01/03/2018
Por Edilson Silva em Barra de Santana, Jucurutu

Representantes do MPRN visitam obras da barragem de Oiticica em Jucurutu

As promotoras de Justiça e coordenadoras dos Centros de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Meio Ambiente (Caop-MA) e de Cidadania (Caop-Cidadania) do MPRN, Mariana Barbalho e Fladja Souza, visitaram nesta terça-feira (27) as obras da barragem de Oiticica em Jucurutu, incluindo a área do novo Distrito de Barra de Santana. O projeto garantirá mais segurança hídrica para o Rio Grande do Norte, já que a área também receberá as águas da transposição do Rio São Francisco.

Enquanto esse projeto se concretiza, a construção do novo distrito ganha forma. Estão sendo erguidas mais de 200 casas, igreja, cemitério, centro comercial, Unidade Básica de Saúde, ginásio, entre outros equipamentos públicos coletivos.

“A nossa visita ao espaço foi realizada com a proposta de conhecermos a iniciativa como um todo para termos uma noção geral para poder contribuir com o que for necessário”, destacou a coordenadora do Caop-MA Mariana Barbalho.

Atualmente, o procedimento foi remetido pela Promotoria de Justiça de Jucurutu ao Ministério Público Federal, já que a verba que executa o projeto é do Ministério da Integração Nacional. Por outro lado, a questão sócio-ambiental continua sendo acompanhada pelo MPRN em Jucurutu.

“O processo de implantação da barragem envolve uma série de direitos sociais, dentre os quais o direito à moradia digna, informação e participação, sendo tais questões equacionadas em audiências com os envolvidos”, ressaltou Fladja Souza.

O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema) está avaliando como será realizada a compensação ambiental. “Para que a área possa ser alagada, será necessário o desmatamento de muitos hectares. O estudo do Idema avaliará a melhor forma de proceder com essa ação”, complementou Mariana Barbalho.

Além de receber as águas da transposição, Oiticica deverá abastecer mais 21 cidades da região Seridó. A barragem, esperada há mais de 50 anos, já está com 65% das obras concluídas. São mais de 4 km de área construída e capacidade para armazenar 566 milhões de metros cúbicos de água, que servirão tanto para o abastecimento humano, quanto para produção econômica e para o lazer.


01/03/2018
Por Edilson Silva em Natal

Chuva alaga ruas e deixa carro submerso em Natal

As chuvas que caíram sobre Natal na manhã desta quinta-feira (1º) alagou ruas e deixou alguns pontos da cidade intransitáveis. É o caso da avenida Mor Gouveia, na Zona Oeste, um carro ficou submerso pela água. O caso aconteceu por volta das 9h30.

Os alagamentos também foram registrado em outras áreas da cidade. A avenida Hermes da Fonseca, na Zona Leste, apresenta vários pontos com água acumulada. Na rua Mipibu, em Petrópolis, os motoristas tiveram dificuldade de atravessar a lagoa que se formou. Alguns transitam de forma mais lenta, para evitar buracos e entrada de água nos veículos.

Na rua Carnaúba dos Dantas, no bairro Lagoa Nova, os moradores ficaram ilhados conforme a o nível da água subiu.

A chuva também esfriou um protesto dos vigilantes, que estão em greve, marcado para ter início na reitoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Por volta das 9h10 o grupo que já estava no local aguardava o tempo melhorar.

De acordo com a Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn), a cidade teve 260 milímetros de chuva no acumulado dos dois primeiros meses do ano.

 G1 RN


01/03/2018
Por Edilson Silva em Educação

Novos conteúdos do Projeto #QueroAprender estão disponíveis a partir de hoje (1)

Hoje (1º), os estudantes da rede estadual de educação passarão a ter acesso aos novos contéudos online do Projeto #QueroAprender para o ano de 2018. A publicação dos materiais acontecerá por meio do ambiente virtual de aprendizagem do Sistema Integrado de Gestão da Educação (www.sigeduc.rn.gov.br) e na página oficial do programa no Facebook.

Em seu segundo ano, o projeto ajuda aos estudantes na preparação para a realização de provas avaliativas, como o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Os conteúdos são de responsabilidade de professores que atuam nas redes pública e privada de ensino.  Presente em múltiplas plataformas, o projeto #QueroAprender também estão presente Google Play por meio do seu aplicativo oficial.


01/03/2018
Por Edilson Silva em Economia

Feira do Turismo Potiguar já tem mais de 30 municípios confirmados; confira

O número parcial de expositores da 4 Feira dos Municípios e Produtos Turísticos do RN (Femptur) já revela amplo crescimento. O evento terá a presença de mais de 30 municípios, todos com estande próprio. Alguns deles: Natal, Mossoró, Parnamirim, São Miguel do Gostoso, Tibau do Sul/Pipa, Canguaretama, Caicó, Grossos, Santa Cruz, Extremoz, Guamaré, Macau, Nísia Floresta, Baía Formosa, Touros, Rio do Fogo, Ceará Mirim, Pedra Grande, Monte das Gameleiras, Serra de São Bento, Passa e Fica, Assu e Jucurutu, entre outros.

A iniciativa privada também marcará boa presença. Empresas de receptivo como Wheltour e Marazaul terão amplos estandes, assim como a Natal Bus, responsável por passeios em ônibus panorâmicos. Operadoras como a CVC, agências de viagem como a Dandara Turismo e meios de hospedagem como o Serhs Natal Grand Hotel serão outros destaques da feira, assim como empresas especializadas em aplicativos turísticos e organizadores de eventos.

Entre as atrações voltadas para o entretenimento e lazer, a Femptur terá espaço gastronômico com nove operações, ampla feira de artesanato, feira de agricultura familiar, exposição do acervo do Museu da Rampa, exposições fotográficas de Carla Belke e de Canindé Soares, além de mostra de óleos sobre tela do artista Eliezer Andrade.

A 4 Femptur e o 9 Fórum de Turismo do RN contam com o apoio do Governo do Estado do RN (Governo Cidadão), Prefeitura de Natal, Sistema Fecomércio, Sebrae e Banco do Nordeste. ABIH-RN e Natal Convention Bureau também apoiam os dos eventos, assim como a Data Show e o Serhs Natal Grand Hotel.


01/03/2018
Por Edilson Silva em Tecnologia

Prazo para adesão ao programa Internet Para Todos vai até o dia 5 de março

Até o dia 5 de março as prefeituras podem fazer a inscrição, enviando e-mail para internetparatodos@mctic.gov.br. Até esta quarta-feira (28), 30 municípios potiguares haviam concluído o processo.

Os municípios que quiserem receber as antenas de comunicação ainda no primeiro semestre, precisam se inscrever logo. O contrato será assinado no dia 12 de março”, reforça Fábio Faria, relembrando a importância do programa.

O ‘Internet Para Todos’ é um programa federal que vai levar internet banda larga gratuita às escolas públicas e hospitais, e a preço reduzido às zonas rurais que ainda não contam com o serviço, democratizando o acesso à informação.

É um dos maiores investimentos que o governo federal está fazendo: R$ 3 bilhões no programa do satélite que vai permitir conectar todas as localidades”, afirma Kassab.

Os municípios que tiverem dúvidas sobre o programa podem entrar em contato pelo (61) 2027-6932.




Facebook


Twitter