01/02/2014
Por Edilson Silva em Brasil, Jucurutu

Chuvas provocam transtorno em Fortaleza e alegria no interior

.
Os 22,4 milímetros de chuvas registradas entre a madrugada e manhã de ontem (31) não foram tão fortes, no entanto, provocaram transtornos em vários pontos de Fortaleza.
.
Precipitação 
.
Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a coleta no posto da Água Fria foi a que apresentou o maior valor acumulado de precipitação em Fortaleza. Por outro lado, o posto do Pici registrou 14,1mm. A temperatura variou entre 25ºC e 29ºC.

.

No Estado, Canindé foi o município com mais chuva: cerca de 63,6mm. Aracoiaba e Jati completam a lista das cidades com precipitação superior a 50 mm. No total, 113 municípios cearenses registraram chuvas nesse período. No acumulado de janeiro, o maior volume pluviométrico foi registrado em Acopiara, com 205mm, seguida de Itapipoca, com 185,6mm.

.

De acordo com a Funceme, a nebulosidade está associada a áreas de instabilidade atmosférica ocasionadas pela proximidade da Zona de Convergência Intertropical do Nordeste brasileiro. Apesar dos registros de chuva, a Funceme ratifica o prognóstico divulgado no último dia 21 de janeiro, com maior probabilidade de precipitações abaixo da média nos meses de fevereiro, março e abril.

.

“Com essa previsão climática, não estamos dizendo que não choverá. Haverá, sim, algumas precipitações em todas as regiões do Ceará, mas o acumulado das chuvas nos três meses deve ser menor que a média histórica”, explica a meteorologista Cláudia Rickes.
.
.
.
.
.



0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Facebook


Twitter