12/11/2017
Por Edilson Silva em Política

Políticos articulam ações que podem comprometer investigações de combate à corrupção

Foto: Edilson Silva

Depois de o presidente Michel Temer conseguir barrar o prosseguimento das duas denúncias apresentadas pela Procuradoria Geral da República contra ele, políticos aliados do governo articulam várias ações que podem comprometer as investigações de combate à corrupção.

Os deputados já se movimentam pra discutir o projeto que altera a lei do abuso de autoridade. Na avaliação do Ministério Público, alguns artigos da proposta ameaçam a independência de promotores e procuradores, e podem dificultar investigações como as da Operação Lava Jato.

A comissão especial que vai analisar o projeto foi criada um dia depois que os deputados derrubaram o prosseguimento da segunda denúncia contra temer pelos crimes de obstrução de justiça e organização criminosa. Outro projeto em análise na Câmara quer proibir que pessoas que estejam presas façam acordo de delação premiada.



0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Facebook


Twitter