sobretudo, quando já se constata que o isolamento social no âmbito do Estado do Rio Grande do Norte ostenta índice abaixo do necessário, conforme Boletim Epidemiológico n.93, de 20 de junho de 2020, alcançando apenas 36,7%”.

“Nesse cenário de planejamento de reabertura, a taxa de ocupação de leitos ganha ainda maior relevo, mostrando-se absolutamente necessário que a taxa publicada seja atualizada, desconsiderando, para fins de seu cálculo, os leitos que não estão funcionando e, portanto, que não estão efetivamente disponíveis à regulação (conforme anotações consignadas nos próprios boletins de ocupação de leitos)”, diz trecho da recomendação.

O MPRN, o MPF/RN e o MPT/RN frisam que a adoção de medidas de enfrentamento à emergência de saúde pública de importância internacional por Covid-19 deve estar respaldada em evidências científicas, o que evidentemente é aplicável à adoção de providências que promovem a flexibilização do isolamento social no Rio Grande do Norte, especialmente por não existir tratamento clínico atualmente eficaz para a patologia e, sobretudo, o manifesto crescimento do número de casos confirmados e de óbitos por Covid-19 no Estado.

Ainda na recomendação, o Ministério Público destaca que constitui crime expor a vida ou a saúde de outrem a perigo direto e iminente, delito que pode ser praticado pelo gestor que promover o relaxamento das regras de isolamento social sem observar as prescrições da OMS, das autoridades sanitárias estaduais e dos especialistas em epidemiologia.


22/06/2020
Por Edilson Silva em Economia

Live SEBRAE: Bio Prevenção – Salões de Beleza! Reinicie com o sebrae!

Você está preparado para reabrir?
Seus clientes se sentirão seguros para voltar?
Como funcionar em meio a pandemia?
Como atender de maneira segura os clientes?
Como retomar as atividades com segurança?
A resposta para estas e outras perguntas, você encontra na Semana da Bio Prevenção Sebrae!
Reinicie com Bio Prevenção! Reinicie com o sebrae!

🎯 Ficou interessado(a)?

🔹 Faça sua inscrição gratuita!

✍️ Inscreva-se no link: https://forms.gle/a5PF3hsquUxQtHRaA

👉🏻 Encaminharemos o link de transmissão pelo WhatsApp.

Vagas limitadas!


22/06/2020
Por Edilson Silva em Economia, RN

Live SEBRAE – PRONAMPE – A nova linha de crédito destinada aos pequenos negócios

O Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (PRONAMPE) é um programa de governo que oferece o suporte necessário para o desenvolvimento e o fortalecimento dos pequenos negócios.

Para trazer mais informações sobre o assunto, convidamos a Ruth Suzana (Analista do Sebrae/RN), para apresentar uma live junto com a participação de Antonio Augusto (Auditor Fiscal da Delegacia da Receita Federal em Natal/RN), Amaro Sales (Presidente da FIERN), Sérgio Aragão (Gerente de Negócios Pessoa Jurídica do Banco do Brasil/RN) e Fares Haum Júnior (Superintendente de Rede da CEF do RN).

Participe com a gente e saiba todas as informações a respeito do programa!
🗓️ 22/06 | ⌚16h
📍 Canal do Youtube: Sebrae RN

👉🏻 Inscrições: https://material.rn.sebrae.com.br/pronampe

#SebraeRN #Live #PequenosNegócios #Pronampe #NenhumaEmpresaAMenos #Covid19


22/06/2020
Por Edilson Silva em Mossoró

Estudante de Medicina morre em Mossoró vítima de coronavirus

O estudante do 8° período de Medicina da Universidade Potiguar (UNP), Vital Avelino Maia Neto, de 21 anos, morreu neste domingo (21) vítima do novo coronavirus.

Atuava como estagiário no Hospital Central Coronel Pedro Germano – Hospital da Polícia Militar, em Natal.

Ele é filho do médico Alexandre Avelino Moreira Maia e da enfermeira Luciana, residentes em Mossoró.

Doutor Alexandre, pai do estudante, também estava intermado com coronavírus, mas teve alta hospitalar hoje.

Vital Neto tinha fibrose cística e chegou a ser hospitalizado por complicações da covid-19.

O Câmera


22/06/2020
Por Edilson Silva em Policial, Política

PM do DF usa spray de pimenta para conter bolsonaristas em Brasília

Após um início de confusão em frente ao Palácio do Itamaraty, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) fez uso de spray de pimenta para dispersar manifestantes bolsonaristas que tentaram ultrapassar a barreira montada na Esplanada dos Ministérios.

Ao contrário do que ocorreu no último domingo (14), não há proibição para a circulação de pedestres ao longo dos ministérios. Os manifestantes contra e a favor do governo Jair Bolsonaro, no entanto, não têm acesso às áreas que circundam o Congresso Nacional, o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Palácio do Planalto – todos situados na Praça dos Três Poderes.

Ao chegarem à barreira montada pela PMDF em frente ao Congresso Nacional e ao Palácio do Itamaraty, parte dos bolsonaristas que até então protestavam pacificamente – incluindo idosos – pressionou pela abertura das grades, tentando chegar à Praça dos Três Poderes. Os policiais do cordão de isolamento responderam com spray de pimenta.

Após rápida dispersão, os próprios manifestantes pró-governo afastaram parte das pessoas que causaram o tumulto e retornaram à grade para cantar o hino nacional.

Do outro lado da Esplanada dos Ministérios, manifestantes contrários ao governo também marcham com bandeiras. Os dois grupos estão isolados por um cordão de policiais, que inclui a Cavalaria da PMDF. Até o momento, não há ocorrência de confrontos entre os dois grupos que protestam hoje em Brasília.


22/06/2020
Por Edilson Silva em Economia, RN

AGN lança linha de crédito exclusiva para jovens empreendedores do RN

A Agência de Fomento do Rio Grande do Norte (AGN-RN) criou mais uma ferramenta de estímulo ao empreendedorismo e apoio aos novos negócios protagonizados por jovens. O Credjovem, mais uma linha de financiamento do programa Microcrédito do Empreendedor Potiguar, já está disponível para contratação e chega em um importante momento para assegurar a manutenção de negócios e garantir a geração de renda, mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

O Credjovem atende empreendimentos geridos por jovens entre 18 e 29 anos – formais ou informais, do campo ou urbanos, solidários ou convencionais – aliada à capacitação para utilização do recurso e sobrevivência na crise. Para ter acesso ao crédito, além de já ter um empreendimento em curso, o jovem deve estar sem pendências com seu CPF ou CNPJ (se Microempreendedor Individual) e passar por cadastro e triagem a ser realizado pela SEMJIDH, bem como, participar de capacitação e acompanhamento da execução do plano de negócio.

Os jovens poderão obter financiamentos com valores que podem chegar até R$ 12 mil, sendo este o valor máximo para operações realizadas por empreendedores formalizados como Microempreendedor Individual (MEI). Para aqueles que atuam de maneira informal, os financiamentos podem chegar até R$ 3 mil. A carência é de 90 dias para contratos assinados até 30 de junho.

O financiamento é condicionado a análise de crédito do cliente realizada pela AGN-RN, após triagem pela SEMJIDH. O prazo para quitação das parcelas é de 12 meses para informais e de 24 meses para os profissionais formalizados. A taxa de juros varia de 1,5% a 1,7% ao mês a depender da natureza do financiamento. O cliente que efetuar o pagamento em dia terá um bônus de adimplência, ou seja, os juros serão subsidiados pela própria Agência.

A capacitação e orientação para elaboração do plano de negócios e gestão de empreendimentos acontece através de parceria com o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e contará ainda com apoio, a depender do perfil do negócio, da SEDRAF (Secretaria Estadual do Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar) e SETHAS (Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social).

Os jovens que buscarem o financiamento deverão cumprir, dentre outras exigências, o disposto na legislação relacionada a prevenção e combate ao trabalho infantil, trabalho adolescente (salvo na condição de aprendiz) e na condição análogo ao escravo, sob pena de não liberação do crédito.

Para se inscrever, o jovem precisa entrar em contato com a Subsecretaria da Juventude via e-mail (sejuv.semjidh@gmail.com) para preenchimento dos formulários para análise de viabilidade. Caso tenha alguma dúvida, basta enviar e-mail para o mesmo endereço com o respectivo questionamento.

Para a diretora-presidente da AGN, Márcia Maia oferecer condições de competitividade e manutenção do negócio durante a pandemia é fundamental para minimizar os prejuízos decorrentes da atual crise no cenário econômico e assegurar acesso ao sistema nacional de fomento.

“Sabemos da dificuldade, especialmente dos jovens em busca do primeiro emprego, de buscar uma vaga, ainda mais neste momento de pandemia. E neste cenário de crise, torna-se fundamental oferecer alternativas através do empreendedorismo uma saída para transformar talentos em negócios. Construir uma alternativa para garantir renda e reconhecimento de seus empreendimentos”, afirma Márcia Maia.


21/06/2020
Por Edilson Silva em Jucurutu, Policial, Saúde

Covid-19: Prefeitura de Jucurutu e PM intensificam fiscalização no cumprimento de decretos

O Governo Municipal de Jucurutu, Polícia Militar e equipes da Secretaria Municipal de Saúde realizaram, no último final de semana, operação de fiscalização no cumprimento dos decretos do Executivo Municipal e Estadual que estabelecem medidas restritivas para enfrentamento da Covid-19 na cidade.

Locais públicos, comércio, bares e estabelecimentos foram fiscalizados.

A ação visa reduzir a disseminação do coronavírus em Jucurutu.


21/06/2020
Por Edilson Silva em Brasil, Policial, Política

“QG Rural” de grupo bolsonarista ‘300’ é alvo de operação de busca e apreensão neste domingo

A Polícia Civil do Distrito Federal cumpriu na manhã deste domingo (21), mandado de busca e apreensão em um dos pontos de apoio do grupo conhecido como “300 do Brasil”.

A operação aconteceu em uma chácara na região de Arniqueiras, em Águas Claras, em duas casas onde também havia barracas instaladas. O imóvel conta com câmeras de segurança que cobrem toda a sua extensão. No momento da operação, duas pessoas estavam no local, conhecido pelo grupo como “QG Rural”.

A ação apreendeu fogos de artifício, vários manuscritos com planejamento de ações e discursos, cartazes, aparelhos de telefone celular, um facão, um cofre (que ainda será aberto), e outros materiais destinados a manifestações.

A Coordenação Especial de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado (Cecor) apura a prática de supostos crimes de milícia privada, ameaças e porte de armas cometidos grupo. Sara Geromini, vulgo Sara Winter, líder do grupo, está presa desde o dia 15.

“Esses bandidos estão perseguindo quem luta pela nação para nos livrar dessa bandalheira da corrupção. A casa que dá apoio aos patriotas que lutam pela nação foi invadida. Hoje são eles, amanhã será vocês”, disse o bolsonarista Renan Sena em um vídeo publicado nas redes sociais.

A operação ocorreu horas antes das manifestações marcadas para este domingo (21).


21/06/2020
Por Edilson Silva em Caicó, Religião

Cáritas Diocesana de Caicó fará circuito de lives a partir de segunda-feira (22)

A Cáritas Diocesana de Caicó promoverá uma semana inteira de lives abordando o Laudato Sí (sobre o cuidado da casa comum”). O Laudato Sí é uma encíclica do Papa Francisco, na qual o pontífice critica o consumismo e o desenvolvimento irresponsável e faz um apelo à mudança e à unificação global para combater a degradação ambiental e as alterações climáticas.

A primeira live acontecerá na próxima segunda-feira (22), a partir das 19h, com a participação do bispo Dom Antônio Carlos e Nellda Pereira ( secretária geral da Cáritas Brasileira Nordeste 2).

A segunda live será na quarta-feira (24), no mesmo horário com a participação de Luciana Maria ( professora da UERN) e Francisca Fabiana( articuladora de mulheres da Cáritas de Caicó)

A última live será na sexta-feira(26) e terá como convidados Padre Neto e José Carlos. As livre poderão ser assistidas através do Instagram @caritascaico.


21/06/2020
Por Edilson Silva em RN

Covid-19: Manoa Park em Maracajaú/RN encerra suas atividades temporariamente

O Manoa Park, situado na praia de Maracajaú, informa que, na sequência da recente evolução epidemiológica do novo Coronavírus, a empresa decidiu implementar o encerramento temporário das atividades.

Confira nota


20/06/2020
Por Edilson Silva em Educação

Consulta sobre nova data do Enem começa neste sábado (20)

A consulta sobre a nova data do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 poderá ser feita a partir deste sábado (20) na página do participante. Para participar, é preciso acessar a página, com CPF e senha utilizados no cadastro do portal único do Governo Federal, o gov.br, e indicar o período em que prefere fazer as provas.

São três opções disponíveis: Enem impresso: 6 e 13 de dezembro de 2020/Enem Digital: 10 e 17 de janeiro de 2021, Enem impresso: 10 e 17 de janeiro de 2021/Enem Digital: 24 e 31 de janeiro de 2021 e Enem impresso: 2 e 9 de maio de 2021/Enem Digital: 16 e 23 de maio de 2021.

A edição 2020 do Enem recebeu 6,1 milhões de inscrições e 5,7 milhões já estão confirmadas. As próximas etapas do Enem incluem a divulgação do resultado do recurso relacionado à solicitação de tratamento pelo nome social e a divulgação do resultado do recurso relacionado à solicitação de atendimento especializado do Enem impresso, ambas previstas para o dia 25.

Sisu, ProUni e Fies

Além do Enem, o Ministério da Educação (MEC) alterou a data das inscrições aos principais programas de acesso à universidade para atender a uma solicitação das instituições de ensino superior públicas e privadas.

As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do segundo semestre, que deveriam ter sido feitas entre os dias 16 e 19 deste mês, agora estão previstas para o período de 7 a 10 de julho. O prazo para inscrições no Programa Universidade Para Todos (Prouni), que seria de 23 a 26 de junho, agora será aberto no dia 14 de julho. E o Financiamento Estudantil (Fies), que teria inscrições efetuadas de 30 de junho a 3 de julho, passou para 21 a 24 de julho.

A mudança ocorre devido à suspensão de algumas atividades acadêmicas e administrativas nas universidades por causa da pandemia de covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus.

*Com informações da Agência Brasil


20/06/2020
Por Edilson Silva em Brasil, Política

Supremo Tribunal Federal (STF) prorroga prisão da extremista Sara Winter

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes prorrogou nesta sexta-feira (19) por mais cinco dias a prisão da extremista Sara Fernanda Geromini, conhecida como Sara Winter. Ela está custodiada no presídio feminino do Distrito Federal.

Na segunda-feira (15), Sara foi presa pela Polícia Federal (PF) por determinação do ministro e a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) na investigação que apura ataques a instituições, como pedidos de intervenção militar e o fechamento do Congresso e do Supremo.

A ativista já foi denunciada pela Procuradoria da República no Distrito Federal pelos crimes de injúria e ameaça ao ministro. A denúncia foi enviada à 15ª Vara Federal de Brasília.

Nesta quinta (18), a ministra Cármen Lúcia, do STF, negou um pedido de liberdade feito pela defesa de Sara Winter.

Segundo a defesa, houve abuso de poder e ilegalidade na decretação da prisão. Para os advogados, Sara é vítima de perseguição política.

“Se pessoas condenadas por tráfico de drogas podem ser beneficiadas por HC [habeas corpus] para ficarem em prisão domiciliar com seus filhos menores, qual o motivo a ora paciente deverá, duplamente, permanecer encarcerada, se não cometeu crime algum, não é condenada, não é autoridade com foro de prerrogativa, e possui um filho de 5 anos de idade?”, questionou a defesa no STF.

Sara Winter é líder do grupo 300 do Brasil, de apoio ao presidente Jair Bolsonaro.


20/06/2020
Por Edilson Silva em Brasil, Policial, Política

CORRUPÇÃO: MP suspeita da origem de R$ 261 mil pagos em dinheiro a escolas e plano de saúde da família de Flávio Bolsonaro

O pedido do Ministério Público do Rio de Janeiro que levou à prisão de Fabrício Queiroz — preso na quinta-feira (18) — levanta suspeita sobre R$ 261 mil pagos em dinheiro por mensalidades escolares e plano de saúde das filhas de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). Ao cruzar dados e imagens de câmeras de segurança de agência bancária de dentro da Alerj, o MPRJ concluiu que Fabrício Queiroz fez esses dois pagamentos.

Segundo a documento, ao qual a TV Globo teve acesso, foram 116 boletos quitados em espécie. Ao menos dois desses boletos, de mensalidades de um colégio no Rio, foram comprovadamente pagos por Queiroz, segundo o MP. O ex-assessor de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa (Alerj) quitou duas mensalidades, de R$ 3.382,27 e R$ 3.560,28, em 1º de outubro de 2018, segundo fotos e dados incluídos no processo.


20/06/2020
Por Edilson Silva em Mundo, Política

Facebook remove anúncio de Trump que incluía símbolo nazista

O Facebook removeu um anúncio publicado pela campanha eleitoral do presidente americano, Donald Trump, que atacava a esquerda e mostrava um triângulo vermelho invertido, símbolo usado pelos nazistas para designar os presos políticos nos campos de concentração.

“Removemos estes anúncios e publicações, porque infringem nosso regulamento sobre o ódio organizado”, declarou um porta-voz da rede social americana nesta quinta-feira.

“Não autorizamos símbolos que representam organizações ou ideologias de ódio, a menos que seja para condená-las”, assinalou Nathaniel Gleicher, diretor de normas de segurança cibernética da rede social, ao ser questionado nesta quinta-feira (18), no Congresso, sobre um artigo do jornal “The Washington Post” que revelava a existência do anúncio.


20/06/2020
Por Edilson Silva em Economia, RN

Gás de cozinha sofre aumento de 5% e preço do botijão pode chegar a até R$ 76 no RN

O preço do gás de cozinha vai aumentar no Rio Grande do Norte entre R$ 2,50 e R$ 3,50. A Petrobras confirmou ao G1 que o preço médio do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) vendido nas refinarias subiu 5% a partir desta sexta-feira (19), o que vai interferir também no valor final do produto.

O Sindicato dos Revendedores Autorizados de Gás Liquefeito de Petróleo (Singás-RN) informou que ainda não foi notificado oficialmente sobre a porcentagem desse novo reajuste pela Petrobras e, dessa forma, destaca que não é possível cravar, por enquanto, de quanto será o aumento no preço final.

Apesar disso, o sindicato estima que o valor vai ser entre R$ 2,50 e R$ 3,50, fazendo o preço médio crescer para valores entre R$ 70 e R$ 76. Atualmente, o preço do gás de cozinha no Rio Grande do Norte varia entre R$ 68 e R$ 73. “Esse vai ser o terceiro aumento nos últimos 30 dias”, disse o presidente do Singás-RN, Francisco Correia.

“Nós calculamos que vai ficar entre R$ 2,50 e R$ 3,50. Como não nos foi passado oficialmente, é uma especulação. Se o reajuste nos for informado no dia de hoje por exemplo, a partir de amanhã os novos botijões adquiridos já serão vendidos com o reajuste”.

Francisco explicou que a recomendação do sindicato é para que o reajuste seja repassado apenas nos novos botijões. “Nossa recomendação é vender o estoque antigo com o preço anterior, sem o reajuste”. Segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço médio no estado é atualmente na faixa de R$ 68 e R$ 70.


19/06/2020
Por Edilson Silva em Jucurutu, Saúde

Taxa de isolamento social em Jucurutu é de apenas 39,79%

É preocupante os números de casos confirmados de Covid-19 na região.

Dados atualizados nesta sexta-feira, 19, mostram a taxa de isolamento social da região do Seridó.

O mapa é fruto de um estudo feito pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da UFRN.

Em Jucurutu a taxa é de 39,79%. A média na região é de 39,36%.

Veja:




Facebook


Twitter