04/06/2018
Por Edilson Silva em Caicó, Economia

Palestra em Caicó discutirá como as Rotas da Cachaça tem impulsionado o Turismo Rural

“A cachaça como instrumento de valorização e desenvolvimento do Turismo Rural” é o tema da palestra de Paizito Dantas durante o Fórum de Turismo de Caicó, que acontecerá nos próximos dias 08 e 09 de junho, no Centro Cultural Adjuto Dias.

“A palestra tem como objetivo a reflexão acerca do papel da cachaça como patrimônio cultural do Brasil, verificando a relação entre patrimônio cultural, desenvolvimento e turismo rural, como também identificar algumas tendências e novas formas de uso da cachaça na composição de produtos turísticos”, destaca Paizito.

O palestrante é guia de turismo; especialista em História do Brasil; graduado, mestre e doutorando em Turismo; e secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Caicó. Na oportunidade será apresentado o case de sucesso da Cachaça Samanaú e como o turismo acontece nas rotas da cachaça do Rio Grande do Norte e da Paraíba.

O Fórum de Turismo é uma realização do Município de Caicó e do Sebrae, com apoio da UFRN, Casa do Empresário, CDL, ACISC, SindVarejo, Fundação José Augusto e Governo do Estado; patrocínio Banco do Nordeste e Governo Federal. As inscrições estão abertas pela Central de Atendimento do Sebrae: 0800 570 0800.


04/06/2018
Por Edilson Silva em Classificados, Jucurutu

Goleada de Ofertas é no SUPERMERCADO FLORACI – Rede Seridó

Pra fazer economia de verdade, venha conferir a seleção de ofertas do SUPERMERCADO FLORACI – Rede Seridó!

#redeserido #supermercadofloraci #laranjinha #encartenovo #precobaixo


04/06/2018
Por Edilson Silva em Policial

Dentista caicoense morre em acidente automobilístico próximo a Santa Cruz

Um gravíssimo acidente entre dois veículos deixou duas pessoas mortas na BR 226 no município de Santa Cruz. Uma das vítimas e o dentista caicoense Danilo Gonzaga, que trafegava na referida estrada guiando um Corola.

A outra vítima fatal guiava um veículo Fiat Uno. Outras pessoas que estavam a bordo do Fiat foram socorridas pelo SAMU.


03/06/2018
Por Edilson Silva em Eventos, Jucurutu

Jader Gabriel e Yris Gomes são eleitos Garoto & Garota do Vale – Etapa Jucurutu – 2018

Em uma disputa bastante acirrada os jovens jucurutuenses, Jader Gabriel e Yris Gomes foram eleitos na noite de ontem (02) com o título de Garoto & Garota do Vale – Etapa Jucurutu – 2018. O concurso teve como palco a Danceteria Status e contou com uma comissão julgadora formada por: Antônio Gutemberg Ribeiro (Mestre em Língua Portuguesa), Francisco Filho (Representante Sertão Jucurutu), Cynthia Louíse Menezes (Representante Del Rayssa), Talles Bruno (Representante Secretaria de Recursos Hídricos do RN), Francisco Xavier (Vereador de Assu/RN) e Rangel Oliveira na computação de pontos.

Estiveram concorrendo ao título: Jader Gabriel, Jefferson Rocha, Yres Gomes, Silvane Gislayne, Rennara Bezerra, Fabrícia Santos, Suzamile Souza, Steffanny Grazielly, Camila Gabrielly, Hogla Virlayne e Adriana Patrícia.

Ao final do desfile a comissão julgadora obteve o seguinte resultado:

MASCULINO:

1º – Jader Gabriel

2º – Jefferson Rocha

FEMININO:

1º – Yris Gomes

2º – Suzamille Souza

3º – Rennara Bezerra

CASAL SIMPATIA: Jefferson Rocha e Rennara Bezerra

CASAL ENQUETE INTERNET: Jefferson Rocha e Yris Gomes

Os ganhadores estarão agora se preparando para representar o município de Jucurutu na grande final que ocorrerá em Setembro na cidade de Assú.


03/06/2018
Por Edilson Silva em Caicó

Titina Medeiros coordena painel sobre participação das mulheres no cinema

Um dos painéis mais aguardados do Festival de Cinema Curta Caicó acontece neste domingo (03) a partir das 15h, no Centro Cultural Adjuto Dias. A discussão vai girar em torno da participação das mulheres no audiovisual. A atriz Titina Medeiros que está participando de toda a programação irá coordenar o painel que terá participação de Keila Sena (coordenadora do Festival Goiamum), Dênia Cruz (documentarista) e das cineastas Ariane Mondo, Diana Coelho e Wigna Ribeiro.

O painel acontece logo após o último bloco das Mostras Competitivas Nacional e Potiguar. Já a partir das 19h será o encerramento do festival com a exibição dos filmes convidados e do lançamento do curta-metragem que foi produzido em Caicó, durante a oficina Cinemando com Kennel Rógis. O evento está sendo realizado no Centro Cultural Adjuto Dias e conta com a organização da Referência Comunicação.


03/06/2018
Por Edilson Silva em Tempo

Emparn prevê chuvas para o fim de semana no RN

Em tempo deve permanecer instável durante todo o fim de semana em Natal e no interior do estado. Segundo boletim informativo produzido pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn), “instabilidades de origem oceânicas deixarão o céu parcialmente nublado a claro com possibilidade de ocorrência de pancadas de chuva em todo o estado”.

Em Natal, de acordo com a Emparn, os termômetros não vão ultrapassar a barreira dos 30°C. A mínima prevista para a capital entre sábado e domingo é de 22°C. Já em Mossoró, a máxima prevista é de 35°C e a mínima de 25°C. O céu deve permanecer parcialmente nublado nas duas cidades. A região metropolitana de Natal registra chuva nesta sexta-feira. A tendência é de novas pancadas de chuva na capital ao longo da tarde e durante a noite.


02/06/2018
Por Edilson Silva em Eventos, Jucurutu

Concurso Garoto & Garota do Vale – Etapa Jucurutu – 2018, acontece neste sábado (02)

O Concurso Garoto e Garota do Vale, Etapa – Jucurutu – 2018, acontecerá neste sábado (02) e tem como organizadores: Rúbia Germano e Francisco Pedro que trazem nesta noite, belíssimas garotas e garotos que tentarão o título neste gracioso evento. Os vencedores representarão o município na grande final que ocorrerá na cidade de Assu sobre a coordenação de Jailson Rodrigues seu grande idealizador.


02/06/2018
Por Edilson Silva em Brasil, Política

A Constituição prevê a possibilidade de uma intervenção militar?

Na últimas semanas, com a crise provocada pelo movimento grevista de caminhoneiros em todo o país, voltaram a surgir nas redes sociais e em faixas espalhadas nas estradas pedidos por uma certa “intervenção militar constitucional”, que daria a membros das Forças Armadas o poder para governar o país. Mas, apesar do uso do termo “constitucional”, tal medida não tem nenhum fundamento jurídico. Na realidade, demandas do tipo são baseadas em interpretações equivocadas da Constituição, segundo juristas.

De acordo com os especialistas, diferentemente do que argumentam militantes polítcos que defendem a intervenção, a Constituição não prevê qualquer cenário em que militares possam assumir o poder, ainda que com missão e prazo delimitados.

A hipótese de uma intervenção também é rechaçada pelos comandantes das Forças Armadas, que citam os riscos de um retrocesso institucional no país.

“Qualquer intervenção em que os militares assumam o poder equivaleria a uma ruptura institucional e a um golpe de Estado”, diz Daniela Teixeira, vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no Distrito Federal.

‘Limpeza ética’

Em grupos de apoiadores da greve no WhatsApp e no Facebook, além de outros movimentos, são comuns os pedidos por uma intervenção militar temporária, que promova uma “limpeza ética” no governo e conduza o país até a próxima eleição.

Segundo os difusores da ideia, esse tipo de intervenção seria diferente de um golpe ou da imposição de uma ditadura militar.

“Em 1964 as leis eram outras, eram outros tempos”, diz num áudio que circula em grupos de WhatsApp um homem que se identifica como militar da reserva da Aeronáutica. Ele diz que, nos golpes, os militares agem por conta própria. Já em intervenções, segundo ele, “as forças são convocadas a agir pela população” – fator que conferiria legalidade aos atos.

O autor defende a realização de grandes manifestações pró-intervenção pelo Brasil. “Aí teremos o respaldo do mundo e da ONU, senão a ação cai por terra”.


02/06/2018
Por Edilson Silva em Política

CORRUPÇÃO: Henrique Alves (PMDB) é condenado a mais de 8 anos de prisão

O juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal Criminal do Distrito Federal, condenou nesta sexta-feira, 1, os ex-presidentes da Câmara Eduardo Cunha (MDB-RJ) e Henrique Eduardo Alves (MDB-RN) em um processo aberto a partir da Operação Sépsis, que investiga corrupção na Caixa Econômica Federal entre 2011 e 2015. Cunha foi sentenciado a 24 anos e dez meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e violação de sigilo funcional, e Alves, a 8 anos e 8 meses de reclusão pelo crime de lavagem de dinheiro.

Além dos emedebistas, Vallisney também condenou o lobista Lúcio Bolonha Funaro (8 anos, 2 meses e 20 dias de prisão), o ex-vice-presidente da Caixa Fábio Ferreira Cleto (9 anos e 8 meses de prisão) e o operador financeiro Alexandre Margotto (4 anos de prisão). Funaro, Cleto e Margotto fecharam delações premiadas com o Ministério Público Federal (MPF).

Na denúncia, os procuradores afirmavam que Cleto foi indicado à vice-presidência de Fundos de Governo e Loterias da Caixa por Eduardo Cunha e Henrique Alves. Uma vez no cargo, sua função foi informar Cunha, Funaro e Margoto sobre quais empresas apresentavam projetos solicitando investimentos dos fundos da Caixa, como o Fundo de Investimentos do FGTS (FI-FGTS).

Com as informações privilegiadas, cabia a Eduardo Cunha e Lúcio Funaro cobrarem propina em troca do investimento do fundo e repassarem uma porcentagem ao vice-presidente do banco estatal. O ex-presidente da Câmara ficava com 80% do valor, o lobista, com 12%, e Cleto e Margotto, com 4% cada um. O valor repassado em propina a Cunha no esquema, entre 2011 e 2015, foi de 89,5 milhões de reais.

“Com a extrema força política que possuía, cabia a Cunha (não com exclusividade) procurar a empresa e cobrar propina para o andamento ou liberação do dinheiro. Os recursos ilícitos entravam para o grupo por intermédio de Funaro, que fazia a contabilidade e conversão, caso necessário, em dinheiro, ficando com menor parte. Dessa parte, Lúcio repassava os percentuais pré-acordados aos demais, sem prejuízo de, em alguns investimentos, ele próprio ter feito contato com os empresários para a arrecadação da propina (do mesmo modo que Cunha em outros investimentos)”, escreveu o juiz na sentença.

Conforme a denúncia, houve pagamento de propina em ao menos sete projetos, incluindo o Porto Maravilha, construído por OAS, Odebrecht e Carioca Engenharia no Rio de Janeiro com investimento de 3,5 bilhões de reais pela Caixa, aporte que teria rendido 2,1 milhões de reais em propina a Cleto. A acusação sustenta que Henrique Alves recebeu 1,64 milhão de reais em propina neste caso, pagos a ele por meio de três transferências a uma conta na Suíça.

Além das empreiteiras, também envolvidas na Operação Lava Jato, o Ministério Público enumera que houve pagamento de propina ao grupo em projetos propostos à Caixa pelas empresas Aquapolo, Odebrecht Ambiental, Eldorado Participações, Brado Saneatins e Moura Dubeux.

VEJA


01/06/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu, Religião

Vídeo: Paróquia de Jucurutu celebra o Corpo e Sangue de Cristo e Encerramento do Mês Mariano

Confecção de tapete com símbolos religiosos, adoração, procissão e missa solene; assim foi a programação de Corpus Christi, celebrada nesta quinta-feira (31) pela comunidade católica jucurutuense.

Na Igreja de Santa Izabel fiéis se reuniram às 15h para Adoração ao Santíssimo Sacramento e logo em seguida por volta das 18h e 30min. uma procissão saindo do local percorreu ruas e avenidas com destino a Matriz de São Sebastião onde foi celebrada Missa campal pela Solenidade de Corpus Christi e Encerramento do Mês Mariano com Coroação de Nossa Senhora.

“Estamos hoje reunidos para Celebrar a Solenidade de Corpus Christi. Eis aqui a própria fé, nosso alimento espiritual e quantas pessoas nos dias atuais não acreditam no Corpo e Sangue de Cristo, mesmo após tantos milagres. Meus irmãos, estamos vivenciando dias difíceis; o povo brasileiro perdeu a fé nos seus governantes, mas não vamos perder a nossa esperança que está em Deus, olhemos para Jesus, sigamos em frente, pois devemos depositar nossa confiança em Deus e não nos homens. Não percam a fé em Deus”, disse o Padre.

 

 


01/06/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu

Coleta de lixo terá horário alterado durante o feriadão

A Prefeitura de Jucurutu através da Secretaria de Obras e Serviços Urbanos informa que o horário da coleta de lixo será diferenciado durante o feriadão.

Confira abaixo as alterações:

Quinta-feira 31/05- FERIADO: A partir das 07hs – Bairro Freitas e avenida principal da cidade.

Sexta-feira 01/06 – 07hs – Avenida principal da cidade.

Sábado 02/06 – Coleta normal – A partir das 13hs Avenida principal até a feira livre.

A equipe da coleta de lixo pede ainda a colaboração de todos, para que preservem a limpeza urbana e deposite o lixo nos coletores espalhados pela cidade.


01/06/2018
Por Edilson Silva em Política

Governo do MDB corta verba de programas sociais como políticas para juventude, violência contra mulheres, políticas sobre drogas, saúde indígena e combate ao trabalho escravo

Para garantir a redução de R$ 0,46 no litro do óleo diesel nas refinarias, o governo retirou recursos de áreas sensíveis como a fiscalização de trabalho escravo e trabalho infantil, programa Mais Médicos, verba de policiamento e até do Sistema Nacional de Transplante. Áreas sociais e programas ligados à Educação e ao Meio Ambiente também serão afetadas pelos cortes, que somam R$ 9,5 bilhões.

Para garantir o crédito extraordinário que será remanejado para os Ministérios de Minas e Energia e da Defesa, o governo precisou retirar dinheiro de 19 ministérios, sendo que, ironicamente, o dos Transportes foi o mais afetado: terá de cortar R$ 1,4 bilhão. Também houve corte em programas sociais como políticas para juventude, violência contra mulheres, políticas sobre drogas e saúde indígena.


01/06/2018
Por Edilson Silva em Brasil

Conta de energia ficará mais cara a partir de hoje

A bandeira tarifária para o mês de junho será vermelha (patamar 2) com custo de R$ 5 a cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos. Com o fim do período úmido, os reservatórios do Sul apresentaram redução de volume provocando o aumento do risco hidrológico (GSF) e o preço da energia no mercado de curto prazo (PLD). Além disso, a previsão de chuvas é baixa quando comparada à média histórica. O GSF e o PLD são as duas variáveis que determinam a cor da bandeira a ser acionada.

O sistema de bandeiras foi criado para sinalizar aos consumidores os custos reais da geração de energia elétrica. O funcionamento é simples, para que os consumidores possam assimilar que as cores verde, amarela ou vermelha indicam se a energia custa mais ou menos por causa das condições de geração. Com as bandeiras, a conta de luz ficou mais transparente e o consumidor tem a melhor informação, para usar a energia elétrica de forma mais eficiente, sem desperdícios.


01/06/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu, Saúde

Profissionais da UBS do bairro Novo Rumo orienta estudantes sobre Infecção Sexualmente Transmissível

Buscando implantar testes rápidos para diagnosticar Infecções Sexualmente Transmissíveis em adolescentes e jovens no município de Jucurutu a Secretaria Municipal de Saúde através da Unidade Básica de Saúde do Bairro Novo Rumo, vem intensificando o projeto “Escola Saúde – Eu visto essa camisa”.

O projeto teve início em 2017 e inicialmente foi implantado na Escola Municipal Wagner Lopes de Medeiros no Bairro Stª. Izabel com a participação dos estudantes.

No primeiro momento os alunos receberam orientações e informações sobre IST´s no mês seguinte os que desejarem fazem os testes e quando necessário recebem o atendimento ofertado pelo Sistema Único de Saúde – SUS.




Facebook


Twitter