24/01/2018
Por Edilson Silva em Jucurutu

Prefeitura e Ministério Público discutem abastecimento de água em Jucurutu

Na manhã desta quarta-feira (24), o prefeito Valdir Medeiros se reuniu com a promotora de Justiça da Comarca de Jucurutu, Beatriz Azevedo de Oliveira, para discutir o problema da falta de água nos bairros. Além do Centro da cidade, preocupa o abastecimento dos bairros Freitas, Abraão Lopes, Novo Rumo I, II e III, Novo Horizonte, Severina Lopes, COHAB, Vila Isabel e DNOCS (Setores II, III, IV, e V), além da comunidade Boi Selado.

Muitos jucurutuenses estão sem água nas torneiras há mais de quinze dias. Mesmo o abastecimento sendo responsabilidade do Estado, o prefeito Valdir debateu medidas emergenciais para amenizar a falta de água e requereu explicações da Companhia de Água e Esgotos do Rio Grande do Norte – CAERN sobre a causa da interrupção do fornecimento no Município.

O chefe da CAERN em Jucurutu, Francisco Luiz dos Santos, esteve presente e explicou que o fornecimento estava paralisado em razão da adaptação nos filtros de água para que fosse possível aumentar a vasão de abastecimento de doze cidades, incluindo Jucurutu, a partir da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves em Assu. A empresa contratada pela CAERN para o serviço não cumpriu o prazo e somente hoje foi concluído o reparo, com a retomada do abastecimento pelos bairros mais afetados.

Na reunião ficou acordado que o município irá complementar o abastecimento por meio de imediata aquisição de água, por contratação direta emergencial, em caso de nova paralização ou da não retomada do abastecimento de água pela CAERN. A reunião contou ainda com a participação dos diretores da CDL Jucurutu, Maria Elizabeth Galvão, Maria da Guia Medeiros e Roberto dos Santos Silva, dos vereadores Fagner Bezerra de Brito e Francinildo Aquino do Silva, do Chefe de Gabinete do Município, Aminadabe Lira, e do empresário Jessé Lopes Galvão.



0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Facebook


Twitter